Está dificil pagar o que deve ao banco?…

Não se preocupe, não se acanhe, nem se abale, pois saiba que dever não é crime e você não perde a sua cidadania por dever para um banco e ninguém vai preso por isso, pois, você não é o único, já que, como você, independente da condição ou posição social, centenas de milhares de pessoas se encontram nessa espinhosa situação e nessa hora, o mais importante é não se apavorar para não perder o controle nem o domínio do fato, pois por mais que esse lhe incomode, não seria nenhum bicho de sete cabeças e com um pouco de cautela, paciência e determinação, certamente você retomará a ordem financeira na sua vida e quando isso ocorrer, perceberá que foi mais fácil do que imaginava.

O Artigo 5º Inciso LXVII da Constituição Federal Brasileira, determina que não haverá prisão civil por dívida, salvo a do responsável por dívida proposital e voluntária, a do culpado pelo descumprimento de pensão alimentícia e ainda, a do depositário infiel e segundo entendimento de alguns desembargadores, nos termos da Constituição Federal, é possível apenas a prisão do depositário infiel, todavia, se você ficou devendo a um banco por motivos de força maior, digo, por fatos que fogem do seu controle e da sua vontade, na verdade, você é penalizado duplamente, pois, além desses, você também é vítima da livre atuação abusiva dos bancos que compõem e incham valores inadimplentes de forma desleal e ilícita, para assim atender e beneficiar, de maneira dolosa, seus próprios interesses e, – por conta desse dispositivo e fundamentações acima, entendo que, deliberação contrária ao reconhecimento da vulnerabilidade do consumidor bancário, fere a nossa Carta Magna e, consequentemente seria inconstitucional.

O pretexto utilizado pelos bancos para generalizar a condição de inadimplente e com isso, de maneira descuidada e irresponsável, classificar todos os devedores como caloteiros, é uma aberração social, pois, como já disse, todo caloteiro é um devedor, mas, nem todo devedor é um caloteiro e os bancos possuem nas mãos, uma vasta quantidade de ferramentas e sistemas que possibilitam a diferenciação e identificação desses dois consumidores, se assim for do interesse destes, mas, preferem equiparar a todos pelo nível abaixo do mínimo, se aproveitando de uma vulnerabilidade permanente e assim agridem o caráter e discriminam de maneira preconceituosa o consumidor de bem que fica inadimplente por motivos alheios à sua vontade.

Em referencia às orientações aqui expostas em outras datas, quero acrescer que, quando você está devendo para um banco, o primeiro passo a ser dado, seria verificar se a dívida pode ser exigida pelo banco, isto é, se a mesma é legal e se está de acordo com a lei e para isso, deve também ser verificado se as cláusulas do contrato assinado estão igualmente em concordância com a lei, para que, com base nessa verificação, você possa analisar e constatar se os valores cobrados foram constituídos dentro dos padrões e princípios exigidos pela lei e no âmbito dessa análise devemos detectar a presença de uma sintonia total entre estas peças fundamentais para a veracidade e a legalidade da dívida exigida pelo banco, – em outras palavras, quero dizer que:- O débito estabelecido pelo banco credor deve estar em obediência plena ao contrato pactuado entre as partes, mas, é fundamentalmente necessário, que as cláusulas desse contrato também estejam em plena obediência ao Código de Defesa do Consumidor e aos princípios éticos e padrões de igualdade.

Acompanhe a partir daqui, meu breve raciocínio:- Uma das regras do Código de Defesa do Consumidor é baseada no princípio de cumprir o prometido, isso significa que durante a relação de consumo os bancos devem honrar tudo que prometem ao consumidor nas propagandas veiculadas na grande mídia, quando apresentam e ofertam os seus serviços aos consumidores, que são atraídos para um mundo de sonhos e realizações financeiras e que receberão, segunda essa promessa, a chave que concede acesso a essa concretização, tornando-se cliente desse credor, mas, após adquirir controle absoluto sobre seu cliente, esse credor nunca celebra o prometido, gerando assim, uma espécie de descumprimento a tudo o que foi dito e/ou anunciado na oferta e esse fato ressoa uma certa traição ou enganação, pois, o compromisso da promessa, essencialmente deve ser cumprido como se constituísse cláusula vital do contrato, pois iludir e atrair o cliente consumidor para um ambiente onde tremula a bandeira da tapeação, para sobre esse levar vantagem, no meu entender é crime doloso.

Artigo 46º do Código de Defesa do Consumidor dita:- “Os contratos que regulam as relações de consumo não obrigarão os consumidores, se não lhes for dada a oportunidade de tomar conhecimento prévio de seu conteúdo, ou se, os respectivos instrumentos forem redigidos de modo a dificultar a compreensão de seu sentido e alcance”.

Portanto, quero chamar a atenção de todos para o detalhe de que, o direito do consumidor não consiste apenas em ler, mas sim, em entender amplamente tudo que no contrato foi grafado, pois se as cláusulas do mesmo foram redigidas com termos técnicos e jurídicos, distantes da compreensão e entendimento do consumidor e como agravante, se o credor no momento de assinar o contrato não explicou seu conteúdo e significado, – como o consumidor pode ser culpado por algo que ele não tem conhecimento? – E mais, como o consumidor pode ser responsabilizado por uma coisa que na verdade pode vir a vitimá-lo, ou, prejudicar sua saúde financeira com marcas profundas e efeitos morais e psicológicos devastadores? – Pois, o Código de Defesa do Consumidor concede a todos os usuários de produtos e serviços, o direito pleno a todo tipo de informação, de maneira clara e objetiva sobre um serviço adquirido, inclusive as consequências maléficas e possíveis acidentes causados por esse serviço durante o seu uso, caso contrário, o consumidor não poderá ser responsabilizado, sob qualquer pretexto, pelas consequências danosas que nesse período venham a ocorrer.

E ainda, para completar meu raciocínio, quero recapitular que o contrato de adesão, que é aquele cujas cláusulas foram aprovadas por autoridades, ou, estabelecidas unilateralmente pelo fornecedor de produtos ou serviços, sem ao consumidor ser concedido previamente o direito de discutir ou modificar substancialmente seu conteúdo, mas, conforme reza o Artigo 54º e Parágrafos, do Código de Defesa do Consumidor, – a inserção de cláusula no formulário por parte do consumidor não desfiguraria a natureza de adesão do contrato – e, – as cláusulas que determinarem limitação de direito ao consumidor deverão ser redigidas com destaque, permitindo sua imediata e fácil compreensão – e, ainda no mesmo Código, – o Artigo 6º Inciso V, concede ao consumidor o direito de modificar cláusulas contratuais que estabeleçam prestações desproporcionais ou a sua revisão em razão de fatos supervenientes que as tornem excessivamente onerosas ao mesmo.

Em resumo, quero manter vivo o alerta ao consumidor que possui débito com algum banco, da vital importância da verificação da “legitimidade” de uma dívida cobrada por essa instituição, pois na maioria das vezes, costumam apostar na sorte e tentam enfiar garganta a baixo de seus clientes dívidas absurdas, criadas sem regras, agredindo a lógica comercial moderna mundial e ferindo a exatidão da ciência matemática, por iniciativa da imaginação tirânica de algum dos seus fiéis colaboradores, como muitos leitores aqui já testemunharam e denunciaram, com a intenção de engordar os cofres dessas instituições, que, anos após anos apenas enriquecem de maneira unilateral e duvidosa, na tentativa incansável de exterminar por completo todas as possibilidades de reciprocidade no cenário consumista brasileiro e com isso, validar a lei daqueles que, por deterem o controle absoluto do dinheiro dos outros, imaginam que são os mais fortes e por conta disso tudo podem.

 

Contribua com o escravosdosbancos.com.br – Faça uma “doação” de qualquer valor:

Banco do Brasil  >Agência 6819-5  >Conta Corrente 17.525-0



Veja também:
  • Ainda endividado com seu banco?!…
  • Você está devendo para um banco?…
  • 51 e mais 1 razão para não ter conta em banco
  • Cancele seu cartão de crédito mesmo com dívida
  • Penhorar bens do endividado em 24 horas
  • 308 comentários »

    1. Carol disse,

      10/06/2009 @ 16:07

      Moro em Curitiba e entrei em contato com a Defensoria Pública e me informaram que se eu precisar de um advogado para me defender quanto as relações bancárias, não tenho direito, que isso deve ser visto no PROCON, mas esse órgão não pode me defender perante a um juiz. Se eu necessitar de um advogado para resolver assuntos quanto a débitos bancários e não puder pagar, a quem devo recorrer? Achei estranho, pois li no site do endividado.com.br, que a defensoria pública seria possível nesse caso.
      Quero parabenizá-lo pela iniciativa desse site, pois dessa forma, vemos que nem tudo está perdido.

    2. Fabiano B. disse,

      24/06/2009 @ 23:36

      Cara amiga Carol, infelismente as defensorias publicas sao assim mesmo, tbm jà tentei ser defendido por eles e o atendimento é um absurdo, nao dizem nada com nada, é uma vergonha, e principalmente nos casos de dividas, bancos e administradoras de cartao de crédito, nem defensoria nem os atendimentos gratuitos que algumas faculdades de direito as vezes oferecem vao te ajudar, eles simplesmente nao “pegam” nenhuma causa contra estes que citei acima. É lastimavel, voce tem que contratar um bom advogado especializado no assunto, e atençao, advogado é como médico, cada um tem sua especialidade, nao pegue qualquer um “genérico” que voce se dà mal. abraço e boa sorte.

    3. Junior disse,

      26/06/2009 @ 20:16

      boa noite,recebio um comunicado ,dizendo assim….o nao atendimento dessa notificaçao,sera interpretado como falta de enteresse ,para acordo amigavel,lembrando que a partir de entao,a situaçao,estara sujeita a medidas prevista na lei.
      Qual sera essa medida?pode me informar?

    4. Carol disse,

      28/06/2009 @ 16:14

      Junior também já recebi esse tipo de comunicado, o melhor a fazer é ver o que eles tem a te oferecer. Aceitei um acordo proposto pela empresa de cobrança ML Gomes e eles voltaram atrás e não cumpriram o combinado, isso depois de eu receber uma cartinha dessas. Mandei uma carta registrada e com AR referente ao meu débito, junto a um banco, solicitando a evolução da composição de débito, conforme consta nesse site, mas não obtive nenhum retorno deles. Quando falo com essas empresas, coloco o telefone no viva voz e gravo as conversas, pois eles não são nada confiáveis.

    5. Carol disse,

      28/06/2009 @ 16:16

      Fabiano B. o atendimento nesses órgãos são horríveis, infelizmente temos que nos sujeitar a eles. Isso é uma vergonha.

    6. Astraea disse,

      27/07/2009 @ 20:31

      Quero aqui parabenizar Marcos Antonyo pelo site Escravos dos Bancos, e dizer que o incluí entre os meus favoritos, pois concordo com tudo que foi dito em relação aos cartões de crédito, contratos de adesão, bancos, advocacia dativa (exceção a da justiça federal que não conheço e não tenho como mensurar a efeciência deles) etc., onde já passei por situações semelhantes, e consegui livrar-me de todos os cartões, cheque especial e finaciamentos de veículos. Apenas ainda tenho uma dívida com a CEF referente ao Fies, cujo contrato de adesão estipulou cláusulas iguais com fórmulas onerosas(tabela price), cuja a dívida vem crescendo progressivamente em decorrência de minha inadimplência. Gostaria de saber do autor se conhece o Fies e oque acha?
      ” Astraea era uma deusa da justiça. Conta-se que ela deixou a Terra no fim da Idade do Ouro para não presenciar as aflições e sofrimentos da humanidade durante as idades do Bronze e do Ferro.”
      Imaginem oque ela faria na idade comtemporânea com os bancos mandando no mundo.

    7. beatriz disse,

      12/08/2009 @ 17:23

      olá!!!olha estou precisando de sua ajuda tive um problema familiar e ñ pude pagar o meu emprestimo no banco agora depois de 6 anos fui tentar comprar um imovel e o banco ñ permitiu pois eu tinha está divida no outro banco.só que meu nome ñ está no spc nem no serrasa mais eles disserão que ñ.isso é ruim pois o banco da qual eu devia queria cobrar um preço que eu nem se trabalhasse minha vida inteira poderia pagar.me ajuda pois estou desesperada.obrigado

    8. Daniele disse,

      19/08/2009 @ 19:47

      Boa noite fiquei devendo para uma loja já fazem uns 2 anos e meio pq fiquei desempregada, condião a qual me encontro ainda.
      Moro de favor na casa dos meus avós e faço alguns bicos para meu sustento mas não tenho como pagar essa dívida, na época se me lembro bem o que ficou faltando das parcelas foi algo em torno de 170,00 estão me conbrando mais de 1.000,00.
      Tenho recebido ligações constantes do banco Fibra me cobrando essa dívida e dizendo que vou ser prejudicada se não quita-la.
      Gostaria de saber sobre os prejuízos que posso ter caso não quite essa dívida com esses juros abusivos.
      Estou desesperada.
      Obrigada!!!

    9. cleyton disse,

      23/10/2009 @ 23:15

      boa noite Marcos,estou com uma divida no banco nossa caixa a mais ou menos 3 anos minhas dividas eram: 3500,00 reais de um emprestimo e 900,00 reais de especial ,ja tentei negociar varias vezes e o banco nao se recusa a fazer um acordo ,apenas mas nao me da condiçoes ,a ultima ves que estive la eles queriam 2500,00 de entrada do emprestimo, e 650,00 do especial e o saldo em 48×350,00 ,alefando que minha divida passava dos 18500,00 reais e que se eu nao aceitase os juros continuariam o que devo fazer ? a quem devo recorrer?
      um advogado cobraria muito ? por favor nao sei mais o que fazer me ajude.
      desde ja muito obrigado

    10. Line disse,

      09/11/2009 @ 21:37

      Boa noite Marcos, estou com um problema e gostaria que me ajudasse!
      Fiz um empréstimo consignado na CEF mas fui desligada da empresa, e não consegui pagar o restante das parcelas, paguei mais ou menos umas 8 parcelas, e faltavam umas 28.
      o impréstimo era de 7200,00 e hoje estão me ligando falando que vou ser processada e que a minha dívida já estaria por mais de 16.000. Eles podem me processar por eu estar devendo? Como é esse processo? E o que pode acontecer comigo?
      Desde já mto obrigada!

    11. leo zambotti disse,

      06/12/2009 @ 21:18

      tenho um debito no banco e estava pagando normalmente até que apareceu a tal de prestação balão ,então acumulou o valor da prestação normal e o da prestação balão,o saldo ficou negativo,fui a agencia conversei com gerente mas não houve nem uma possibilidade de passar adiante a prestação balão para continuar a pagar a normal,não consigo pagar nem uma nem a outro porque ficou tudo negativo o banco cobra juros em cima de tudo isto,bom o banco quer fazer um novo acordo:, assim ,manda tudo para o prejuizo do banco quando voltar para gerencia nos fazemos um novo acordo em valores altissimos,o que devo fazer,detalhe fui antes da prestação balão para tentar negociar mas não deu em nada

    12. odete sousa dinis disse,

      14/01/2010 @ 22:36

      boa noite e tenho lido as perguntas.e meu caso é quase igual,meu companheiro e eu devemos a varios bancos.au tudo devemos mais ao menos 25000 euro.mas
      nos estamos bem informados .nos vivemos em casa numas divisões que são da minha mãe.eu não trabalho meu conpanheiro ganha o suficiente para pagar úm o dois creditos por mes, porque somos uma familha grande.não da para pagar a todos uma quantia.mas eu digo devo ,mas não pode tirar aquilo que eu não tenho.não tenho carro.nem casa. e os bancos falam em tirar os meus bens.se nada é
      meu estou em casa da minha mãe,não tenho nada, que bens? ligam para casa dos meus pais,eu não atendo ligam para meu telemovel anonimo, ja sei que sãos os bancos,eu não sou obrigada a receber amiaças que se não pagar vão recorer a justiça,isso ja eu sei.os bancos tem muito dinheiro,não precisão dele somos pobres vou passar fome eu e as minhas filhas? não ,.quando encontrar o trabalho,e poder pagar . eu pago. faltar comida em casa por causa de bancos, não. eu não aceito.familias que passão fome so porque deve ão bancos ,devemos, temos que pagar, mas no momento em que não nos fas falta.

    13. Marilene Borges disse,

      22/02/2010 @ 13:15

      COMPREI UM LOTE,FIZ MINHA CASA,MAS ESTOU EM ATRASO 6 PARCELAS,ESTOU INDO TODO MES PAGAR UMA,,SEMPRE ENTRO EM CONTATO DIZENDO QUAL O DIA QUE ESTAREI LA PAGANDO,,,MAS AGORA ESTÃO AMEAÇANDO ME TIRAR O LOTE SE EU NÃO PAGAR AS ATRAZADAS,,ISSO É POSSIVEL?O QUE DEVO FAZER? OS PROPRIETARIOS SÃO ADVOGADOS!!!! OBRIGADA SE PUDEREM ME RESPONDER

    14. RIVAIL disse,

      14/09/2010 @ 10:02

      ULTRAPASSEI O LIMITE DO ESPECIAL E POR MOTIVO DE SAÚDE (GASTOS NÃO PREVISTOS), NÃO TENHO COMO COBRI LO, UMA EMPRESA DE COBRANÇA ME LIGOU PROPONDO UM ACORDO DE PARCELAMENTO POREM O VALOR PROPOSTO NO MEU ORÇAMENTO NÃO TENHO COMO ACEITAR, POIS ARREBENTARA MEU ORÇAMENTO MENSAL, SE A EMPRESA NÃO TIVER OUTRA PROPOSTA, O QUE FAÇO, OU O QUE PODEM FAZER CONTRA MIM… ?

      ATENSIOSAMENTE …

    15. SELMA SIMÃO disse,

      18/09/2010 @ 18:55

      FIZ UM EMPRESTIMO NO BANCO EM MAIO DE 2008, NO VALOR DE 10.000,00, PAGUEI 9 PRESTAÇÕES DE 710,00, E ACABEI NÃO CONSEGUINDO PAGAR MAIS, ANTES DE ACONTECER ISSO, FUI AO BANCO CONVERSEI SABRE MINHA SITUAÇÃO E PEDI PARA QUE MINHA DÍVIDA FOSSE RENEGOCIADA EM 48 VEZES, ASSIM DARIA PARA EU CONTINUAR HOONRANDO COM MEUS DEVERES, POIS ANTES QUE EU FIZESSE O EMPRESTIMO ME MANDARAM UMA CARTA E LA EM LETRAS PEQUENAS DIZIA EM ATÉ 48 MESES, QUANDO FUI AO BANCO VER SOBRE O EMPRESTIMO, FOI FEITA A PROPOSTA EM 24 VEZES, NÃO ASSINEI NENHUM CONTRATO, NO DIA SEGUINTE LIGUEI, DIZENDO QUE IRIA FAZER O EMPRESTIMO, E PELO TELEFONE MESMO FOI LIBERADO O EMPRESTIMO, DEPOSITADO EM MINHA CONTA, SEM ASSINAR NADA,NÃO TIVE NENHUM CONTRATO, NADA, E QUANDO OS PROCUREI, PARA NEGOCIARMOS NOVAMENTE A DÍVIDA EM 48 VEZES DISSERAM QUE ESSA OPIÇÃO ERA PRA QUEM FOSSE CLIENTE A MAIS DE 1 ANO E EU IRIA COMPLETAR UM ANO. HOJE ME MANDAM CARTAS DE COBRANÇA DIZENDO ESTÃO ENTRANDO COM PROCESSO JUDICIAL, NO MOMENTO NÃO TENHO COMO PAGÁ LOS, SÓ A PARTIR DE 02/2011 POIS ESTOU PAGANDO COM O MESMO BANCO 2 DIVIDAS DE CARTÃO DE CRÉDITO NO VALOR DE 700,00. ELES PASSARAM MINHA DIVIDA PARA UMA EMPRESA EM FORTALEZA QUE DESCOBRIRAM ATRAVÉS DO NOME DA MINHA MÃE NO CPF O TEL DELA NO INTERIOR DO RIO EU MORO EM SÃO PAULO, COMEÇARAM A LIGAR PRA MINHA MÃE ME EXPONDO DIZENDO DA MINHA DÍVIDA COM O BANCO, ME SENTI MUITO HUMILHADA COM TODA ESSA SITUAÇÃO, OQUE ELES PODEM FAZER CONTRA MIM ?, NO PRÓXIMO ANO CREIO QUE VOU PODER COMEÇAR A PAGAR. ELES FALAM EM BLOQUEAR BENS? QUE BENS? SOU DIVORCIADA MORO COM 2 FILHAS MENORES DE ALUGUEL, NÃO TENHO NENHUM BENS.

    16. Rubia disse,

      05/10/2010 @ 0:58

      Boa noite Marcos!!Gostaria de parabeniza-lo pela inciativa deste site!!Afinal existem muitas pessoas assim como eu que estão com problemas no bancoe infelismente estão com difuculdade de quitar a dívida pendente!!

      No meu caso,gostaria de esclarecer algumas dúvidas,tenho empréstimos no Banco Santander, e alguns meses atrás estive de licença médica,quando retornei ao trabalho recebi apenas metade do salário e infelismente isso em causou grande transtorno,afinal os empréstimos descontados em conta não foram cobertos!

      Enfim a cerca de 9 dias atrás fiz um renogociação da dívida e minha gerente disse que estava td certo e que mandaria o contrato para análise em SP e que no máximo em dois dias voltaria para assinar o contrato de renegociação!!
      Liguei,liguei e liguei várias vezes e a mesma me informava que assim que tivesse uma resposta entraria em contato,questionei se o problema seria resolvido antes de cair meu pagamento,pois assim como no ultimo mês passado meu salário caiu na conta e o banco simplesmente abocanhou não me restando absolutamente nada,deixei de pagar aluguel,contas de áqgua e luz posso dizer que nem mesmo dinheiro para ir trabalhar tinha!
      semana passada(sexta feira) entrei em contato novamente com minha gerente e a mesma infou que seria resolvido antes de cair meu pagamento,para que assim,não fosse cobrado juros e o valor absurdo de tantas outras taxa q vc deve conehcer …o banco esta em grve e gostatria de saber,nessa situação..como fica a minha situação?!O Banco ainda pode reter todo meu salário?já que apenas estou esperando uma resposta por parte deles para assinar o contrato,minha aprte como cliente eu fiz,e há dias espero essa resposta,agora estou com medo do meu salário cair na conta e acontecer todo o transtorno!!
      Por favor,aguardo resposta,desde já agradeço a atenção!!

    17. william disse,

      05/10/2010 @ 6:38

      bom dia pessoal! bom minha pelo unibanco ja passa dos 41.000,00 por conta dos juros abusivos de cartao de credito pelo ibicard ja vai mais de 3.000,00 pelo credicarcit o triste mais de 3,000,00 e nunca tento me desesperar por isso primero tenho fé en DEUS e sei q ele existe e segundo sei q estou sujo mas não vou preso por esta divida por a unica divida q da prisão e alimenticia ou sejas pens~~ao + estou tranquilo por q tenho a conciencia q não devo isso tudo. isso é por contas dos 16% + outros encargos de cartão de credito q eles colocam eu so ganho um salario minimo q so dar pra manter eu e minha esposa e filho + JESUS SALVADOR E DEUS VAI RESOLVER ESSA BRONCA PRA MIN A FÉ REMOVE MONTANHAS. DESDE JA AGRADEÇO A TODOS SE TIVER ALGEN COM MESMO PROBLEMA MEU AGRADEÇO COMENTARIOS. PARABENS PELO SITE http://WWW.ESCRAVOSDOSBANCOS.COM.BR ELE AJUDA MUITO XAU PESSOAL

    18. Fábio disse,

      12/10/2010 @ 7:53

      Como é feito o dinheiro?
      O dinheiro é gerado do nada! Não há lastro, não há reservas em ouro, os bancos simplismente tem o direito de emprestar 10 vezes o que eles tem em caixa e se precisar de mais, o banco central através de emprestimos do FED (banco americano que não é federal e sim privado, cria do nada o dinheiro e empresta para gente ficar pagando juros eternamente)
      Agora o interessante é que quando um banco fali, como a Caixa Economica Federal a uns anos atras, ou quando uma empresa fali, simplismente se esquece a dívida e declara falência! E as vezes o governo ainda dâ dinheiro para “socorre-los” :)
      Nós meros cidadãos comuns que por não ter uma porcaria de uma associação chamada empresa, que na maioria das vezes é só fachada, só para ter crédito, não podemos falir, não podemos quebrar, se isso acontecer eles querem levar até nossas cuecas.

      É uma palhaçada mesmo isso todo.

    19. Fábio Lima disse,

      21/10/2010 @ 19:42

      Parabéns pelo site, muito esclarecedor!

    20. tereza ferreira disse,

      02/11/2010 @ 23:11

      eu peguei um imprestimo ao banco bradesco ja esta em 3000,mas nao tenho como pagar
      o que acontece comigo?isso caduca?pf me esplaca por email! obrigada

    21. tereza ferreira disse,

      02/11/2010 @ 23:12

      o meu email e mariaalice3@hotmail.com

    22. sergio disse,

      04/11/2010 @ 19:59

      peguei um emprestimo no banco no valor de 32.000 e comprei um caminhao a vista no valor de 29.000 do tipo sprinter,só que tive problemas de documentaçoes com o caminhao e demorou para passar para o meu nome isto me levou tres meses sem o caminhão consegui pagar a 1ª a 2ª e a 3ª e depois começou a acumular estou devendo para o banco 18.000 o gerente queria de qualquer jeito que eu vendesse o caminhão para poder cobrir a conta e me parcelaria o restante em 60 vezes de 700,00 eu assinei um contrato para fazer isto e ele tirou uma xerox do docto do carro,conclusão o que eu faço pois ele falou como não fiz acordo diz ele que rasgou tudo,o caminhão é o meu unico ganha pão no momento se eu ficar com ele a justiça vai me tirar e se eu vender o que acontece.

    23. Ricardo disse,

      11/11/2010 @ 14:39

      Alerta,Alerta, Pessoal a 3 anos atras eu estava no fundo do poço estava com a prestação do carro atrasada, os pneus carecas, licenciamento atrasado,
      e para piorar aluguel vencido,quase sendo despejado, imagina a alegria que estava dentro do meu lar, minha mulher ja tinha tempo que não conversava comigo, quando trocavamos algumas palavras eram apenas brigas por causa das dividas,
      ((((Solução))) Tinha um credito pessoal no banco ao qual passei e rapei tudo, paguei todas as minhas dividas
      ficando devendo apenas para o banco, ao qual é logico ficou me cobrando varias vezes, ameaças por cartas e telefonemas, até que iam mandar um oficial de justiça la em casa, tudo mentira,, Para resumir
      hoje após 3 anos e meio mandaram uma carta com desconto de mais de 80% da minha divida ao qual fui la e quitei, (((((( lembre-se de pegar uma carta de quitação do banco))))) MInha vida mudou totalmente hoje eu e minha mulher estamos super bem, aluguel em dia e até temos um filho. Bem diferente daquela pessoa de 3.5 anos atras que pensava até em suicidio, por isso caros amigos não se desesperem, Acreditem em DEUS ,,,hoje dou risada em pensar que um dia quase tirei minha própria vida, por causa do Banco que a cada dia fica mais rico com o meu e o seu dinheiro,,,,Ex Poupança rende em média 0.66% vai pegar um empréstimo pra ver ((((de 7% a 13%)))..
      Tenham todos um ótimo dia.

    24. juliana errera disse,

      18/11/2010 @ 20:38

      boa noite,gostaria de saber,se existe alguma lei,que ampare as financeiras,no que toca os financiamentos de veiculos,e que eu tive um financiamento e atrasei 5 parcelas,e a financeira colocou meu nome no protesto,só que cobrando o valor total do financiamento que era de 12 mil,já quitei o contrato todo,e falei que queria uma retificação então do valor protestado junto com a carta de anuencia,mas não adiantou eles me mandaram a carta de anuencia no valor dos 12 mil,e não só das 5 parcelas que eram de um mil reais que eu devia,agora quero fazer fies,e não posso por conta do protesto que para cancelar o cartorio cobra 950 reais,e a financeira não esta querendo fazer acordo e me dar uma carta com um valor justo das parcelas que estavam atrasadas na epoca,como procedo.

    25. felipe disse,

      01/12/2010 @ 15:49

      boa tarde eu gostaria de saber se tem como eu colocar na justiça o banco que ta me cobrando um abesurdo e ainda colocu o meu nome no spc , eu ultizei aquele famoso lins que o banco sempre coloca a conta pra depois pagar , so que nao deu pra eu pagar isso passou uns 3 anos, quando eu fui ver pra pode pagar o valor era de aproximadamente de 700 reais , so que agora eles estao me cobrando mais de 10mil reais, e nao tenho condição nenhuma de pagar isso , tem como eu colocar na justiça ja que eles colocaram o meu nome no spc por causa dessa divida que nao posso pagar?

    26. cleusa linzmeyer disse,

      10/12/2010 @ 8:23

      ola!!!estou devendo um um banco á um ano atras.a divida era de 6000reais com juros.estou desempregada e faz um ano que nao pago a divida.gostaria muito de pagar mas no momento nao tenho condiçoes.me mandaram uma carta que estavam transferindo a divida para cobrança judicial.o que vai acontecer?por favor se puder me ajudar agradeço.vão me chamar na justiça?o que devo fazer?grata pela atençao

    27. cleusa linzmeyer disse,

      10/12/2010 @ 8:28

      ola!!!!devo em um banco faz um ano e nao tenho condiçoes de pagar porque estou desempregada,na época minha divida com juros era de 6.000 reais.mandaram uma carta dizendo que ia ser tranferido a divida para cobrança judicial.o que vai acontecer?vao me chamar na justiça?se puderem me ajudar agradeço!!!!como vou pagar se nao tenho condiçoes.

    28. carla disse,

      10/12/2010 @ 21:46

      Boa noite
      Tenho um emprestimo com a caixa economica de Porto A legre ,tive alguns problemas e não pago meu emprestimo a um ano era 36 parcelas de R$70,00 fui na caixa para tentar um acordo e eles estão me cobrando R$5000,00 mais R$1,900 da conta corrente,não tenho condiçoes de pagar este valor pois infelizmente tenho mais dividas como cartão de credito e outro banco.Tem algum lugar que eu poça ir para saber dos juros ou negociar a minha divida como Procom ou Forom?

    29. Andre disse,

      21/12/2010 @ 16:42

      Eu comprei um carro no valor de 16 mil reais e com parcelas de 461 em 60 vezes. Como Eu nao consegui pagar entreguei o carro com 10 parcelas pagas com uma entrega amigavel para a CIFRA e isso ja faz 1 ano que eu a entregue e agora me mandaram uma carta dizendo que eu teria de quitar o restante de 30 parcelas de 461 pois o valor que o carro foi vendido ao leilão foi de 8 mil e cubriria ate a 30 parcela. O que eu devo fazer?

      2. Eu tenho um adivida com o banco real de um emprestimo consiguinado que pulou de 4 mil para 12 mil em 2 anos, pois nao tive condiçoes de pagar.

      Bom! Eu nao tenho condiçoes de pagar estas duas contas pois o meu ganho é mais ou menos de 1000,00 por mes e atualmente estou desempregado. O que Eu devo fazer??

      Obrigado.

    30. valcir disse,

      06/01/2011 @ 16:35

      fui demitido da empresa que trabalhava onde tinha um consignado de 17.000,00 estou ganhando metade do que ganhava não consigo mais pagar o valor das prestações que pagava, oque faço? grato

    31. stefano disse,

      09/01/2011 @ 21:28

      A 4 anos atraz fiquei devendo para 3 Bancos, Santander, Real e Caixa Economica Federal, eras dividas de cartao de credito , especial e credito pessoal, cheguei uma hora que nao conseguia mais pagar, entao deixei rolar, e esperei os bancos virem com alguma prosposta boa para mim, o Santander e o Real, fizeram um acordo primeiro, e paguei bem menos que devia, A caixa nao quiz fazer acordo, entao tambem deixei rolar e esperei eles fazerem uma campanha em Dezembro, eles me telefonaram avisando que minha divida era de 82 mil reais, e que por 1.500 a vista ou 2.000 reis a prazo eles quitavam a divida, nao pensei duas vezes peguei o meu decimo terceiro e quitei a divda. Entao vai aqui algumas dicas.
      1) Fique frio, nao se desespere se organize, pense positivo.
      2) Nao faça mais divida, faça uma planilnha com tudo aquilo que é importante, deixei o supercial de lado, e guarde um dinheiro, essa dica é muito importente.
      3) Fique ligado nas campanhas de renegociacao dos bancos, falo por experiencia propria, eles sempre fazem campanha de renegociacao, seja fraco e sincero com seu gerente peça para ele te avisar sempre que surgir alguma campanha de renegociacao, por isso a dica numero 2 é importente.
      4) So faça acordo que vc tenha certeza absoluta que pode horar e que seja muito boa para vc, nao faça renegociacao com prazos e valores altos, se vc nao conseguiu pagar uma vez nao vai conseguir agora, nao se iluda, pois quando vc faz um acordo a divida é renovada, e é sempre mais dificil depois eles te incluirem numa nova campanha se vc nao horar a primeira.
      5) Confie em Deus, ele é o Senhor do impossivel.

    32. Vania disse,

      12/01/2011 @ 23:47

      Boa noite, em primeiro lugar gostaria de parabeniza-lo.
      Bom, no meu caso a divída não é minha, e sim da minha mãe.
      Ela fez um empréstimo e não conseguiu paga-lo até o final, deixando assim um total de 4 mil reais a serem quitados, porém não temos condições nas atuais sircunstâcias que nos encontremos financeiramente.
      Porém, o Banco não para de ligar e cobra-la, mandaram até um membro do mesmo até a nossa casa para que fizesse que pagassemos.
      Estamos um pouco amedrontadas pelo fato de não conhecermos as leis, e temos medos que possam tomar nossos bens.
      Gostaria de pedir humildemente para que respondesse está minha pergunta, pois estou realmente preocupada. Desde já agradeço a sua atenção. Muito obrigada.

    33. Gislaine disse,

      17/01/2011 @ 14:51

      Boa tarde,devo para o banco,e no cartão de credito que esta em debito automatico.So que o cartão de credito esta liberado para usar .Pois o banco cobriu a divida .Posso usar o cartão,o que acontece?

    34. vinicius disse,

      26/01/2011 @ 11:44

      boa tarde gostaria de uma ajuda no meu caso que e o seguinte:
      tenho um emprestimo consignado e a parcela desse meu emprestimo esta sendo descontada normalmente do meu bilhete mas o banco nao esta recendo nada e por isso o banco colocou meu nome no serasa e ja dei 7 meses para eles resolverem isso vejo que a unica soluçao e entrar na justiça mas nao sei o que fazer nao tenho dinheiro para um advogado.
      Agradeço a ajuda

    35. Mari disse,

      01/02/2011 @ 19:30

      Tenho empréstimo pessoal em financeira, bancos e financiamento de veículo e não estou conseguido pagar tudo. O que acontecerá comigo pois terei que deixar de pagar um desses empréstimo que foi feito uma parte com cheque e outra com carnê.

    36. Ricardo disse,

      05/02/2011 @ 11:54

      Bom dia

      Eu Trabalhava a 8 anos em uma empresa, achando que estava seguro, fiz um empréstimo de R$ 30.000,00 dois dias depois fui demitido, dentro de 30 dias tenho que pagar uma parcela de R$ 2000.00 em 24X, deste empréstimo, só que o problema e o seguinte, não tenho saldo a receber do fgts, devido a compra de imóvel a 6 meses antes, recebi só rescisão, tenho conta no banco a 8 anos, devido aos gastos mensais, não vou ter como honrar com esta divida, se tivesse alguma idéia de que serie demitido, jamais faria este empréstimo para pagar outras despesas, o que faço no meu caso, nunca tive problemas com não pagamento era uma pessoa muito controlada e honrava com meus pagamentos.

      O que faço ?

    37. THIAGO disse,

      08/02/2011 @ 5:07

      OLÁ, HÁ UNS DOIS ANOS ATRÁS FIZ UM EMPRÉSTIMO CONSIGNADO NO VALOR DE R$4.000,00. ACONTECE Q ALGUNS MESES DEPOIS FUI DESLIGADO DA EMPRESA E PASSEI POR UMA FASE MUITO DIFÍCIL, FAZIA BICOS MAS NÃO ERA SUFICIENTE PARA ARCAR COM AS PARCELAS, OU EU COMIA E PAGAVA ALUGUEL OU PAGAVA O BANCO. HOJE COM UMA CERTA ESTABILIDADE RESOLVI Q IRIA PROCURAR O BANCO PARA QUITAR ESSA DIVIDA SE POSSIVEL NOVAMENTE EM PARCELAS E NÃO A VISTA, MAS ANTES DE IR AO BANCO FUI CONSULTAR MEU NOME NO SPC. PASMEM, EM APENAS DOIS ANOS ESTÁ CONSTANDO UM VALOR DE R$ 33.500,00. O QUE É ISSO? ENTÃO EM 5 ANOS IRIA PRA R$ 100,000,00, ISSO NÃO EXISTE!!! E AINDA PIOR, HOUVE UMA ALTERAÇÃO NA DATA DA INCLUSÃO DO NOME, ERA 13/10/2008 E TEM UMA OUTRA DATA AGORA DE 12/12/2010, COMO SE EU TIVESSE FEITO UMA RENEGOCIAÇÃO, SENDO Q JAMAIS FUI CONTACTADO DE FORMA NENHUMA PELO BANCO NESSE PERÍODO. ACABEI NEM PROCURANDO O BANCO DE TÃO NERVOSO Q FIQUEI. DEPOIS AXAM ERRADO A PESSOA DEIXAR A DIVIDA PRESCREVER EM 5 ANOS, A GENTE SÓ QUER PAGAR O QUE REALMENTE DEVE, NÃO SOMOS OPORTUNISTAS… GOSTARIA DE SABER SE EU FOR AO BANCO ESTE VALOR PODE VOLTAR ÀQUELE INICIAL, SENÃO NEM VOU ATRÁS PQ VOU APELAR COM O GERENTE.

    38. SILVIO disse,

      11/02/2011 @ 12:35

      Tenho uma divida com a cef e não tenho como pagar nem parcelar, recebi intimação da vara federal e tenho que constituir advogado que também não tenho dinheiro para contratar. Também não tenho bens para penhora.

      O que fazer ?

    39. Cristhyane disse,

      16/02/2011 @ 12:39

      Fiz 1 emprestimo em um banco e 1 (consignado) em outro banco. Perdi o emprego. Acontece que agora o banco do primeiro emprestimo esta me cobrando judicialmente. Sei que meu nome já esta no SPC Serasa. O que fazer? Posso perder o único imóvel que tenho?

    40. Danielly disse,

      19/02/2011 @ 13:52

      Tenho uma divida com o banco real e durante 5 meses fiquei sem receber meu pagamento, pois o banco não liberava alegando que era pra cubrir a divida…Isso é legal??

    41. regina disse,

      20/02/2011 @ 1:02

      Ola! tenho uma divida de 4.000 no bradesco mas nao tenho condiçoes de pagar trabalhava por conta e meus negocios nao estao nada bem e eles ficam me precionando , fui uma vez tentar negociar mas quase cai pra tras com os juros espero resposta obrigada

    42. jetulho disse,

      11/03/2011 @ 18:29

      boa noite, comprei um carro, dei 6 mil de entrada e financiei o restante em 48 de 560, o carro custava 17500 quando comprei, o valor financiado foi de 11 mil reais, até agora paguei 9 prestações todas em dia, porem fiquei desempregado e com certeza as prestações vão atrasar. ja fui ao banco tentar reduzir o valor das prestações, ja tentei devolver o carro e o banco disse que não aceita devolução amigave, diante disso estou querendo saber qual a possibilidade deles mandarem um oficial de justiça na minha tomar o carro?… o que posso fazer para evitar que o banco tome o carro ?.,….o finaciamento foi cdc.

    43. cristiane boschi disse,

      13/03/2011 @ 13:04

      Boa Tarde!
      Como posso negociar a minha dívida com o banco, uma vez que tenho certza que estão cobrando juros abusivos? É verdade que eu não posso negociar a dívida sem dar ao menos 30% do valor da dívida?
      ATT Cristiane

    44. priscila disse,

      21/03/2011 @ 10:16

      olá bom dia ! estou com uma divida de uma moto que comprei para uma pessoa mas essa pessoa agiu de má fé comigo e acabo vendendo essa moto e não pago as parcelas e acabei ficando com nome sujo na praça, isso já faz quatro anos eu queria saber si eu posso ir no procon e conversar com eles pra ver si eles me ajuda a resolver esse problema eu quero pagar a divida mas de acordo com que possa pagar o que vocêis acha que eu devo fazer devo ir lá sim ou não?

    45. L. ANDRADE disse,

      22/03/2011 @ 15:28

      Olá pessoal!

      Se possivel, vou relatar o meu caso abaixo e, gostaria de saber alguma informação por gentileza.

      -Tinha uma industria, e que até certo tempo estava indo bem.Porém no ano passado, houve uma crise, no setor em que atuo,
      levando meus clientes a tornarem-se inadinplentes, consequentemente eu junto.
      O q. sucedeu? Fui até o Banco Sant. onde consegui um valor de $40 mil de Chq, Especial e $ 50 mil de Capital Giro.
      Fiz uma Renegociação Divida c/ Banco.Eu tinha PLENA intenção em pagar esta dívida. Tinha promessas dos clientes inadimplentes de re-negociação, porém + uma vez não cumpriram. Resultado: Venceu a 1ª,2ª parcela e Fiquei INVOLUNTARIAMENTE devendo ao Banco.

      -Pergunta: Qual o “direito” que o Banco tem sobre a empresa?Mesmo eu estando em débito ela pode bloquear os saldos que nela entram de Cobrança simples? Pode confiscar os meus pertences, sem q. os mesmos tenha sido como fiador/garantia?
      -Mesmo ‘devedor’ existem alguma lei que pode me proteger ou melhor, dar direito á defesa, nesse caso?
      E qto ao meu único imóvel, que é (Direito Constitucional) os mesmos podem bloquear, mesmo nao estando em garant./fiador.

      Espero respostas
      Att. Laura Andrade.

    46. dalva otavio disse,

      24/03/2011 @ 15:04

      boa tarde vou comtar minha historia que nao e diferente de ninguem abri um um mercadinho so foi dor de cabeça emtrei na divida pegue dinheiro no banco do brasil para pagar o banco do brasil peguei na caixa para pagar a caixa peguei no real comedo de sujar o nome estava a pavorada fui no banco itau e peguei mais um emprestimo quando eu vi esta numa bola deve nao comçeguia pagar nenhun e nem outro hoje estou assim sem nome comsegui sujar o nome do meu pai da minha mae do meu marido olha eu fico morendo de vergonha nao sei mas oque fazer o mercadnho faliu ofiçial de justiça sempre esta vindo aqui tenho medo deles tomar a casa do meu paie o unico bem que nos temos me de uma luz estou desespera tenho vontade de si matar as vezes e muita coisa so para min trabalho muito so que o dinheiro que eu pego so passa pela minha mao e so para pagar conta mas eu tenho fe em deus que um dia eu saio dessa ,bom fique com deus me de uma resposta .

    47. july disse,

      29/03/2011 @ 12:15

      Olá, estou na mesma situação de inúmeras pessoas com relatos a cima, fiz um empréstimo há uns 3 anos no banco real, paguei o quanto pude parcelas de aproximadamente R$ 600,00. Entrei no cheque especial por conta desse empréstimo, não consegui mais pagar o cartão de crédito e… enfim me enrolei toda, há alguns meses eles contrataram uma empresa de cobrança para me ligar e o empréstimo que eu fiz, mais cheque especial que não consegui pagar mais cartão de crédito chegou a R$ 12.000. eles querem negociar em parcelas de R$ 700,00. eu não tenho esse dinheiro por mês, agora me mandaram um boleto com prazo de pagamento de 72 horas. Não paguei e disseram que vão mandar uma intimação e que se eu não pagar vão penhorar meus bens (os quais eu não possuo) e tomar as medidas cabíveis. O que eu faço? Procuro um advogado? Peço o histórico no banco de todas essas dívidas para ser estudado pelo advogado? Mas gostaria de saber se nesse meio tempo, devo me preocupar de verdade?

      agradeço a atenção.

    48. elen disse,

      05/04/2011 @ 0:39

      ola,marcos minha situaçao nao e diferente e pior um pouco,o banco bmg mim ligou pra renegociar uma divida ai ele dizer que nao dava entao eu devia 1.200, e depois fiz outra com o mesmo banco 750,00, so que eu ja devia no banco 450,00 e outra no mesmo banco bmg 290 todos essa 50 meses se eu so que ele falaram que ia desconta do meu contra cheque ai fiz o volor 22 mil,se passou 5
      meses entao chegou na minha casa ,um boleto de 750,00 ai liguei pra o banco bmg ele dizer que eu nao tinha margem ,entao o meu contrato tinha que descontar no contra cheque alguem do bmd dizer que eu nao deveria pagar pelo boleto nao,porque eu tinha feito no contra cheque,so que mim ligou e dizer que tinha que fazer no boleto ai eu fiquei enrolando porque meu dinheiro nao ta dando pra pagar os 750,00 e agora ja tem um ano ,como posso fazer pra pagar esse emprestimo de 750,00 no final nao dar pra mim pagar eu pagor pestaçao de casa 450,00 me ajunda por favor o que devor fazer eu vou pagar porque eu nao sou caloteira nao,deve ter um geito pra mim pagar no fim desses outros emprestimo me diz o que fazer ,hj a divida ta 44 mil ,mim ajundar como devo fazer obrigado

    49. NATONIO HENRIQUE disse,

      05/04/2011 @ 17:09

      BOA TARDE, COMO TANTOS PRECISO DE UMA ORIENTAÇÃO. FIZ UM EMPRÉSTIMO JUNTO AO BANCO BRADESCO NO VALOR DE R$: 10.000,00 PARA ARRUMAR MINHA CASA. PAGUEI 3 PARCELAS E DEVIDO A PROBLEMAS FINANCEIROS NÃO PUDE MAIS PAGAR.
      POSSO SER PRESO POR ISSO ?
      TENTO FAZER ACORDO COM O BANCO E O VALOR QUE ELES DIZEM É MUITO ALTO PARA MIM O QUE FAÇO ?
      ESSA DÍVIDA PRESCREVE DEPOIS DE 5 ANOS ?

    50. anderson disse,

      05/04/2011 @ 21:37

      FIZ UM EMPRÉSTIMO JUNTO AO BANCO ITAU NO VALOR DE R$: 15.000,00 QEU EXISTIA EM UM LIMET PRÉ APROVADO… PAGUEI 4 PARCELAS E DEVIDO A PROBLEMAS FINANCEIROS NÃO PUDE MAIS PAGAR.
      O QUE PODE ACONTECER CASO N POSSA HONRRAR COM MINHA DÍVIDA?
      ESSA DÍVIDA PRESCREVE DEPOIS DE 5 ANOS ?

    51. elisangela disse,

      19/04/2011 @ 18:23

      estou devendo a mais de 3 anos no banco real,sendo que estou em uma empresa que agora que o banco é santander,quando o meu pagamento caiu na conta o banco pegou.isso é certo?

    52. joão disse,

      20/04/2011 @ 23:41

      Boa Noite
      Venho parabenizar, pelo site, que vem orientado a turma escrava de bancos e emprestimo
      solicito informação no sentido de uma renovação de emprestimo.
      Exemplo: Fiz um emprestimo em 60 parcelas de R$ 200,00, e apos a decima parcela posso renovar e juntar com alguma margem consequente que estiver disponivel no contracheque, mais só que essa renovação aparcela sobe para 210 e passa 45 dias para descontar a nova parcela. A minha duvia é esse Banco ou finasciadora não terar que devolver a parcela anterior ou seja de 200,00 reais.
      Mim coloque na questão de duvida pois por varias vezes já fui comtemplado com a devolução de parcelas de emprestimo por renovação. A empresa emite novo contrato desconta a parcela antiga e apos um prazo sequente faz se a devolução do valor descontado, passando assim descontar o novovo valor com o prazo de 45 dias em diante.
      Serar que não exite uma brecha nessa lei de creedora bancos financiadorras Etc..
      aguardo resposta
      Att;
      joão

    53. Raquel disse,

      25/04/2011 @ 17:53

      Boa Tarde,Fiz um empréstimo no Banco do Brasil,sou funcionaria publica e só posso receber por esse banco,acontece q adoeci e preciso mais do meu salário,mas o banco Me negou negociar as parcelas do empréstimo,tirou de uma vez SÓ vez VALOR Do CHEQUE Especial com isso não consegui pagar o cartão de Credito e minha vida virou uma bola de NEVE,Eles tem meu salário como custódia,não posso negociar,não posso fazer empréstimo..Gostaria de sabe se posso DESAUTORIZAR DA MINHA CONTA CORRENTE o empréstimo consignado e pagar por BOLETO.Grata Raquel

    54. lilian disse,

      26/04/2011 @ 13:46

      Ola,meu esposo se complicou em suas dividas em 2007 e ficou devendo o banco entre cdc,cdc consignação,limite,cheques de la pra ca não conseguimos paga-los ele esteve afastado da firma por enfermidade agora que voltou ele precisa receber seu pagamento mas sua conta esta bloqueada e todo o dinheiro que cai la eles bloqueiam ai como em uma chantagem fomos obrigados a aceitar um acordo com uma financeira indicada pelo banco no valor de 60×370,52 acabamos aceitando pois não havia escolha para que eles liberassem o pagamento mas a nossa conta continuou bloqueada ja passado 2 meses e agora percebemos que não temos condições de pagar e que esse valor esta muito alto,então não vamos pagar,oque podera acontecer com essa atitude nossa?e oque podemos fazer podemos recorrer desse valor para pagar menos?Obrigada

    55. Lais disse,

      04/05/2011 @ 10:27

      ME AJUDEM!

      Fiz umas compras no meu cartão de crédito, em Janeiro desse ano. Liguei para o banco para parcelar a minha fatura. .Antes de vencer a fatura eu fiz o depósito da primeira parcela, na qual com um dia depois foi debitada. Pensei que tinha sido da fatura mais nao foi. e não entendo pois não tinha nada para ser debitado a não ser a minha fatura.
      com dois dias depois o banco me liga dizendo que eu estava em débito e que eu teria que pagar a parcela integral em até dois dias, caso contrário meu nome seria negativado.
      Assim, eu perguntei sobre o meu acordo feito, e o que foi debitado afinal….
      Eles falaram que não constava nenhum acordo no sistema deles, e que eu tinha feito um mais foi cancelado devido a um dia de atraso. e quando ao débito falaram que era dos serviços.
      Pedi então para que fizessem outro acordo, e eles me disseram que eu so podia fazer um novo acordo 5 dias antes do vencimento da minha fatura, pois é quando a fatura está fechada.
      Assim liguei, com 5 dias antes, ninguem quis me atender, tentei por 5 vezes em dois dias.
      passou – se um mês, e começaram a ligar insistentemente 5 vezes ao dia, passei um dilema de 2 meses assim, tive que trocar o chip. pois meu salário atrasou, e a fatura estava correndo juros., e sempre que atendia os telefonemas, eu pedia para fazer acordo e eles me deram a mesma reposta..
      Liguei a 20 dias atras para fazer acordo novamente, consegui falar com a atendente, ela pegou meus dados, passei quase 30 minutos com a orelha fervendo ao telefone, e quando ela conseguiu me dizer algo ela falou que INFELISMENTE NÃO TEM NENHUM ACORDO PROPOSTO PARA MIM, E QUE EU PRECISAVA LIGAR SEMANA QUE VEM PARA QUE TIVESSE ALGUM ACORDO LIBERADO PARA MIM.
      Poxa, eu quero pagar mais eles dificultam tudo! DEcidi não pagar mais o cartão, até que eles façam um acordo comigo. até ai, não pagarei o cartão, mais mesmo assim eles continuam me ligando.

      Não sei mais o que fazer.

    56. edson disse,

      06/05/2011 @ 10:06

      gostaria de saber se consigo paga um finaciamento feito com o construcard que se encontra atrasado com meu fgts que esta retido .
      muito Obrigado pela atenção

    57. rita de cassiav cordeiro disse,

      10/05/2011 @ 18:36

      tenho uma divida de empréstimos no valor desei mil reais com meu banco , pedi a este para cancelar o cheque especial, pois estou sempre estourando o limete . o banco não aceitou alegando essa divida que tem quarenta e cinco parcelas ainda. também queria transformar minha conta corrente em conta salário , o banco não aceitou pelomesmo motivo . tá tudo certo ou tá tudo errado ? me oriente por favor . obrigada.

    58. Jose Rodrigo disse,

      12/05/2011 @ 11:03

      Estou sendo acionado pelo Bradesco, capital de giro. Eles me fizeram proposta através firma de cobrança e não houve acerto. Disseram para esperar e ontem recebi oficial de justiça já querendo penhorar. O que devo fazer? Constituir advogado para me defender? Ir ao Banco para tentar renegociar? Aceitar a penhora? A dívida é de R$50.000,00 e está difícil de pagar do jeito que o Banco quis. Agradeço pela atenção.

    59. maria de souza bernardes disse,

      12/05/2011 @ 17:05

      sou funcionaria pública e estou devendo muito o banco do brasil, pois a metade do meu sálario vai p as parcela das prestaçoes do banco ok que devo fazer , ja tentei negociar a divida e não consegui, pois sou divorsiada e sozinha e dois filhos p dar conta de tudo , infelizmente não consegui entrar num acordo com o gerente , o que devo fazer a divida ja esta em trinta mil reais

    60. Alex disse,

      13/05/2011 @ 15:28

      Estou devendo a um ano o construcard o que acontecerá?

    61. Elias Ferreira disse,

      20/05/2011 @ 18:41

      BOA NOITE!
      Fui funcionario publico temporario em 2006, e foi aberto uma conta na nossa caixa pelo ESTADO SP, com limite “LIS” no valor de r$700,00 quando terminou o contrato 2 anos continuou a conta aberta com debito de r$400,00 + faltando 04 prestações de emprestimo de R$75,00. como estava desempregado foi rolando, em 2010 paguei a divida do emprestimo (pela acessoria juridica do banco) o valor de R$254,80 02 meses depois lançaram o LIS no valor de r$866,52. Verifiquei atualmente junto ao SCPC consta R$921,60 e me orientaram a procurar SOMENTE o banco não negociar com a acessoria juridica. Fui até a agencia falei com a gerencia o mesmo informou que não posso negociar com no banco só na acessoria jurisdica me passando o numero telefone e imformou o valor de R$ 2.154,00, perguntei sobre o historico desta divida falaram que não tem acesso so acessoria juridica, liguei na acessoria eles me informaram que pagamento a vista não tem desconto o que faço????

    62. julio cesar disse,

      24/05/2011 @ 22:23

      OI DEVO 3.500 NO COMERCIO,MS SAO CONTAS DAS AMERICANAS,MASTER CARD ITAU E CARREFOUR, NAO CONSIGUIR PAGAR ,TA ATRASADO HA 1 ANO E MEU NOME NO SERASA. E RECEBO NOTIFICAÇAO EXTRA JUDICIAL HAVIZANDO QUE VAO TOMAR MEUS BENS,SO TENHO UMA MOTO ELES PODEM TOMAR??????

    63. Zé disse,

      02/06/2011 @ 22:25

      bom saber disso , acabei de pegar 70 pau no banco por uma emergência e não vou poder pagar , já estava sem dormir, agora quero que sidane

    64. Zé disse,

      02/06/2011 @ 22:27

      nem adianta eles ameaçarem falando que vao tomar meus bens , nao tenho nada no nome

    65. Marcinha disse,

      03/06/2011 @ 20:47

      Contraí uma dívida junto ao Banco Santander e depois de tanta pressão deles para que eu fosse lá para fazer um Acôrdo acabei cedendo. A minha dívida após juros e juros triplicou e o acôrdo que eles me proporam era de um valor mensal que na época não era tão pesada. Os descontos mensais são feitos diretamente do meu pagamento pois sou Funcionária do Município e recebo meu pagamento através do mesmo. Esses descontos seriam no prazo de 4 anos. Após 2 anos, minha vida foi dificultada por causa desses descontos e tive vários problemas financeiros. Recorri ao Banco pedindo que essas parcelas mensais fossem diminuídas pois são de 500,00 (um terça do que recebo no valor líquido), mesmo que os meses aumentassem, mas me negaram duas vezes! Procurei um advogado que me disse que eu havia assinado o contrato e que agora não havia nada a fazer…se eu tivesse procurado o advogado antes de assinar, até os juros seriam revistos e analisados! É verdade que não tenho direito a esse pedido de diminuição das parcelas mensais? Obrigado.

    66. Anaide disse,

      17/06/2011 @ 22:05

      Estou devendo cartão de credito Ibi e CeA e estou desempregada, eles dizem que vai penhorar os bens e que tenho que pagar os honorários do advogado, não sei como. e os bens que tenho são eletrodomésticos e móveis bem usados.Obrigada.

    67. LUCIANA AP CRUZ disse,

      19/06/2011 @ 20:41

      DEVOU UM CARRO E QERO DEVOVER NAO POSSO PAGAR OQE FASSO OBRIGADA

    68. Emygdio Alves Meirelles disse,

      20/06/2011 @ 8:41

      Olá Bom Dia,

      Tem tres meses que não consig pagar o meu cartão de crédito ( nem o valor minimo ). Recebo atraves da caonta do BB q administra o meu cartão. Na última fatura, o valor do cartão estava em 840,00. Estou com medo de quando entrar o meu pagamento eles descontem tudo de vez, Isso é possivel? me preocupo por que estou numa fase complicada e este dinheiro vai fazer muita falta. Obrigado

    69. itamar jr disse,

      20/06/2011 @ 16:06

      Olá boa tarde,
      Faz 4 meses que estou desempregado,estou devendo cartão de crédito,e devo os bancos também, tenho uma moto financiada e falta ainda 2 anos pra pagar, meu filho que está pagando o bem,já tentei fazer acordo com o Banco do Brasil, mas nada, os juros são absurdos,e não consigo pagar. Com as dívidas,eles podem tomar a moto que está no meu nome? com o nome sujo complica conseguir outro emprego???
      por favor me ajude,
      Obrigado,
      Itamar Jr 42 anos
      Varginha _MG

    70. ze disse,

      21/06/2011 @ 1:40

      GALERA NAO ESQUENTA A CABECA

      SE FALA QUE VAO TOMAR ALGO VC FALA

      PODE VIM

      ELES NAO PODEM TOMAR NADA DE NINGUEM

      APESAR DE SER BANDIDOS IGUAIS AGIOTAS ELES NAO PODEM SAIR PEGANDO AS COISAS NA SUA CASA

    71. maria lucia disse,

      21/06/2011 @ 18:58

      sou pensionista do inss.tenho duas contas no bradesco em uma conta recebo minha pensào em outra estou inadiplente,eles podem tirar meu pagamento para saldar minha divida com a outra agencia.gostaria de uma resposta.

    72. thiago disse,

      28/06/2011 @ 19:39

      gostaria de saber se eu n pagar o que devo ao banco o que pode acontecer comigo grato pois ta deficil de pagar essa divida. obrigado

    73. Telam Mello disse,

      29/06/2011 @ 14:02

      Boa tarde,
      comprei um carro, tive problemas em 2009 para pagá-lo e fiz um refinanciamento, só que agora estou com dificuldades e não tenho mais como pagá-lo, gostaria de saber como faço para devolvê-lo, já pago ele a 4 anos o contrato é leasing aguardo orientação.

      Obrigada!

    74. laercio silva disse,

      30/06/2011 @ 18:44

      boa noite, 1° parabens pelo site, eu tenho um emprestimo com o banco, e estou pagando ele já faz quase 2 anos e não estou conseguindo paga-lo mais, pois tenho uma pensão alimenticia e não estou conseguindo arcar com essa divida, já tentei renegociar antes de deixar de pagar mas o banco esta irredutivel, e esse empretimo já foi feito anteriormente pra pagar outras dividas do mesmo banco, que virou uma bola de neve, gostaria de saber o que poderia acontecer se não pagasse mais esse emprestimo, perante a lei? desde já agradeço pois estou desesperado! obs: pago, pago , pago e toda vez que vou no banco a divida esta no msm valor.

    75. cristiane disse,

      02/07/2011 @ 10:47

      Estou devendo ao banco santander desde de 2008.Fiz o emprestimo em dezembro de 2007 e quando foi janeiro de 2008,fui demitida.E eu era cooperativada e não tinha direito a nada,conclusão sai com a mão na frente e outra atras.Agora a empresa atlantico comprou a divida do santander e de 3 mil reais a divida passou a ser de 9 mil reais e eu não tenho como pagar isso.Eles me ameaçaram entrar com uma ordem judicial para requerer meus bens,ou seja meu imovel.Isso realmente pode acontecer??

    76. carlos disse,

      05/07/2011 @ 8:24

      sou aposentado por invalidez e estava em casa quando recebi uma ligação. era o gerente do banco onde tenho conta oferecendo um emprestimo no valor de R$ 10,000.00, como estava precisando do dinheiro, aceitei. agora infelizmente estou sem condições de pagar o banco bloqueio a minha a minha conta. agora todo dinheiro cai na conta, é como tivesse entrando num ralo. inclusive meu benefício.só explicando. não foi consignado. pois tenho margem.

    77. alessandro disse,

      05/07/2011 @ 18:23

      tenho tres em prestimo, no banco itau, um em 36x de 353 e outro de 15×130,00 e outro de 10 de 150,00
      o de 36 x falta 26, e o de 15 falta 12, e o de 10 falta 6,
      quis fazer um acordo mais o banco quis colocar juros, não quis colocar o valo liquido, deixou tudo por 10.000,00 reais, quiz fazer um acordo e eles colocaram 36x de 700,00. porem o juros desse acordo e muito alto.

      oq devo fazer?

    78. Jose santos disse,

      07/07/2011 @ 10:57

      tenho uma divida no banco do nordeste aproximado 21.000,00, eu tinha um comercio e as coisas ficaram ruins eu fechei o comercio a ñ pude pagar, as parcelas ja fui no banco varias vezes pra tentar negociar + foi sem sucesso eles querem uma entrada mnto alta e o prazo fica curto a parcela fica acima do meu orçado e assim ñ consigo honrar. so q eu tenho um avalista e eles diseram q ia cobrar judicialmente por mim td bem eu ñ tenho nenhum bem. O que me chateia e meu avalista q ta com o nome sujo e ainda corre o risco de perder algum bem por minha causa. q eu devo fazer nesse caso? aguardo uma resposta.

    79. argentina cavalcante disse,

      12/07/2011 @ 12:51

      Boa tarde, parabéns pela inciativa em ajudar a quem não pode pagar.
      Sou funcionária pública,eu estou devendo ao bb, pois fiz empréstimos e devo o cartão de crédito(que é do próprio bb), porém não pude dar continuidade aos pagamentos, não temos aumento há anos, o marido desempregado e dois filhos para sustentar. Já me ligaram de uma empresa responsável pela cobrança, ameaçando que tenho que pagar, não querem fazer acoro como baixar a dívida. Tenho medo do possa ocorrer, se o banco vai me denunciar na justiça… Por favor me esclareça sobre o que fazer. Muito obrigada.

    80. argentina cavalcante disse,

      12/07/2011 @ 12:54

      Boa tarde, parabéns pela inciativa em ajudar a quem não pode pagar.
      Sou funcionária pública,eu estou devendo ao bb, pois fiz empréstimos e devo o cartão de crédito(que é do próprio bb), porém não pude dar continuidade aos pagamentos, não temos aumento há anos, o marido desempregado e dois filhos para sustentar. Já me ligaram de uma empresa responsável pela cobrança, ameaçando que tenho que pagar, não querem fazer acordo como baixar a dívida. Tenho medo do possa ocorrer, se o banco vai me denunciar na justiça… Por favor me esclareça sobre o que fazer. Muito obrigada.

    81. adelia dos Santos Dias disse,

      12/07/2011 @ 22:47

      Lendo os seus comentários gostaria de te fazer uma pergunta, fiz um empréstimo com desconto em folha , paguei uma cinco prestações e na sexta prestação a margem estava abaixo dos 30% , deixaram de descontar em folha e foram descontar em minha conta corrente.Isso é correto? Não deveria entrar em contato comigo e informar tal ato ao cliente. Preciso de ajuda para resolver o problema e não sei o que faço.a financeira ea BV e o banco que procedeu o desconto eo banco do Brasil.

      Agradeço a atenção.

    82. Cláudia disse,

      15/07/2011 @ 1:34

      Cartões de Crédito cobrando juros de 500% ao ano ou de 298% ao ano é legal? Pois não estou tendo condições de acrcar com isso e me meti em empréstimos para quitá-los e só me afundei, vou deixar estourar e ver no que dá, por isso entrei aqui pois acho isso abusivo demais, eu não recebo aumento de 500% ao ano e nem que eu trabalhe 20 anos conseguirei quitar o que eles querem

    83. claudio dendena disse,

      15/07/2011 @ 21:15

      primeiramente parabens pelo site….abri um restaurante, busquei emprestimo junto a varios bancos,investi em reforma do predio,nos equipamentos,capital de giro…os primeiros emprestimo consegui saldar,so que pra isso fiz outros ,paguei ate onde deu,chegou uma hora que eu ou pagava os bancos ou comprava alimento para o restaurante,o que entrava nao era o suficiente…o jeito foi deixar as dividas dos bancos de lado…dos emprestimos nao dei nada como garantia…eles podem tomar os equipamentos do restaurante? desde ja agradeço pela resposta…abraços

    84. Rafael disse,

      19/07/2011 @ 9:56

      Bom dia.
      Gostaria de tirar alguma duvidas.
      1-Tenho um carro financiado pelo banco Itau falta somente cinco parcelas para finalizar o contrato porem por problemas pessoais estou com uma divida no mesmo banco com cartões de credito. A duvida é, posso perder o carro? O banco pode se negar a passar o carro pro meu nome por dividas com contratos diferentes?

      2- Infelizmente não consegui efetuar o pagamento de mais 1 cartão de outra financeira e um empréstimo no banco Santander, recebi hoje um mensagem de texto no meu celular dizendo que um protesto em cartório poderá ser ativo no dia 20/07 o que eles podem fazer com isso? E em quanto tempo? Lembrando que eu não sei a origem do protesto, pois não entrei em contato porque não sei o que fazer, já que estou me esforçando ao maximo para não parar de pagar o carro já que falta tão pouco e ai sim tentar acertar as outras dividas. Tenho medo também de terminar de pagar o carro é perdelo.

    85. karina disse,

      23/07/2011 @ 12:51

      Olá gostaria de saber o q pode acontecer fiz o emprestimo de 30,000 mil e já paguei 15 mil só q agora me atrapalhei pq a loja não esta vendendo nada e estou devendo os cartões e o limite especial de 8 mil, o q pode acontecer pq não estou conseguindo pagar?? nossa nem estou dormindo a noite muita dor de cabeça não sei o q fazer, me ajude.

    86. Flavia Barboza disse,

      24/07/2011 @ 18:20

      Vou resumir minha historia, fiz um financiamento junto ao banco BMG referente a um veiculo comprado na agencia WG CARRO de BH fiquei com este veiculo num periodo de apenas 3 meses e agindo de boa fé, pois tinha ficado desempregada resolvi devolver
      o veiculo assim entrei em contato com a agencia para saber qual seria a atitude a tomar,a a tal
      agencia citada agindo de ma fé , me instruiu a devolver o carro para a propria agencia e a mesma se responsibilizaria para retirada do financiamento de meu nome , pois bem,isto ja vem se arrastando a 4 anos , a tal agencia mudou de lugar, o banco esta me processando pois como nao tenho mais o veiculo e nao posso fazer a devoluçao do bem , tenho que fazer um deposito ao banco no valor da divida que esta em R$35.000,00,isto que o valor do bem era de R$ 12.000,00 pois era um palio 1997,naõ sei realmente o que fazer pois não tenho condiçoes de contratar um advogado pra ir atras de meus diretios junto a agencia e nem pra me devender perante ao banco,ta sendo muito pressao em cima de mim acho que não vou aguentar.Obrigada pelo menos qk pude desabafar meu martilho.

    87. layane disse,

      25/07/2011 @ 19:43

      ola por favor me mande a resposta por email grata. Fiz uma renegociaçao com o banco de uma valor por mes mais agora esse valor esta compromentendo muito meu salarios queria que eles dividisse o restante que devo em parcelas menores ja paquei 4 faltam 4 tenho esse direito ou nao ,,,

    88. Priscila do Nascimento disse,

      26/07/2011 @ 17:23

      ESto em debito com o Banco do brasil não consigo fazer nenhum tipo de negociação quem devo preocurar

    89. ANTONIA NORJOSA WERNER disse,

      27/07/2011 @ 20:29

      BOA NOITE! ESTOU DESNORTEADA COM UM CARTA QUE RECEBI DO MEU BANCO A QUAL SOU CLIENTE DESDE MARÇO DIZENDO QUE ESTÃO ENCERRANDO A MINHA CONTA. MOVIMENTEI NESSES MESES MAIS DE 20 MIL REAIS E POR ESSA MOVIMENTAÇÃO POIS É INTERNACIONAL ME COBRARÃO MAIS DE 2 MIL REAIS EM TAXAS. MEU NOME NÃO TEM RESTRIÇÕES E NINGUÉM ME DIZ O PORQUE DESSE DESINTERESSE DO BANCO PRA COMIGO. DURANTE ESSE TEMPO FIZ VÁRIOS CONTATOS COM O SAC POIS O GERENTE NUNCA SOUBE ME COMUNICAR A REAL SITUAÇÃO DA MINHA CONTA POIS AS TRANSAÇÕES DEMORAVAM MUITO. O GERENTE NÃO GOSTOU MUITO AS DENUNCIAS E ACHO QUE FOI ELE QUE MEXEU OS PAUZINHOS E PEDIU ESSE DESLIGAMENTO. O QUE EU FAÇO? TENHO 62 ANOS E ESTOU MUITO CHATEADA ME SENTINDO LESADA E DESCRIMINADA. QUAL ÓRGÃO EU PROCURO?GRATA PELA ATENÇÃO.

    90. Leandro disse,

      28/07/2011 @ 10:46

      Bom dia, tenho uma divida em tres bancos, e não estou conseguindo pagá-las.
      Hoje pago meu carro e um consorcio de imovel. Sera que quando for contemplado, poderei retirar a carta com o nome sujo. Pois o banco ja enviou meu cpf para o serasa.

      Gostaria de saber como faço para quitar essas dividas com os bancos, ja paguei quase todo valor emprestado, porem o banco fala que ainda tenho mais da metade a ser paga, achei um absurdo, sera que consigo quitar somente o valor que fiz o emprestimo.

      Obrigado

    91. Luiz disse,

      30/07/2011 @ 12:20

      Olá, minha prima possuiu uma empresa de publicidade, só que não deu certo e quebrou tinha uma divida de 40000 no itau e agora a divida ja está em 75000 ela foi intimada a ir no fórum o que pode acontecer se ela não tiver condições de pagar.?

    92. CLAUDIA disse,

      02/08/2011 @ 16:18

      BOS TARDE,

      TENHO DOIS EMPRESTIMOS DESSES FEITOS EM CAIXA ELETRONICOS (UM É CREDIARIO AUTOMATICO E OUTRO E FINANCIAMENTO DO MEU LIMITE ¨LIS ¨ REFIN A SOMA DOS DOIS CHEGA A 19.000,00 DE SALDO DEVEDOR DE UM JA PAGUEI 12 PARCELAS E DE OUTRO ACHO QUE 6, NÃO ESTOU MAIS CONSEGUINDO PAGAR ONTEM O ITAU ME LIGOU DIZENDO QUE VAI MANDAR MEU CPF PRA CARTORIO, DE UM AINDA FALTA 16 PARCELAS DE 715,00 E O OUTRO AINDA FALTA 30 PARCELAS DE 725,00 NÃO SEI MAIS O QUE FAZER TENHO MEDO QUE ME TIREM ALGUM BEM QUE COM MUITO TRABALHO CONSEGUI NA VIDA;
      ME DE UMA LUZ,
      OBRIGADO

      CLAUDIA

    93. Juliana disse,

      08/08/2011 @ 14:04

      Olá , fiz um onstrucard na Caixa e não estou conseguindo pagar o que´pode acontecer? Como devo proceder?

      Obrigada

      Juliana

    94. Charles Eduardo Mendes Curi disse,

      09/08/2011 @ 16:07

      Em setembro de 2009, por causa da crise, fiquei individado com o Banco Santander em mais ou menos R$ 20.000,00(cheque especial, cartão de crédito e crédito pessoal).
      Negociei, com condições absurdas=72 x R$ 805,00, que totaliza R$ 57.960,00.
      Já paguei 22 x R$ 805,00= R$ 17.710,00.
      Ou seja, já paguei praticamente o principal da dívida inicial.
      Só que tenho que pagar esse valor ainda 4 anos!!!!!!!!!!
      O Santander diz que não há mais margens p/ renegocições.
      Isso é roubo legalizado!!!!
      Gostaria de saber se a lei me ampara neste sentido.
      Não quero ficar pagando tanto tempo por uma dívida que está praticamente paga.

    95. carlos disse,

      11/08/2011 @ 20:31

      ola boa noite, sou de sao paulo sp zl.
      abri uma firma, a luguei um salão comercial com o valor de aluguel R$ 3300,00 mas não consegui pagar
      minha firma foi caindo e estou no lamasal, endividado com bancos, cartorios e fornecedores. e ainda o valor que dei de entrada no aluguel ate agora só recuperei R$1000,00 e o dono do imovel só me enrola. e oq devo faser???????????????
      ?
      ?
      ?

      ??

    96. Leandro de Almeida disse,

      12/08/2011 @ 4:14

      Olá bom dia! Já faz alguns meses que não estou conseguindo dormir! me ajudem!!! Minha esposa fez um empréstimo no Banco Itaú de R$5.000 . Só que, ele me disse que o banco não quer liberar o valor que tinhamos na conta que era de aproximadamente R$20.000… ela nao esta conseguindo sacar valor algum por causa desse empréstimo que nao foi pago. Sugeri que entrássemos em contato com o banco e pagaríamos o valor de R$5.000 e liberassem que pela logica seria nossos 15.000, correto? mas não estamos conseguindo liberar esse dinheiro. Oq estaria acontecendo de fato???? Muito Obrigado!

    97. amelia batista arruda disse,

      15/08/2011 @ 8:02

      Bom dia,
      Temos uma empresa porém as coisas nao andam bem, ocorreram 02 dissoluções e para pagar as partes dos socios fizemos emprestimos em banco acreditando no negócio, só que a svendas cairam nãoc nseguimos manter a media de faturamento e as dificuldades vieram ja vendi meu apartamento carro não tenho mais bem em meu nome e nem condições e pagar hoje soma-se 152 000, pois é juros sobre juros… o que pode acontecer? Não onsigo nem dormir sonho com isso, ou melhor tenho pesadelos, me orientem por favor.Tenho ainda um estoque de R$ 50.000,00 mas nao tenho capital de giro, há meios de negoviar e dar esse valor e quitar tudo? Aguardo resposta.

    98. joao disse,

      17/08/2011 @ 6:06

      obrigado pelo esclarecimento,fico mais aliviado!!!obrigado!!!!

    99. Leandro de Almeida disse,

      19/08/2011 @ 16:57

      Vcs não estão mais respodendo as dúvidas???

    100. luciana disse,

      19/08/2011 @ 19:19

      Oi, fiz um empréstimo consignado em folha pela cooperativa da empresa que trabalhei mas fui mandada embora e fiquei com 50 prestações de 700 reais para pagar, o que a lei prevê nesse caso, sou obrigada a continuar pagando o mesmo valor das prestações, pois agora estou desempregada e jamais teria condições de pagar um prestação desse valor, ainda não fui fazer meu acerto, mas gostaria de saber qual mwus direitos nesse caso para poder exigir isso do banco.

    101. marisa santana disse,

      19/08/2011 @ 21:09

      Banco Central do Brasil – Confirmação de recebimento de mensagem

      Sua demanda foi registrada com sucesso em 19/08/2011, às 20:35:03, com o número 2011266483.

      Mensagem: Prezados, Venho a dez dias tentando efetuar um acordo e pagar o banco de vcs. , liguei cerca de 12 ou treze vezes, cobrança, atendimento, ouvidoria, reclamação na qual cadastrei o protocolo 26773624. Fui até o banco o gerente Agnaldo ou a tal de Aldilene não estavam, me foi dito q os gerentes tem q fazer 4 visitas por dia e nao tem tempo de ficar em agencia perdi um dia de trabalho e de anda adiantou. Liguei o gerente Agnaldo não retornou pois estava em visita externa. Ocorre que me deram 10 dias na minha empresa para resolver isso senão perco o emprego na quarta feira e isso é inegociável. Diversos conflitos de informações, cada lugar setor de vcs. me fala uma coisa diferente, cada atendente me fala algo que condiz com o que ouvi no atendimento anterior e estou realmente desesperada, o que sempre quis foi justamente resolver tudo, pagar, ser novamente uma cidadã digna, fiquei doente um ano de cama, agora que estou me refazendo, arranjando emprego, pagando dividas perderei a chance de ter um emprego bom aqui na cidade de Araçariguama e tbem de comprar um apartamento pelo programa minha casa minha vida. Enfim, Deus abençoe a todos. Mas isso não se faz com uma pessoa, nem com um cachorro. Elogio apenas o Rafael da agencia da rua boa vista que tentando me ajudar ficou de procurar sua supervisora e ver o q podia fazer, hoje alguns dias depois ele ainda esta tentando. Ocorre q eu posso perder o emprego devido a esse péssimo e confuso atendimento. e tinha que registrar a questão, quem ouvir a ligação do protocolo 26773624 saberá extamente o que ocorreu, a falta de respeito é abusrda, ela disse q ia ter q fechar o protocolo mesmo sem resolver pois ela nao tinha o que fazer. Agora me liga a ouvidoria e disse que a instuição resolveu não fazer o acordo e que ficaria assim , pra eu esperar eles resolveram se um dia acietarão fazer o acordo ou não. ou seja vou pagando juros até quando eles quiserem. Isso existe meu Deus do Céu? Sem mais, aguardo retorno. Marisa Santana.

    102. Eros Lima disse,

      22/08/2011 @ 14:19

      Prezados Senhores e Senhoras Dres.e Dras. Advogados ou não.

      Eu pai de uma crinça que sofre com uma doença hamada síndrome hemolítica urêmica, desde os exatos 1 ano e 3 meses, adoeceu, e deixou sequelas, ja doamos nossos rins, primeiro minha esposa, em 2004, depois eu em 2006, durou 2 anos o meu, Graças a Deus, nesse meio tempo, tive muitos anjos da guarda amios, familiáres, Dras. Enfermeiras, cirurgiões, etc, das mais diversas áreas, moral da história, é claro fui obrigado a contrair dívidas que de 6 mil reais, foram à 16.000,00 depois de tudo isso, cheguei ao Grente Geal do Banco onde recebo meus proventos, digamos que receo 1200,00 e tenho um liíte de 1300, do cheque especial, dois cartões de créditos independenes, um de minha esposa, limite de 1500,00 o meu de 600,00 em média, sai de férias para pagar e renegoiar, paguei 5000,00, depois disso, passei 30 dias, reebi em torno de 1115,00 , onde o banco comeu tudo, dai, sem forças , filha doente, faltando emédio, comida, fui ao msmo, que disse que me ajudaria, ja estava até tomando remédio para não entrar em depressão, pois estamos abalados, até hoje, isso, o Sr. Gerente do Banco, muito importante, sabe como são, vc tem dinheiro tudo é lindo, quando vc é assalaiado, o trato é outro, me disse que iria fazer uma excessão, devido o relatório médico que apresntei ao mesmo, com toda a vida de minha filha, criança especial que faz hemodiálize em outra cidade a 200km de distância, retorna no mesmo dia, e fora gastos com remédios, intercor^ncias no meo da noite, não teno veículo próprio, moramos mais de 10 anos em quartos, de hospiais, utis, da sogra de minha mãe, hoje, graças a Deus, moramos em nosso lar, dai. volando ao assunto, o bendito diz, olha sua dívida é IMPAGÁEL, MAS VOU LHE AJUDAR, AMOS REDUIR O VALOR DAS PARCELAS DE 802,00 POR MÊS, DE EMPR´STIMOS, FORA CARTÃO E LIMITE DO CHEQUE ESPECIAL PARA 6 ANOS, FICA EM TORNO DE 600,00, MAS PARA ISSO VC FICA INADIMPLENTE DOIS MESES, SERÁ NEGATIVADO NO SPC SERASA, ETC, FEITO, CONTUDO, PERGUNTEI AO MESMO, E SE EU CONSEGUIR COM A EMPRESA, LÁ SIM TENHO AMIGOS, QUANTO SERIA, 16900,00, DAI LA FUI , CONSEGUI, GRAÇAS A DEUS, PROBLEMA RESOLVIDO, QUE NADA, ELE MVIMENOU MEUS PROVENTOS, OS 17000,00 QUE A EMPRESA ME EMPRESTOU SEM JUROS ALGUM, NUNCA CONHECEREI UMA IGUAL NO MNDO, SE ALGUEM SOUBER ME DIGA, EU PROVO, CANCEOU MEU LIMITE, BLOQUEOU MEUS CARTÕES, DE CRÉDITO E DE SAQUES, DEPOIS ME DISSE COM IRONIA, DEPOIS DE EU JOGAR NA ESA DELE, UMA SACOLA COM OS MEDICAMENTOS QUE MIN HA FILHA TOMA, HA, AQUI EM UMA SENHORA QUE TODOS COMPRAMOS CAMISA PRA AJUDAR. E EU SOU HOMEM, QUEM CONSEGUE 17000 CONSEGUE O QUE PRECISAVA, FOI O QUE ELE HAVIA ME DITO. 16900,00 DAI ESSE DINHEIRO NEM DEU PRO CHEIRO, FIQUEI DEVENDO O CARTÃO DA ESPOSA SEGUNDO ELE 1903,00 EM MÉDIA, HOJE, AGUARDO O ESLTADO NA JUSTÇA, DEUS ME CONCEDEU UM ADVOGADO MEU AMIGO, E ESU MUITO ANSIOSO, PRA QUE SE DEUS EXISTE E A JUSTIÇA AQUI NA TERRA FUNCIONA, ELA VAI SER FEITA. SOU RABALHADOR HONESTO. NÃO EXISTE NENHUMA MÁCULA EM MEU NOME. PASSAMOS FOE, MINHA FAMÍLIA, MEUIRMÃO MAI NOVO E MINHA MÃE QUE NÃO DEXOU QUE EU PASASSE FOME. QUEM PUDER AJUDAR, MANDE UM EMAL PARA eroselarissa@yahoo.com.br com seu apoio, pretendo colher assinturas, fazer abaixo assinados e anexar ao processo no dia 9 de setembro/2011. nos estamos sofrendo muito. não seii mais o que fazer pis estou indignado, mesmo com meu advogado. caso conheçam alguma Lei que ampara agente, ainda mais om essa criaça, renal, cardíaca, toma 22 remédios por dia, cotínuos, ainda espera chegar dos estados Unidos, medicação das mais caras do mundo, chamada solíris, única que vai viablizar o terceiro transplante se Deus quizer. mas com essa dívida, que meso com os absurdos do banco, graças a Empresa que trabalho, nem tenho palavras para espressar tal carinho e amor por ela, paguei ao Banco, só que ele movimentou e fez como qiz, não fui eu. é de matar, mas pra esse gerente, ele mexeu na pessoa erada, eu boto a boca no undo e vou contar a todo mundo o que estão fazendo com nossa família. não arredo o pé. e entrego a Jesus que se for certo isso. que eu pague, mas se não, que nenhm centavo seja deixado pra eles. ainda tem mais, ele disse que mesmo que eu pagasse minha dívida restante segundo o geente, cartão da esposa, e que a poiore ele falou que dava pra pagar tudo, depois disse qu não, eu em tres meses iria estar do mesmo jeito. ESCRAVO DO BANCO. VAMO VAMOS VER QUM É MAIS, VOCÊ OU JESUS. E A VERDADE. MINHA FILHA SAINDO DE UMA HEMODIÁLIZE, COMER BISCOITO QUE LEVEI SECO, SEM NEM ÁGUA, ME RTOU O CORAÇÃO, TIE U DIZER, FILA PAPAI ÃO TEM. É UM MONSTRO.

    103. maria disse,

      29/08/2011 @ 13:37

      eu quero acertar mais eles não queren fechar acordo con nada do q faço consico fazer acordo
      eu conprei um carro pelo banco e cada vez que tento pagar eles iventan algo e disen q ñ da o
      posso fazer

    104. alexandre disse,

      29/08/2011 @ 14:43

      ola tenho uma emmpresa aqui em bh a minha empresa deve o banco ele pode tomar meu bens

    105. nilson disse,

      02/09/2011 @ 2:14

      devo no banco fui negociar com ele mais eles me fizeroa uma proposta que nao da para mi pagar e eu recebo meus salario neste banco . fui abrir uma conta salario eles noa quizerao abrir o banco negar abrir uma conta salario que sendo que enpresa que trabalho so paga por esse banco ;

    106. Jôde Vecturíne disse,

      03/09/2011 @ 8:18

      Eu fiz um emprestimo no valor de R$ 100.000,00 pela CAIXA para investir na minha empresa LTDA, já paguei mais de 20.000,00 só q a empresa está em estado de falencia e não tem mais como pagar essa divida. As perguntas são, meu nome e do meu sócio podem ficar sujos? Como devo proceder diante de tal situação? Se não pargarmos o resto da divida o que pode acontecer?

    107. Solange Vieira disse,

      07/09/2011 @ 13:55

      Olá, renegociei uma dívida com o Santander, paguei a 31ª parcela de um total de 72. Desejo saber se outro banco pode “comprar” esta dívida ou não?
      Grata.

    108. joao batista d jose disse,

      09/09/2011 @ 17:27

      tenho uma divida que contrai no banco hsbc de um enplestimo que fis em minha comta mas fiquei desenpregado e ate aranjar outro enprego noa vou poder paguar oque devo esperar que o banco va faser ao respeito.pois tenho somente um carro velho em meu nome

    109. João disse,

      14/09/2011 @ 19:58

      Como todos aqui eu fiz um Crédito Automático no Banco do Brasil e renovei algumas vezes sendo que a prestação já estava no valor de R$ 750,00 (+ou-), só que bem antes deste CDC eu já tinha um seguro de vida que eu pagava todo mes R$ 200,00 ambos com débito em conta, ocorre que fiquei com várias dívidas e meu salário era depositado nessa conta. Quando meu salário caia na conta o CDC já bloqueava automáticamente o valor no entanto o seguro não bloqueava, e eu tinha que sacar o dinheiro todo da conta para poder sobreviver. Por que o banco não bloqueava o seguro e deixava o CDC sem bloquear? esta atitude de bloquear apenas o que interessa ao banco é legal? ocorre que perdi o seguro de vida que já pagava a muito tempo e continuo com o débito desse crédito automático.
      Tem como eu pelo menos compensar o tempo todo que paguei do seguro de vida com esse débito que possuo no crédito automático do Banco do Brasil?

    110. Cleiton disse,

      15/09/2011 @ 22:30

      boa Noite!
      Eu fiz dois empréstimos com o Banco do Brasil que era descontado em folha, só que fui exonerado do meu emprego, e começaram a debitar as parcelas do limite da minha conta corrente ,so que no momento nao tenho como pagar,fui ate o bando pra fazer uma renegociação,o rapaz que mim atendeu mim diz que o banco nao pode fazer nada,só se eu deixar atrazar as parcelas.Eu tenho um carro no meu nome sera que o banco pode pegar meu corro,ou levar em juizo algo assim,favor mim da uma orientacao…obrigado

    111. rosemry disse,

      17/09/2011 @ 16:01

      bancos sao todos caloteriros em forma de um cofre disponivel

    112. joao arildo do prado disse,

      17/09/2011 @ 23:21

      boa noite, fis um construcard de 20.000,00 54 x de 554,00 paguei 22, ai foi trocado a gerencia da empresa onde eu trabalho e meu salario caiu 50% meu nome ja esta sujo se eu pudesse usar o fgts par quitar esta divida me sobraria este valor para pagar outras dividas e limpar meu nome ….sera que posso usar fgts?

    113. Rita disse,

      28/09/2011 @ 16:50

      Boa tarde, tenho um emprestimo no banco itau, empresarial, peguei 15.000 faltam 9 parcelas de 1,200, e eu preciso fazer um outro emprestimo pois tive uns imprevistos e precisei usar o limite, meu limite de conta é 35.000, entrou 10.000 do limite , pedi emprestimo de 15.000 a gerente me disse que só posso pegar se for 30.000 porque isso? só preciso de 15.000 no maximo, o que eu devo fazer?

    114. Marcos Antonyo Lima disse,

      28/09/2011 @ 17:25

      Minha Cara Rita,

      Você é um alvo perfeito para os bancos, uma vítima em potencial, e será explorada e manuseada de forma cabal pelo gerente de sua agência bancária. Já errou uma vez em pegar um empréstimo para o seu negócio, e, errará novamente se pegar outro empréstimo, ainda mais, sob a forma de unilateralidade imposta pelo banco. Você deverá encontrar uma maneira de suprir seus imprevistos financeiros com capital gerado no próprio negócio, e nunca com dinheiro emprestado, pois vai chegar um momento que sua dívida ficará impagável, e tudo irá agua abaixo. Corte despesas, elimine superfluos, diminua custos de sua empresa que certamente sobrará dinheiro que servirá para reinvestir e pagar dívidas atrasadas, e, quanto a um novo empréstimo, esqueça…Em vez disso, vá ao banco e renegocie o que deve em parcelas suaves que se encaixem na sua realidade financeira. Agindo assim verá que em breve recolocará ordem na saúde financeira da sua empresa e se livrará das garras da ganância dos bancos. Boa sorte.
      Marcos Antonyo Lima
      Editor Escravos dos Bancos

    115. ALINE disse,

      29/09/2011 @ 10:52

      OLA RECEBI UMA CITAÇÃO DA JUSTIÇA DO BANCO ONDE FIZ UM EMPRÉSTIMO , E NESSA CITAÇÃO DIZ QUE SE EU PAGASSE ATE 15 DIAS EU NÃO TERIA QUE PAGAR CUSTOS PROCESSUAIS NEM HONORÁRIOS DO ADVOGADO, NA MESMA SEMANA FUI NEGOCIAR COM O BANCO E ESSA NEGOCIAÇÃO JÁ DURA QUASE 2 MESES. QUERO PAGA O VALOR A VISTA DE 12 MIL REAIS, SO QUE A DIVIDA TA EM 15 MIL POR CAUSA DOS HONORÁRIOS DO ADVOGADO E DAS CUSTAS PROCESSUAIS , REALMENTE DEVO PAGAR ESSA DESPESAS EXTRAS, POR FAVOR ME AJUDE E URGENTE!!!!!!!!

    116. valdiran gama da silva disse,

      10/10/2011 @ 21:09

      Devo um cartão de crédito em um banco e não paguei, posso pegar um cartão em outro banco?

    117. marilise disse,

      14/10/2011 @ 16:06

      fiz uma negociação com o banco e devido as greves do correio, não continuei o pgto, o que devo fazer se ao ir no banco a gerente tentou contato com a agencia prestadora de cobranças e tambem não conseguiu o boleto para quitar a pretação; enfim,, fiz um acordo com a prestadora de cobrança e o meu nome ainda está como devedor o serasa, e nem o banco conseguiu dar jeito o que devo fazer, pois preciso fazer um financiamento e não tenho aprovação devido a isso.aguardo a resposta.

    118. cleusa disse,

      19/10/2011 @ 15:04

      devo no banco do brasil o cartão de credito. sendo que ja estou na segunda prestação não posso fazer o emprestimo no banco bradesco isso e certo

    119. JULIANA MARTINS RIBEIRO disse,

      30/10/2011 @ 15:13

      OLÁ ESTOU DEVENDO UNS 5 MESES NO CARTÃO CONSTRUCARD, NÃO ESTOU CONSEGUINDO PAGAR,
      O QUÊ ELES PODEM FAZER?
      DESDE J´AGRADEÇO.
      JULIANA

    120. AMANDA ALVES disse,

      30/10/2011 @ 19:38

      olá, peguei 30.000 de empréstimo no itaú através de um crédito pre aprovado, paguei duas parcelas e não tenho condição de cumprir com as outras o que eles podem fazer? não possuo bens em meu nome!!

    121. mirian fabiana rodrigues disse,

      31/10/2011 @ 10:31

      oi. eu sou vendedora autonoma de multicatalogos.esse mes minha nota era de 270,00 .recebi em dinheiro só 100,00. o restante 170,00. eu tenho em mercadorias.então coverssei com o distribuidor responsável.e sujeri que ele pegasse as mercadorias de volta.(sendo que a mesma os clientes não tinham dinheiro para pagar) e o resto eu pagaria ele em dinheiro. mais infelismente ele não asceitou.preferiu levar minha nota a protesto.e agora não sei o que fazer.não tenho como pagar.e nem a quem recorrer.o que devo fazer.para limpar minha barra.

    122. jardel disse,

      02/11/2011 @ 13:12

      caro amigo meu nome e Jardel moro em são mateus es eu estorei o meu limiti no banco no valor de 10 mil e agora eles querem que eu pago um juros de 15 miz reais 3 mil segundo eles eu tenho que pagar avista e o restante eles parcelam pra mim! o que faço amigo eu n tenho esse dinheriro falei pra eles dividerem tudo mais eles disseram que n pode!

    123. Josmaier disse,

      04/11/2011 @ 10:11

      Por motivos de saúde usei o limite do meu banco por mais que coloco dinheiro não consigo pagar virou uma bola de neve e estou no programa minha casa minha vida sera que isso ira trancar meu financiamento , pois não posso ter empréstimos e quero pagar, queria fazer empréstimo para quitar a conta .

    124. Cristiene disse,

      05/11/2011 @ 20:07

      Boa noite,
      Estou na mesma situação de inúmeras pessoas a cima, fiz um empréstimo
      há uns 3 anos no banco real, paguei 3 parcelas de 970,00
      por conta desse empréstimo, não consegui mais pagar mais nada e… enfim me enrolei toda, há alguns meses eles contrataram uma empresa de
      cobrança para me ligar e o empréstimo que eu fiz, mais cheque especial que não consegui
      pagar mais cartão de crédito chegou a R$ 19.000. eles querem negociar em parcelas de
      9 x R$ 2000,00. eu não tenho esse dinheiro por mês, agora me mandaram um boleto com prazo
      de pagamento de 72 horas. Não paguei e disseram que vão mandar uma intimação e que
      se eu não pagar vão penhorar meus bens (eu tenho uma casa na qual moro sozinha com minhas filhas pequenas)
      e tomar as medidas cabíveis. O que eu faço? Procuro um advogado?
      Peço o histórico no banco de todas essas dívidas para ser estudado pelo advogado?
      Mas gostaria de saber se nesse meio tempo,
      devo me preocupar de verdade?

      agradeço a atenção

    125. Douglas disse,

      07/11/2011 @ 16:28

      Boa tarde fiz um emprestimo de 290 mil com nome de minha empresa mas não consigo pagar serei preso por isso?

    126. Marcia disse,

      11/11/2011 @ 7:36

      Fiz um emprestimo no Banco Itau de 8.000,00 que era meu limite, estava pagando bem apertado, ai o banco aumentou meu limite para que eu pudesse fazer novo emprestimo e folgar. Fiz um emprestimo total de 22.000,00 em 7 meses conegui pagar 11.000,00 fui ver minha divida esta em 22.000,00 isto quer dizer que em 7 meses eu nao teria pago nada. O banco ainda esta cobrando Lis e cheque especial que eles aumentaram o valor. Pois, tive um acidente de carro e fiquei com invalidez permanente recebendo agora 907,00. Nao tenho como pagar o valor que eles querem. O banco pode lancer nao do meu beneficio mesmo sendo ele uma conta poupança de outro banco ?

    127. Luiz Fabiano disse,

      13/11/2011 @ 13:10

      Parabéns pelo site.
      Gostaria de saber das respostas em meio a tantas perguntas que ti fizeram,pois é uma mais interessante que a outra e que por fim,serveria como lição para qualquer mais a frente.
      abraços!

    128. EU disse,

      16/11/2011 @ 10:24

      hola galera estou muinto preocupado no ano de 2008 fiz um emprestimo no banco do brasil de 5 mil reias e nao consegui pagar nenhuma parcela hoje no ano de 2011 quero ver a situaçao da divida para poner renegociar ligo no banco o povo fica con aquele joga pra la e pra ca que eu fico ate furioso e afinal quando atende alguen la me dissen que a minha conta agora foi transferida para outra empresa eu nao entendo isso a onde minha divida foi parar queria poder saber o valor da minha divida atual e renegociar pos nem assim o mal trabalho dos teleoperadores nao me deixan chegar a gerente da minha conta ademas queria SABER QUAL SERIA O VALOR DA MINHA DIVIDA HOJE DESDE JA MUINTO OBRIGADA A TDS QUE PUDEREN MI AJUDAR NAO VEJO A HORA DE SAIR DESSE BURACO MEU DEUS

    129. Lúcia disse,

      16/11/2011 @ 21:21

      Gostaria de saber se a caixa Econômica Federal pode obrigar através da justiça o pagamento de uma dívida.Peguei o empréstimo construcard, pagava o valor de 600,00. Não consigo mais pagar esse valor e não posso mais renegociar para um valor menor, pois já fiz uma renegociação anterior. O banco enviou para protesto, tenho que pagar o valor de 990,00 no cartório.(isso é legal)? O banco não pode mesmo renegociar para um valor menor, aumentando a quantidade das prestações? Aguardo uma orientação, pois tenho que resolver até dia 20/11.

    130. Kogo disse,

      22/11/2011 @ 20:18

      Quer saber, peguei vários empréstimos em vários bancos. Depois de um tempo, não paguei ninguém! Perdi quase tudo no casino, mas tenho uma boa casa (que é meu bem de família) e o automóvel é do meu irmão. Moral da história: não tenho nada. Sou funcionário público e ganho pouco com isso. Podem até penhorar minha conta, mas ela vai ser liberada, porque é salário (art. 649, IV do Codigo de Processo Civil). Já fiz isso várias vezes.
      Qual a lição que tiramos disso? Pegue um big empréstimo, compre somente o necessário e que vão p/ o inferno esses malditos. Se todo mundo fizesse isso, quem sabe não existiria um mundo sem bancos e seríamos mais felizes!

    131. gisele brandt disse,

      23/11/2011 @ 21:47

      fiz um empréstimo em 2008 de mil reais para interar a entrada da minha casa que foi de 11mil reais, parcelei com o antigo propretário 5 mil que paguei em 1 ano, pro banco itau paguei até quando eu pude, dezembro de 1999. nesta semana entraram em contato com a minha mãe dizendo para eu comparecer a agencia, renegociei, mas o total vai dar 11.922,12. o valor total da minha casa foi de 16 mil, não tenho como pagar, o que devo ou posso fazer.preciso de ajuda,

    132. Gizelle disse,

      25/11/2011 @ 8:18

      Olá, eu tbm estava com débitos de empréstimos da caixa desde 2009 e ontem fui até o banco para tentar renegociar, minha dívida estava em quase R$ 7.000,00 e então tive uma surpresa: A Caixa está com uma campanha tirando 100% do juros e a minha dívida real era de R$ 690,00 e paguei esse valor, é sério! Entrem em contato com o banco e se informem se estão dentro da campanha, vale muito a pena. Abraços!

    133. CARLA disse,

      30/11/2011 @ 8:49

      OLÁ FIZ UM EMPRESTIMO NA CAIXA DO CONSTRUCARD DE 8 MIL REAIS ..MAS DEVIDO AS CIRCUNSTANCIA ..FIKEI DESEMPREGADA ..NUM CONSEGUI PARA NENHUMA PRESTAÇÃO ..E ASSI ACABEI MI ENRRO LANDO COM OBANCO ITAU ..AGORA ELES ME LIGA COBRANDO E MANDANDO CARTAS DE DIVIDAS …EU NUM TENHO COMO PAGAR POIS ESTOU DESEMPREGADA E COM DOIS FILHOS PARA CRIAR SÓZINHA …AGUARDO UM A RESPOSTA

    134. Jamil disse,

      01/12/2011 @ 12:17

      Tinha uma divida no banco itau especial de 8000,00 tentei fazer um accordo ai eles já pularam para 12000,00 agora querem 16000,00 esse especial é conta juridica, ai liguei no banco pois eles mandaram um email , para renegociação , ok. fiz uma oferta de 10 parcelas de 1.000,00 não aceitaram, querem 18 parcelas de 1050,00 tenho 10 dias para resolver senão o nome juridico vai para o serasa, sempre é assim pressão, agora o que faço? tenho até 10/12/2011 para resolver por favor quero saber o que faço antes dessa data;

    135. Marcos Antonyo disse,

      01/12/2011 @ 16:11

      Caro Jamil,

      Uma das especialidades dos bancos é pressionar seus clientes quando inadimplentes, puro terrorismo financeiro, todavia, possuem essa liberdade e nem se preocupam em usá-la dessa forma errada. A decisão é sua em aceitar atitude abusiva e ilícita pagando 150% de juros, multas, e outros encargos e ficar com o nome limpo, ou não aceitar ser roubado e enfrentar as dificuldades das restrições ao nome de sua empresa. Sugiro não aceitar e continuar negociando até que sejam validado os princípios de reciprocidade. Se aceitar estará incentivando as praticas ilícitas e abusivas desse banco que somente pensa em sugá-lo até o bagaço e arrancar seu couro ainda vivo.
      Editor Escravosdosbancos.com

    136. Jamil disse,

      02/12/2011 @ 9:52

      Oi, bom dia obrigado por responder, se não abusar demais queria fazer outra pergunta na mesma agencia eu tenho outra conta , essa conta é contratual não tenho cartão nem nada dela, mais recebo visa e master card nela, e alguns depositos de lagumas empresas, quando têm saldo nela vou lá transfiro para conta do meu filho e retiro o dinheiro , quando o nome for para o serasa eles não vão pegar a grana dela não , ou não possibilitar as transferencias? eles podem será fazer isso ou não? desde já obrigado pela orientação um abraço jamil.

    137. Selma disse,

      02/12/2011 @ 16:06

      Boa tarde,

      Utilizei o Construcard, mas paguei apenas uma ou duas parcelas e não consegui ir pagando o restante, quero negociar para pagar minha dívida, mas não consigo falar com alguém que possa resolver, no Banco dizem que não é lá que negociam, não existe telefone de um escritório de cobrança, e dizem que preciso, para começar pagar honorários (3x o valor da parcela) para começar a negociação, mais uma entrada…não consigo resolver esta questão, quero pagar, mas não consigo falar com ninguém, como devo proceder?

    138. Jaqueline disse,

      07/12/2011 @ 13:11

      Boa tarde, sou de cascavel PR e fiz uma compra em uma loja de moveis, mas essa loja encaminha os boletos para um banco. Eu fiquei gravida e nao pude pagar ainda, eles me ligam todos os dias cobrando eu digo que vou pagar mais nunca sobra um dinheirinho, e agora vai para o juiz oque que eu faço???

    139. Renato de Sousa Romanholi disse,

      08/12/2011 @ 11:10

      Ola bom dia!
      Muito boa suas explicações sobre dividas com bancos, coisas que eu nunca avia ouvido se quer, creio que eu muitos outros. Mas como também sou mais um endividado, procuro socorro, orientação. Estou devendo para uma instituição bancaria, e já fiz uma negociação, mas infelizmente esta com valor muito acima do que posso pagar. O que posso fazer? Procurar o PROCON é uma saída? Não posso deixar meu nome ir para nos órgãos de “proteção de credito”.
      Att;

    140. Francisco disse,

      15/12/2011 @ 14:38

      Boa Tarde, olha tenho uma divida com o banco Santander que ja não estou aguentando mais…devo um cheque especial de 2.950.00 e 3 emprestimos que somam 980.00. Quase todos os meses pago nada mais nada menos que 1.450.00. vale lembrar de que o emprestimo de maior valor ou seja a prestação que pago de 440.00 só faltam 12 pagamentos, ja tentei negociar mas eles queriam que eu renegociasse tudo , os emprestimos , cheque especial e cartão de credito. Moral da historia eu irai fazer outro emprestimo de 990.00 mensal durante 60 meses. O que devo fazer , parar de pagar e esperar eles vir negociar? porque não aguento mais pagar por outro lado creio ser abusivo da parte deles. Aguardo resposta.

    141. Rafael disse,

      18/12/2011 @ 18:14

      Olá Boa Tarde tenho uma conta no itau pessoa juridica na qual vem se arrastando uma divida desde 2009 o começo da divida era de 70000 engordou para 120000 fiz um emprestimo para quitação paguei 7 parcelas de 15000 e naum e me embolei dinovo refiz o emprestimo e ja paguei 6 parcelas de 10000 porem atrasei duas parcelas mes 10 e 11 e eles colocaram o meu nome e de minha empresa do spc serasa porem o valor total da divida saum incriveis 230000 estou sem rumo e sem credito em lugar algum naum sei mas o que faço, podem eles colocaro valor total no serasa?????

    142. Jamil disse,

      27/12/2011 @ 17:27

      Oi, Marcos Antony teria como me responder a ultima pergunta . e agora colocarm no SPC , mais ligam para min fazendo propostas sempre assim visando melhor para o banco e sempre fumo na gente, nunca sai legal o acerto sempre eu sou prejudicado pagando 02 ou 03 vezes o valor real da divida sempre assim, nem estou mais atendendo estou deixando pra lá já me negativaram mesmo.

    143. leandro disse,

      05/01/2012 @ 19:45

      tenho 1 acordo no banco itau que sempre e debitado na minha conta corrente so que deixei atrasar 1 parcela a do mes passado e eles ja colocaram meu nome no spc so que no contrato que eu fiz tava escrito que se tiver atraso nas parcelas eles cobrariam juros e nao colocaria o meu nome no spc gostaria de saber oque eu faco.

    144. mauricio disse,

      09/01/2012 @ 20:58

      Boa noite,recebi hj um ameaça da caixa economia,que se eu não pagasse minha divida iriam entra com uma ação,e iriam tomar meus bens,tenho apenas um carro,que esta financiado,devia a eles apenas R$1.700.00,e pagava sempre o minimo e os juros aumentavam a cada mês,até que nãoconsegui mais pagar,em 100 dias de atraso minha divida dodrou,O que devo fazer nesse caso?Pelo que parece é uma empressa tercearizada que me cobrou,uma tal VLM ACESSORIA….Por favor se poderem me esclarecer como proceder,agradeço…

    145. Pedro disse,

      10/01/2012 @ 20:54

      Cansei de pagar juros, não pago mais nada não tenho bens, acho que vão ficar loucos, porque eu ja estou afastado do trabalho, por tratamento psiquiatrico.

    146. eliane disse,

      10/01/2012 @ 21:19

      eu devo a caixa ela pdir pega ofgts e o pis

    147. RAFAEL disse,

      11/01/2012 @ 12:56

      BOA TARDE, TENHO UMA DIVIDA NO ITAU QUE ERA DA EMPRESA QUE EU TINHA. ESTA DIVIDA FOI FEITA NO CNPJ,GOSTARIA DE SABER SE ELES PODEM POR NO SPC MEU NOME POR ESSA DIVIDA?
      EU NÃO SEI POR ONDE EU COMEÇO ESTOU ENROLADO, AGORA QUE COMECEI TRABALHAR PRECISO TENTAR RESOLVER ESSA PENDÊNCIA. JÁ FUI AO TIRAR UM NADA CONSTA E VERIFIQUEI QUE O VALOR ESTA EM 7.000,00 NÃO TENHO ESSE DINHEIRO,GOSTARIA DE SABER COMO NEGOCIAR.

    148. Carol disse,

      11/01/2012 @ 18:21

      O certo seria, usar o serviço de bancos, só para conta poupançaaa….
      pelo menos assim, passa o tempo e ganhamos algo…Pegar limite só se for pra pagar no próximo mês, e mesmo assim, os juros sao absurdos, além dos juros do valor pego, a mais juros que tu nao faz idéia da onde vem que por fim sào altos demais… Absurdooo.. acabei pegando 100 reais do meu limite… paguei 160 depois de 5 meses, hoje fui cancelar a cc, tinha mais um saldo devedor de 250… que absurdo! Mesmo meus pais ja terem conhecimento do que poderia ser, nao fui avisada de nada! Agora, pensarei 5 vezes antes de usar algo que eles nos oferecem… Ainda bem que estou começando agora minha vida economica, aprendi desde ja… pelo que vi meu problema aqui se resumi a nada perto de varios ali em cima :S, sinto muito, mas eu… espero nao passar por isso…agora de tanta raiva… me deu vontade de fazer economia, só para saber como de verdade funçiona isso tudo! até porque temos que ficar em alerta!

    149. Ricardo disse,

      11/01/2012 @ 19:45

      Bom dia

      Eu Trabalhava a 8 anos em uma empresa, achando que estava seguro, fiz um empréstimo de R$ 30.000,00 dois dias depois fui demitido, dentro de 30 dias tenho que pagar uma parcela de R$ 2000.00 em 24X, deste empréstimo, só que o problema e o seguinte, não tenho saldo a receber do fgts, devido a compra de imóvel a 6 meses antes, recebi só rescisão, tenho conta no banco a 8 anos, devido aos gastos mensais, não vou ter como honrar com esta divida, se tivesse alguma idéia de que serie demitido, jamais faria este empréstimo para pagar outras despesas, o que faço no meu caso, nunca tive problemas com não pagamento era uma pessoa muito controlada e honrava com meus pagamentos, agora recebi uma intimação judicial do banco.

      O que faço ?

    150. Jamil disse,

      19/01/2012 @ 12:22

      Oi, parece que desisitiram de responder, o que aconteceu?

    151. Arley disse,

      19/01/2012 @ 17:10

      Doutor, estou com o um grande problema (cartão de crédito), ultimamente não estou conseguindo saldar o valor total das faturas pois, está chegado a um valor 3x maior que o meu salário bruto, já divide a fatura por 2x e recentemente fiz um empréstimo pelo próprio cartão de crédito e ainda estou pagando essas parcelas e financiamento também, sem contar outras compras parceladas que foram feitos em outros estabelecimentos usando o cartão. Ainda não atrasei e nem deixei de pagar mas, a partir deste mês, não vou ter como honrar com essa divida pois, não tenho mais como refinanciar e nem como pegar um outro empréstimo em outras instituições financeiras com taxa de juros menores pois, já fiz isso à algum tempo atrás para saldar outras dividas. Estou pensando em não mais pagar o cartão e ver no que vai dar. Doutor pode me sugerir alguma medida mais inteligente pois, não sei o que fazer e não tenho à quem recorrer!!??
      Arley

    152. ED disse,

      22/01/2012 @ 15:54

      olá marcos? estou com emprestimo no contracheque,porem serão excluídos por causa da pensão alimentícia e estou atraz de um requerimento administrativo para que eu possa enviar para todos os bancos propondo-lhes um acordo com prestações menores,e se vc tiver algum requerimento administrativo e puder me enviar por email ficarei muito grato.
      Deus o abençoe.

    153. Elizeu disse,

      25/01/2012 @ 6:57

      Bom dia, gostaria de uma orientação, tenho um cartão de crédito e não consigo pagar o valor total dele, isso é sempre pagando próximo do minimo, com isso a d´vida só vai crescendo mesmo sem fazer uso dele em compras, pelas minhas contas o que já paguei e o que eles me cobrão de juros se for colocar na ponta do lápis , já paguei muito mas do que devo, como proceder neste caso, eles nem me dão a opção de parcelamento como fazem muitos cartões de crédito,não vem aquela opção de parcelamento, acredito que isso não seria vantagem para eles, já que eu pago todo mês o valor como eu disse próximo do minimo, e ai devo parar de pagar? e se ligar para a central eles me derem uma opção não favoravél isso é um valor de parcela alta, já não sei o que fazer. Obrigado.

    154. José Martins dos Santos disse,

      25/01/2012 @ 9:14

      Dr. Antonyo, Bom dia

      Tenho vários empréstimos no banco, devido dívidas adquiridas em função de uma loja de roupas que abri em sociedade com meu irmão, a loja não está no meu nome, mas fiz empréstimos em meu nome. Entre empréstimos e limite do especial devo aproximadamente 33.000,00. Os emprestimos estão em dia, por isso o banco não aceita nenhuma negociação. Não estou conseguindo mais pagar e em questão de dias vou “estourar” o meu limite. A intenção é deixar de pagar os empréstimos para “forçar” o banco à fazer uma negociação dentro da minha realidade (de forma indireta, isso foi sugerido pelo próprio gerente do banco). Acontece que essa conta é por onde eu recebo o meu salário. A pergunta é a seguinte posso pedir a transferência do meu salário para outro banco, mesmo nessa situação? Obs: Possuo talão de cheques e cartão de crédito nessa conta.

      Gentileza me orientar. Grato

    155. MLF disse,

      26/01/2012 @ 12:45

      estou num beco sem saida oq fasso ,vem pgando em dia a 4 anos os juros do cheque espscial financimnto de veiculo e emprestimo pessoal ,mas a 4 messes entrei numa turbolencia de dividas não recibidas ai não dei conta de asumir mais meus compromissos estou ate pensando em fechar o meu negocio pois nao consigo nem dormi direito com esses debitos com o banco..fis uma comta em 4 anos paguei mais de 70.000,00 so de juros e taxas ,tenho uma duvida tudo isso que eu paguei nao cai nada na minha divida nem os juros que queren negociar ?o banco pode negativar meu nome na pessoa fisica ce a divida e na juridica?

    156. Francisco carlos disse,

      30/01/2012 @ 12:37

      ola estou desesperado estou devendo 15.000 reais de cartao de credito e nao tenho como pagar e agora será que vou para a cadeia ja pensei até em suicidio]

    157. Wlademir José Debastiani disse,

      31/01/2012 @ 14:03

      Estou devendo mais de 30 mil reais a um banco de minha cidade. São juros do cheque especial, em sua maior parte. Se eu deixar assim, ja que não tenho condições financeiras para pagar a um advogado, o que irá acontecer comigo? Estou desesperado. Quero ajuda.

    158. José Carlos disse,

      01/02/2012 @ 17:53

      Algum tempo atrás fiz um empréstimo pelo banco BMG com debito em folha de pagamento. Não sei por qual razão não foram saldados as parcelas que o banco anos mais tarde resolveu protestar em cartório alegando que não saldei as parcelas devidas, porém o encarregado desta parte era a empresa que trabalho. Liguei para o banco surgerindo saldar a divida em parcelas menores até que possoa me restabelecer financceiramente para então continuar a pagar o devido. O banco atravéz de seus representantes disseram que levariam a proposta a seus superiores e depois retornariam com uma contra propósta mas até hoje nada e não consigo resolver. Agora o meu banco alega que tenho restrições por esta divida, que tentei resolver e não consegui.

    159. Tathyana disse,

      08/02/2012 @ 11:31

      Boa tarde, fiz um refinanciamento com o banco mas nao consegui cumpri-lo. O banco entrou na justiça, o que posso fazer agora?

    160. Laura disse,

      08/02/2012 @ 14:29

      Olá Marcos, por favor preciso de uma orientação urgente! O valor total de minha dívida com o banco é de 29.754,16. Pretendo pagar o referente a quase metade à vista; as duas outras pendências, quero usar a proposta no site do banco. Mas tenho dúvidas quanto às seguintes clausuras: “Modo de Pagamento: débito na agência / conta corrente” ( NAO MOVIMENTO MAIS A CONTA, ESTANDO SEMPRE ZERADA. SIGNIFICA QUE ENTÃO TEREI QUE DEPOSITAR, É ISSO?) // “Esta renegociação é celebrada sem a intenção de novar, ou seja, permanecem válidas as condições das operações origem em atraso, exceto pelas novas condições específicas desta renegociação.” ( ISTO SIGNIFICA QUE SE DAQUI HÁ 3 MESES EU QUISER QUITAR TODO O DÉBITO NAO TEREI DESCONTO ou NAO PODEREI FAZÊ-LO?? E AINDA… SE EU QUISER PAGAR OREFERENTE A 5 MESES, NAO TEREI A REDUÇÃO DOS 48 MESES ACORDADOS NO PARCELAMENTO?
      O QUE ISSO SIGNIFICA REALMENTE?
      Aguardo retorno para então finalizar a negociação. (( ESTOU FUGINDO DO IR À AGENCIA POIS O GERENTE PARECE FAZER DE TUDO PARA QUE EU FIQUE SEMPRE ENROLADA)). Grata pela atenção.

    161. Fernando disse,

      13/02/2012 @ 18:32

      Boa Noite Marcos. Meu caso é o seguinte: Estou com vários emprestimos no BB, sóque não estou mais conseguindo pagar e recebe meu sálario nesta conta. Tentei trocar de banco na minha empresa e não deixaram, a única coisa que podem fazer é depositarem meu salário em outra conta que eu venhar a ter no mesmo banco, sendo em agencia diferente. A pergunta é: o banco pode descontar valores da conta devedora em outra conta de outra agencia? Agradeço a atenção prestada.

    162. luziane disse,

      15/02/2012 @ 16:08

      estou devendo a um banco o valor de 18 mil reais já faz uns 16 meses e não consigo pagar, se eu deixar a dívida rolar até 5 anos a divida caduca.?
      depois de 5 anos com nome no SPC SERASA o que vai acontecer? posso ter novos créditos após essa data? outro banco vai me negar créditos futuramente?
      minha renda mensal esta em 710, 00 reais e não dá pra pagar a dívida!!

    163. adelson da conceiçao disse,

      17/02/2012 @ 13:51

      estou com o nome no spc desde janeiro de 2012 poc causa do cheque especial
      quanto tempo meu nome vai constar na lista do spc e serasa?
      obrigado !!!

    164. Idenilde Silvia disse,

      21/02/2012 @ 10:41

      Olá,esta namorando um pessoa já a cinco anos aviamos tirado um carro no meu nome,o namoro acabou e divida ficou pois ele não pagou mas o divida,meu nome esta no spc e serasa,e só chega mutas cada dia mas já são cinco,todas no meu nome,não sei mas o q fazer estou desesperada,gostaria de saber o que fazer?Posso devolver o carro para financeira?

    165. Fábio Campos disse,

      24/02/2012 @ 15:04

      Estou hoje pagando duas dividas ao itau, uma é uma renegociação que fiz da minha divida de cheque especial, e a outra é um empréstimo de R$2,000.00 que fiz e que vou ter que pagar em 24x de R$179.82.
      Queria saber se esse juros que estão me cobrando está correto, pois minha divida final está em R$4,315.68, fora a divida do cheque especial.Estão descontando tudo da minha conta corrente e não está sobrando praticamente dinheiro nenhum para mim, estão descontando até do meu Lis sem minha permissão.

    166. ANDREIA disse,

      27/02/2012 @ 17:19

      oi boa tarde veja se pode me ajudar…
      a 5 anos fiquei devendo meu especial ao banco 1000,00 c juros hoje esta 35 mil banco itau
      eles nao aceitam negociaçao nenhuma ja fiz varias ,o q devo fazer ???
      qual meu direito
      obrigada

    167. David disse,

      29/02/2012 @ 20:56

      Marcos, quero parabeniza-lo pelo site, sou mais um brasileiro completamente endividado, vítima de bancos, empresas de cartões de crédito e outras financiadoras. Minhas dívidas já untrapassam os 50.000,00. Após descobrir o seu site resolvi dar um basta nisso tudo. Confesso que foi um pouco de descontrole de minha parte no início, onde acabei sendo seduzido pelo crédito fácil oferecido por estas instituições, e tudo virou uma bola de neve sem controle e tamanho. Estou doente, não consigo mais raciocinar direito, tudo porque sempre fui uma pessoa que honrou todos os seus compromissos financeiros em dia. No momento decidí não pagar mais nada (mesmo porque não tenho como) e fazer um fundo de reserva para que no final do ano, eu possa saldar algumas dívidas depois de renegocia-las. O que você poderia me orientar a respeito, já que procurei o Banco Santander (onde tenho uma conta a mais de 12 anos) para renegociar a maioria das dívidas e eles nem se quer se manifestaram?

    168. Leticia disse,

      02/03/2012 @ 12:57

      Ola, eu tinha uma conta no banco itaú onde era depositada minha pensão, precisei mudar para o banco Bradesco pois minha pensão iria passar a cair la, mais tinha feito um emprestimo e retirado o lis da conta do banco itaú, essa divida pode ir para o banco bradesco, pode ser descontada da minha pensão?
      Sendo que a conta do itaú continua ativa segunda uma funcionaria disse que seria para depoisitar o valor do emprestimo.

    169. Natalia disse,

      12/03/2012 @ 8:53

      Olá, tenho emprestimos que fiz , para poder comprar uma casa e acabei me seduzindo pelos juros baixo , agora estou apertada , desempregada e a partir desse mês não vou conseguir pagar, gostaria de saber se tenho que ja fazer algum acordo com o banco ? e também queria saber se o banco entra com algum processo para pegar os bens ?Obrigada

    170. Vanessa disse,

      12/03/2012 @ 11:16

      Bom dia Marcos td bem? meu marido fez um emprestimo direto no caixa eletronico no valor de 4.600,00 no Banco Santander com um parcelamento de 36xde 423,28. Mas infelismente aquelas surpresas da vida surgiram e não conseguimos dar continuidade no pagamento dessas parcelas.Só que agora queremos continuar a pagar essa didida com o Banco porém achamos que o juro esta muito alto como podemos fazer neste caso? muio obrigada…sou grata pela atenção!!

    171. Rodrigo disse,

      13/03/2012 @ 10:24

      olá!! tenho uma divida com uma financiadora de veículos,não tenho condições de pagar mais as parcelas do veiculo,precisaria negociar as dividas.Gostaria de saber se a financiadora podia tomar meus bens em troca da divida do veiculo?informo que bati o veiculo e deu perda total, mas tenho outros bens no meu nome.

    172. EDERSON disse,

      16/03/2012 @ 17:38

      boa tarde, por gentileza estou com problemas junto ao banco Santander, fiz um emprestimo para conseguir abrir a minha empresa, empresa empresa e pessoa fisica, hj esta totalizando R$ 80.000,00, tenho somente uma casa ainda financiada pela CEF, 2 carros ainda com prestações e moveis e algumas aparelhagem q adiquiri com os emprestimos para trabalhar, penso sim em pagar, maas não estou tendo condições, eles podem entrar em minha casa e pegar os meus pertençes ou o oficial pegar alguma coisa minha.
      no aguardo.

    173. aparecida disse,

      19/03/2012 @ 19:53

      Peço orientação sobre como proceder a respeito de uma dívida que eu fiz na Caixa Econômica Federal em Cdc´s e cheque especial , contrai esta dívida pagando contas, comprando remédios para a minha mãe que é portadora de Esclerose Múltipla , comprando comida e dando algum conforto para ela. Estou totalmente perdida não sei o que pode me acontecer pois não estou conseguindo pagar os cdc´s do mê de março. O que devo fazer? Não quero deixar de pagar só quero pagar o justo, pois os juros são muito altos.

      Obrigada

    174. Cláudio Oliveira disse,

      22/03/2012 @ 18:55

      No Ano de 2008 e 2009 iniciaram meus problemas financeiros com o Banco Santander pois minha esposa que é Autônoma correspondia por 60% da nossa Receita na época sendo que a mesma engravidou de Gêmeos e teve que parar de trabalhar, o resultado foi diminuição na receita e aumento na despesa (tudo tinha que ser comprado aos pares). Entrei no cheque especial do banco além de solicitações de empréstimos e dívidas nos cartões de crédito. Não consegui honrar os compromisso e o banco sempre que caia meu salário efetuava débitos de recuperação de crédito alem de tarifas de adiantamento ao depositante no valor de R$ 32,00 isso por vários meses. Com o tempo minha esposa pode voltar a trabalhar e foi possível negociar os valores. Com o Santander em especifico fiz uma renegociação em Junho de 2010 onde a dívida que eles alegavam estar em mais de R$ 8.000,00 cairia para um valor de aproximadamente R$ 4.200,00 que foi dividida em 18 parcelas de R$ 243,00. Os pagamentos eram debitados sempre no último dia útil do mês e consegui pagar 15 parcelas, porem em Outubro tivemos outra situação e não conseguimos pagar as 03 últimas parcelas sendo as parcelas de Outubro, Novembro e Dezembro. Em Fevereiro tentei negociar com o Banco o pagamento da dívida porem fui informado que minha divida estava em mais de R$ 5.000,00… Não consegui entender com é possível que 03 parcelas que somadas dão o valor de R$ 729,00 poderiam esta agora em um valor tão alto e sabendo que em Dezembro e Janeiro o banco havia debitado em minha conta R$ 171,00 e R$ 252,00 com informação de recuperação de crédito em atraso. Questionei essa cobrança porem ninguém conseguiu me explicar em Fevereiro o Banco ainda debitou o valor de R$ 252,00 duas vezes sendo uma no dia 17/02 e outra no dia 29/02 datas onde houve deposito do meu empregador a títulos de PPR e salário mensal. Procurei o Procon porem este parece que não esta do lado do consumidor pois só me disse que o valor de R$ 5.000,00 é referente a quebra de acordo e que é abusivo porem nada fez, a não ser entrar em contato com o banco para verificar qual o valor que poderiam negociar comigo. Informei ao Procon que não desconhecia tal clausula e não aceitei a proposta de pagar R$ 1.700,00 e manifestei que ao meu ver a dívida já esta paga porem nada foi resolvido. Procurei a Gerente e solicitei o demonstrativo da evolução da dívida e ela me passou um documento onde consta que ficaram faltando as 03 parcelas ou seja não consta como o valor chegou a R$5.000,00. Pedi a copia do contrato da renegociação havia feito em 2010 porem o banco me informou que enviariam até o dia 21/03 o que não aconteceu. Por fim procurei um Advogado e estou entrando na Justiça contra este Banco que pratica juros Abusivos e que não mostra de forma transparente a origem dos valores que são cobrados dos consumidores.

      Abs.

    175. aparecida disse,

      23/03/2012 @ 11:48

      Mandei um pedido de ajuda, o sr. não está respondendo mais. Estou desesperada preciso de uma orientação , fico no aguardo de uma resposta.

      Obrigada

    176. Marcos Antonyo disse,

      23/03/2012 @ 14:43

      Prezada leitora Aparecida,

      Não tenho tempo nem estrutura física para prestar assistência jurídica às centenas de e-mail’s recebidos diariamente. O Portal “Escravosdosbancos.com” é uma página pessoal, onde, para atender meu ideal intelectual, tento contribuir com a sociedade, divulgando os direitos do consumidor bancário, porém, de maneira generalizada, pois, fica distante a possibilidade de um atendimento personalizado aos infinitos atritos existentes nesse olimpo de consumo. O espaço pós-reservado a cada artigo do Blog destina-se somente para comentários inerentes a cada assunto tratado, e não para solicitação de consulta pessoal, e para isso, sugiro a procura de um advogado próximo especializado em direito do consumidor, para pessoalmente analisar e deferir as orientação cabíveis a cada caso.

      Gostaria de atender a todos, todavia, sou um cidadão comum que precisa cumprir responsabilidades profissionais e pessoais, no entanto, sempre que possível, manifestarei aqui, e/ou diretamente ao solicitante, orientações que sejam úteis aos casos comuns.

      >>> Será difícil para você pagar somente o justo para um banco, pois, eles desconhecem essa palavra, e cultivam em alta escala apenas o seu inverso. > Faça uma carta ao banco em 2 vias, entregue na sua agência e cobre recibo, solicitando nessa, uma negociação da sua dívida no máximo de parcelas possíveis, porém, com a eliminação de juros abusivos, encargos e multas diversas, e exponha os motivos pessoais de força maior que a levaram à inadimplência. É importante ter a sua via com recibo da agência, e caso, na mesma, se recusem receber, envie pelo correio para o seu endereço, com AR, e guarde comprovantes. A sua via desse documento será o ponto de partida para a abertura de um futuro processo revisional contra seu banco, e, a partir da data de sua emissão, você estará isenta das práticas abusivas determinadas por esse frente a análise das leis que balizam igualdade de consumo, caso o mesmo se recuse atendê-la a contento extrajudicialmente.

      Faça valer a autonomia da sua vontade, ela é a sua lei, seja persistente e nunca ceda para pressões psicológicas ou ameaças praticadas pelos bancos, atitude assim, é determinante na validação dos seus direitos e na proteção do dinheiro alheio a eles confiados.

      A fraqueza do consumidor bancário pode ser a sua força, basta para isso que ele queira.

      Boa sorte.
      Marcos Antonyo Lima
      Editor proprietário do Domínio Escravosdosbancos.com

    177. ivone disse,

      25/03/2012 @ 12:27

      EU TRABALHAVA EM UMA EMPRESA AQ EM OLIMPIA, MEU PATRAÕ ME TROUXE DE GUARULHOS S PAULO, ONDE EU TRABALHAVA HA 8 ANOS/ COM UMA PROPOSTA INRRECUSAVEL,ACEITEI, AGORA FIZ UMA RECISAÕ INDIRETA PQ DESDE DEZEMBRO DE 2011 Q NÃO RECEBO, AGORA ESTOU OPERADA SEM RECEBER DA FIRMA NEM MEU SEGURO Q SERIA RAPIDO COMO PROMETEU O SINDICATO SEM SABER OK FAZER DEVO 1400 REAIS DE CRTÃO DE CREDITO NO SANTANDER E PEGUEI MAS 500 REAIS DO MEU LIMITE DO BANCO ITAU. ESTOU DESESPERADA OK EU FAÇO? ME AJUDEM

    178. mauro przycycynski disse,

      25/03/2012 @ 14:01

      como posso renegociar uma emprestimo consignado.
      obrigado

    179. flavia campos disse,

      07/04/2012 @ 8:17

      estou com um emprestimo consignado atrasado,nao tenho como pagar no momento pois estou desemppregada o q fazer?

    180. João Luiz disse,

      11/04/2012 @ 9:20

      Respeito a opinião de todos aqui, e do dono do site, porém do que adianta tudo isso se os bancos cada vez mais tem TODO o aval do Governo para cobrar esse absurdo de juros que cobram e da própria justiça que de um tempo para cá resolveu reconhecer esse absurdo que os bancos cobram de juros. Hoje voce faz uma aplicação em qualquer banco e eles te pagam no máximo 1% de juros, mas na hora de cobrar, nos arrancam miseravelmente de 12 a 15% de juros…para a justiça isso é normal…são os “juros de mercado, segundo tive que ouvir de um juiz…

    181. Anderson disse,

      11/04/2012 @ 12:11

      Oi Trabalho no Banco Itau como caixa , mais no começo do meu trabalho tive varias diferenças no caixa, e o banco descontava de mim, eles tornavam essa divida em emprestimos consignados, hoje minha divida é de 32 mil, que desconta em folha, isso é legal? e se eu for mandada embora ou mesmo pedir as contas eles podem descontar essa divida na minha recisão?, obrigado

    182. Tereza disse,

      17/04/2012 @ 14:43

      Boa tarde!,
      Se puder me responder sobre esta duvida ficarei muito grata, sou devedora de um banco por conta de um emprestimo, este banco passou a divida para uma empresa de cobrança, que através de correspondencia me faz cobrança no endereço do meu trabalho, sendo este não passado para o banco e sim da minha residencia, passei muita vergonha por conta disso, pois o end. é um edificio e encontrei a correspondencia violada, eles podem fazerem isto sem minha autorização?. Agradeço desde já, abraços.

    183. MARCELO LUCAS disse,

      20/04/2012 @ 17:06

      ola boa tarde fiz um emprestimo no bradesco e nao tenho dinheiro para pagar aconteceu umas coisas financeira com migo e n ao sei mais oque faser o banco si fica ligando ojé jegou uma carta de procesor para mim oque devo faser grato pelo resposta

    184. KÁTIA CRISTINA disse,

      27/04/2012 @ 13:00

      Devia ao banco Santander que moveu uma ação de execução contra mim. Fizemos um acordo através de petição que informava que o valor total do débito era de R$ 52.0000,00, mas que concederia desconto e ficaria em R$ 25.000,00, acordamos então que daria uma entrada de R$ 1.000,00 (mil reais) + 38 parcelas de R$ 661,00. Após pagar 10 parcelas, tive um imprevisto e não consegui pagar a 11ª parcela. Após 28 dias de atraso tentei emitir boleto atualizado para pagamento porém a informação que obtive era que o acordo já havia sido cancrlado. Em contato com o escritório jurídico representante informaram que fariam a renegociação mas que seriam acrescidas 19 parcelas. Ou seja, restavam 28 parcelas e agora eu teria que pagar 47 parcelas. Não sei que procedimento tomar já que o acordo foi feito no processo de execução judicial. Preciso de orientação.

    185. roseli disse,

      29/04/2012 @ 2:00

      tenho 9 emprestimos no santander, vr total de 25.000,00 estou tentando negociar pois este valor passa de 30 por cento da minha renda comprovada, os mesus emprestimos estão em dia, só que estou ficando muito apertada usando todo o mes o cheque especial, que os juros são alto. Gostaria de saber se cabe uma negociação com o banco ou se devo deixar as parcelas atrasarem para poder negociar, e chegar em um valor que eu possa pagar direitinho.

    186. gileno disse,

      08/05/2012 @ 15:03

      devo 6 parcelas do carro só tenho condiçao de pagar 4 no momento, o banco nao aceita e ameaça a busca e apreençao que faço

    187. Jonatan disse,

      08/05/2012 @ 19:14

      Estou devendo ao Banco faz 6 anos, fiz vários empréstimos até então e renegociações com o banco, nunca sai dessa divida e ao invéz disso já estava devendo para parentes muito dinheiro, para o banco estou devendo 40 mil, consegui um empréstimo e quitei minha divida com as pessoas para quem eu devia, esse empréstimo girou em torno de 50 mil, mas não tenho condições alguma de pagar pois minha divida total é de 90 mil reais, o que fazer? se não pagar irei preso? pois as pessoas a quem eu devia estavam sendo prejudicadas e precisavam receber, nada alem dos direitos delas. Nunca sai dessa divida por causa dos altos juros cobrados pelo bancos. espero respostas, obrigado

    188. maria alcantara disse,

      11/05/2012 @ 12:23

      meu limite no banco venceu,quero parcelar e pagar uma parcela de 300 reais q e a que eu posso assumir,ja recorri ate ouvidoria do banco eles se recusam dizendo que pra fazer isso eu tenho que renogociar outros emprestimos que eu estava pagando em dia e agora nao consigo pagar porque todos os dias cai taxas e juros sobre esse limite e meus emprestimos ficam atrasasados,resumindo nao sei o que fazer nen a quem recorrer mais,me propuserem 48 vezez de 848,como vou pagar isso se agora que recomecei a trabalhar e juro sobre juro,me oriente devo ir no procon?

    189. ana paula oliveira da silva disse,

      14/05/2012 @ 21:42

      ola sou ana paula moro na bahia , estudei na unies ,as pessoas me orientaram que o curso era grates ,como nao tenho condicoes de pagar eu fiz , eles me disseram que a gente so iria pagar os juros de 3em3 meses 50 reais aceitei so que estudei 3 meses
      tive que voltar pra bahia por motivos familiares
      eles estao me cobando parcelas de 6 meses de estudo mais um ano e meio de juros
      eu so estudei 3 mesese e as parcela do curso sao 818 nao tenho condicoes de pagar , sou de familha pobre, o que eu faco me ajude por favor…

    190. marcos vecchio disse,

      17/05/2012 @ 16:28

      Pessoal segue um desabafo , não confiem em ninguem veja o que me aconteceu tenho uma empresa e no terceiro ano devido ao meu movimento no Banco Itau fui adiquirindo credito como cehque especial que estave m 250.000,00 e antecipação de recebiveis , cheques e cartoes , o que acontece e que foi alterado meu gente e veio este novo gerente PJ dizendo que eu estava muito alavancado e teria que refinanciar toda a minha divida , como não tinha opção pois eles cancelaram meu cheque especial do dia pra noite fui obrigado a aceitar as 36 prestações de 32000,00 , o que ocorre foi me dito que os cheques antecipados seriam devolvidos pois estava fazendo um novo parcelamento o que nao ocorreu como tinha 500.000,00 em cheques com banco fiquei tranquilo para pagar , mas nada , hoje eles me cobram na justica por 1032000,00 , ja nao durmi mais , bloquearam minha conta entrei na justiça embargando e advinha a justiça diz que eles estao certo , entao desistam não tem como recorrrer com o banco deixe eles fazerem o que bem intendem com voces .

    191. carlos disse,

      22/05/2012 @ 16:50

      Boa tarde , amigo eu tinha um emprestimo no banco bradesco que era descontado do meu salario .no ano pasaado fiquei desempregado e não pude mais pagar ,neste ano arrumei um serviço mas o salario é pouco e não da para pagar ,mas apareceu outro emprego com promessa de ganhos maiores ,mas prescisava estar com o nome limpo fui ate o bradesco negociar a divida e volar ficou um absurdo ,mas mesmo assim aceitei para arrumar o outro emprego e infelismente não deu certo e agora estou com uma nova divida e muito maior o que posso fazer ,existe algum jeito de recorrer ,obrigado

    192. Pedro Martins disse,

      25/05/2012 @ 20:34

      Vixe!!! Pensei que só eu tinha problemas com dívidas… O meu caso não é diferente, abri uma empresa de Reciclagem e na crize de 2008 perdi tudo!!! O pior é que como sempre fui bem aplicado tinha limites altos nos cartões então estourei todos os cartões, o limite do banco e ainda tinha um carro que não paguei as últimas parcelas como vinha empurrando com a barriga só de 9 meses para cá é que deixei de pagar todas as contas, será que daqui a 5 anos a minha dívida será amortizada??? Grato e sucesso para todos.

    193. Betania disse,

      29/05/2012 @ 15:51

      Boa tarde, eu tenho uma dívida com o banco de um empréstimo que eu fiz, mas agora estou desempregada e não vou conseguir pagar mais essa dívida, o que devo fazer? E tbém tenho cheque especial e não vou conseguir pagar também o que devo fazer? Será que alguém tem alguma luz para me dar por favor pq estou apavorada e não sei o que fazert?

    194. vilma mendes disse,

      31/05/2012 @ 18:58

      oi meu nome e vilma !
      bom meu problema e que meu marido tem uma conta no valor de 10.000.
      e nos nao temos mas condiçoes de pagar o banco o itau se nos nao pagar o que aconteçerá

    195. Marcela disse,

      04/06/2012 @ 12:49

      Boa tarde!
      Minha tia comprou um carro em 2009 no Valor de R$ 32.000.00, por não ter mais condiçoes de pagar devolveu o carro. O caro foi leiloado no valor de R$29.000.00 e hoje estão cobrando o saldo remanecente no valor de R$1000.00 e esse e o valor cobrado com desconto, pois o valor real e de 5 mil. Sendo que ela pagou 10 parcelas de R$802,47. O que ela pode fazer para não ter que pagar mais nada e limpar o nome?

      Obrigado e tenha um excelente dia de paz!

    196. neuza disse,

      07/06/2012 @ 4:53

      Bom dia , eu fiz um emprestimo de 5.000 mil no Banco do Nordeste em 2002, para montar um salao de beleza,mas nao consegui trabalhar ,por motivo de doenca, paguei algumas prestacoes, e nao tive condicoes de pagar mais, e gostaria de saber qual a melhor forma de pagar essa divida sem juros e com descontos , e si com essa divida ativa em meu nome ,meu esposo pode fazer algum outro emprestimo , por favor me ajude .obrigada , tenha um bom dia .

    197. Jeferson disse,

      12/06/2012 @ 18:52

      Boa noite. Estou devendo ao bradesco um emprestimo de 2000’00, junto cm ele um pessoal de 800 mais cartao de credito paguei algumas mas fiquei desempregado e certamente meu nome ja se encontra no spc, entao pensei em so procurar o banco quando tiver condiçoes reais de quitar minha divida. to certo?

    198. Raquel Guerreiro disse,

      12/06/2012 @ 19:42

      Boa noite, em 2009 fiz um empréstimo no valor de R$ 10.000,00 no BB, no ano seguinte 2010, parei de pagar o empréstimo e meus cartões porque estava desempregada. Acontece que depois de uns meses o Banco enviou me uma cartinha avisando que a cobrança seria feita por um escritório jurídico. Até aí tudo bem, eu estava devendo então fui fazer uma negociação para quitar a divida .Fui ao banco e falei dirtamente cm o gerente, ele me informou como deveria proceder com a negociação com o escritório jurídico.Negociei a dívida, acontece que o gerente do Banco me falou que já que eu paguei a dívida com desconto eu iria perder minha conta e só poderia reativá-la depois de 5 anos. Hoje fui a outra agência do BB depois de 2 anos, a gerente me disse que para eu abrir outra conta no BB teria que pagar a parte que foi descontada da dívida. Como pode uma situação como esta? Será que depois dos 5 anos, ainda vou estar impedida de abrir a conta. 1º não fiquei devendo o Banco e mesmo assim , passo por constrangimento quando tento reativar uma conta.

    199. Amarildo disse,

      14/06/2012 @ 14:29

      Boa Tarde Marcos,

      Tenho um empréstimo no Banco Santander no valor de R$38.000 já paguei algumas prestações só que hj ñ estou em condições de pagar e já se vão 4 meses de atrasos, bem gostaria de saber oque vai acontecer daqui pra frente, ñ tenho nada no meu nome ñ foi dana nenhuma garantia e qual vai ser o passo deles daqui pra frente, tenho muito medo de represarias deles e outras coisas, posso ser preso por isso ou algo desse tipo, sei que hj ñ tenho condições de pagar e ñ vou ter ainda por um tempo pois acabei de passar por alguns motivos pessoais de trabalho em uma empresa que tinha que fiquei com minha vida financeira bem complicada, pode me dar uma luz por favor obrigado.

    200. coriolando disse,

      19/06/2012 @ 9:41

      bom dia ..estou com varios emprestimo no contra cheque e gostaria de saber se posso mandar parar de descontar pois nao estou aguentando mais pagar e como fazer isto ?e depois recorrer na justiça para que os bancos entren em um acordo para mim pagar juros mais baixos e parcelas que realmentem cabem no meu bolso obrigado!!

    201. Camila disse,

      25/06/2012 @ 12:26

      Bom dia
      Meu contato é referente a um saldo devedor que meu esposo possui com o banco Itaú,no no de 2007 ele fez um empréstimo pois havíamos comprado um carro e ficou faltando o valor de R$ 3.000 para pagar ao antigo proprietário do veiculo ,como havíamos feito financiamento pelo Bradesco em meu nome com 90% do valor do veiculo ele fez empréstimo pessoal de R$ 2.700,00,chegou a pagar quase um ano depois ficou desempregado e não foi possível pagar mais .chegavam varias carta com valores altíssimos ficamos assustados na época no ano de 2009 ele tentou negociar a divida diretamente com o banco porem os valores das parcelas eram altos e o valor final ficava na media de R$ 20.000,00
      Sendo que foi emprestado R$ 2.700,00.ele ate chegou a pagar 3 ou 4 parcelas mais vimos que eram um absurdo o valor e não pagamos mais.
      Hoje o valor esta em quase R$ 60.000,00 como pode ser?queríamos quitar a divida ate por que queremos financiar um imóvel e como faremos ,entramos em ctt com o banco para negociar e o melhor que conseguimos foi R$ 29.000,00.
      Gostaria de saber quais são os nossos direitos e como devemos agir nesse caso
      Desde já agradeço
      Boa tarde
      Camila lazaro

    202. luciano gomes disse,

      04/07/2012 @ 7:19

      estava desesperado sem ter rumo e foi quando achei o seu site e vi que vc ajudou a varias pessoas a tirar suas duvidas que bom que tem pessoas assim mais entendidas do assunto que posso nos ajudar desde já te agradeço que JEOVÁ DEUS sempre te ilumine ok. Bom estou com um problema amigo fiz um empréstimo no banco no valor de 10 mil reais a 4 anos atras tipo tinha 23 anos a firma abriu conta para nos com limite de 5 mil em cheque especial , limite alto em cartão de credito uma ilusão eu na loucura fiz o empréstimo ok com o tempo estava pagando as parcelas certo mas depois fiquei despregado mas eu tinha o dinheiro ainda na conta do empréstimo né mas deixei tipo ia debitando o empréstimo por fim não consegui pagar o empréstimo e o dinheiro acabou da conta e eu sem emprego ainda e sem como pagar me mudei de cidade consegui emprego ficou uma bola de neve e nao consegui pagar mais agora depois desse tempo uma emrepra acho que comprou minha divida falou em um acordo para eu dar 4 mil reais de entrada e parcela o resto em 36x de mil reais nossa eu nao tenho condição dee pagaar isso falei pra ele pois pago aluguel tenho filhos pequenos agua luz tenho que pagar e comida so ganho mil reais se tee dar isso o que eu como dai ele falou para eu pagar avista daria 28 mil reais mas nao tenho condição falei pra ele disse que queria pagar o que eu poderia pagar e ainda ficar mais duro e de 350 de parcelas por mes ele meio que me esnobou sabe e disse que nao dava que eu iria assim so termirnar de pagar em 9 anos dai eu falei mas ia ne pagr ele falou que nao dava e falou que ia protestar em cartorio amigo me ajuda em ter um caminho para que eu possa segir pois quero pagar sim mas nao tenho condição de dar tudo isso que eles pedem se eu tivesse condição pagava a vista mas nao tenho .obrigado pela atenção ….

    203. Danielle Soares disse,

      07/07/2012 @ 16:59

      Por favor me tire uma dúvida eu tenho uma dívida no bb e meu esposo tem conta lá, só que quando ele foi atualizar os dados de casado ele queria fazer um emprestimo e foi negado devido esse minha divida o que devo fazer para ele não ser prejudicado.

    204. geisiele disse,

      10/07/2012 @ 3:33

      Bom dia!

      gostaria de saber se eu posso processar o banco santander por não ter cumprido um acordo que ele fez comigo:?

    205. Emerson disse,

      11/07/2012 @ 10:19

      Bom dia!
      Em 1997 adquiri uma divida com o Banco Santander devido devido ao limite do cheque especial, tentei negociar a divida naquele tempo e não obtive resultado, pois o banco queria cobrar um valor muito alto e não havia como pagar o valor, resultado meu nome na epoca foi para sps/serasa onde ficou por 5 anos ate ser retirado.
      Agora depois de 15 anos praticamente uma empresa de cobrança vem me ligando, pois a divida foi comprada junto ao banco.
      Ante desse tempo nunca houve contato nenhum nem do banco, ou de qualquer outra empresa de cobrança.
      O que essa empresa pode fazer, já que judicialmente essa divida, creio eu não possa ser cobrada, eu acho,
      pois se pudesse já teriam feito e tambem meu nome não pode voltar a ser negativado pelo mesmo motivo,
      junto ao banco só consta uma taxa para encerramento da conta.

    206. fernanda disse,

      18/07/2012 @ 12:07

      boa tarde.
      preciso mto me informar sobre o seguinte. tinha uma divida junto a caixa economica, e foi me oferecido uma proposta de desconto em uma campanha de pagamento que a caixa fez em 2010, fiz o pagamento como eles pediram, baixei os titulos, ficou tudo certo, porem agora em 2012 pedi um empretimo na caixa em outra agencia e em outra conta, eles me disseram que o pagamento na campanha esta atrapalhando agora. A caixa tem esse direito? obrigada.

    207. Margarethe disse,

      19/07/2012 @ 14:39

      Boa Tarde,
      Tenho dívida no banco santander, emprestimo, cheque especial, e cartão de credito. Tenho pago como posso, porém estou pensando em deixar de pagar, pois não tenho como pagar, cada vez aumenta mais.
      Sinto-me preocupada por isso e quero saber o que pode acontecer caso deixe de pagar? Meu nome com certeza irá para o Serasa, isso sei, o que quero saber se com o passar do tempo essa dívida que está em torno de R$20000,00 tem como ser diminuída? Se eles vão me amendrontar com alguma coisa, eu tenho um imovel na CEF, que vendi porém não fiz a documentação ainda, tenho medo de me ameaçarem com alguma coisa?
      Obrigada,

    208. Ivo disse,

      24/07/2012 @ 10:56

      Bom dia!

      Tenho uma divida com o Banco do Brasil, foi feito um acordo, sendo 07 parcelas de R$ 280,00.
      paguei 06 parcelas , infelizmente não paguei a ultima, agora estão me cobrando o valor total de R$1700,00 novamente, fora os juros que estão correndo. E agora não tenho condição de pagar tudo novamente, o que posso fazer?.

    209. Claudio disse,

      24/07/2012 @ 19:54

      Bom o meu assunto é com o Santander. Tenho uma dívida de 2 empréstimos e tb estouro do limite do especial e cartão de crédito. O banco me liga de 4 a 5 vezes ao dia, sem dizer nos sms que chegam constantemente pelo celular. Li e aprovo um comentário de uma pessoa que estava a ponto de se suicidar e depois de 3,4 anos o banco enviou-lhe uma carta com desconto de 80% e ele pagou. Oque pode acontecer se eu não pagar? Fizeram uma prosposta, ou melhor várias , mas nenhuma cabe meu orçamento. Se entrar certamente pagaria 1 ou 2 e depois não pagaria mais. Posso ir preso por dever ao banco? Eles podem tirar meu carro, ou bens de minha família, como pais, esposa, irmã?
      Obrigado e parabéns pela iniciativa desse site.

    210. joao paulo disse,

      24/07/2012 @ 20:22

      estou devendo a 2anos 5 cartoes de credito si eu nao pagar eu vou presa oque acontece comigo si eu nao pagar

    211. Mari Santos disse,

      25/07/2012 @ 12:47

      Olá Marcos Antonyo, procurei um advogado para saber se poderia entra com uma ação contra o banco Itaú pela cobrança de juros abusivos, ele me informou que eu poderia entrar sim, mas não seria vantajoso pois, os bancos tem um cadastro que somente ele tem acesso, onde mostra pessoas que colocaram bancos na justiça, ele me explicou que isso é ilegal mas ainda existe essa tal cadastro e sempre que eu tentasse adiquirir um financiamento em qualquer banco sempre daria restrição no meu crédito sem nehum motivo aparente. Isto procede? Agradeço muito se responder
      Mari

    212. Poliana disse,

      25/07/2012 @ 21:00

      Olá. Boa Noite a todos!

      Devo quatro bancos, não devo porque quero e sim por não ter condições para pagar. Quando estava empregada, eu pagava as minhas dividas ate 10 dias antes do vencimento. Os bancos não param de me ligar e de mandar cartas de cobrança. Quando oferecem um acordo, me oferecem o dobro que eu devo. Não sei o que fazer e não vejo uma luz no fim do tunel. Deus e que sabe tudo o que eu passo. Mas sei que vou conseguir. Eles me falam que podem me processar e tudo mais. Depois que li este sait, fiquei mais tranquila. No mais… me despeço!

    213. José disse,

      29/07/2012 @ 7:24

      Bom dia Marcos Antonyo.

      FIZ UM EMPRÉSTIMO PESSOAL ATRAVÉS DO CARTÃO DE CRÉDITO NO VALOR DE R$ 14.000,00 DIVIDIDO EM 24X907,00. PAGUEI 12 PARCELAS, E ACABEI NÃO CONSEGUINDO PAGAR MAIS, HOJE ME MANDAM CARTAS DE COBRANÇA DIZENDO QUE ESTÃO ENTRANDO COM PROCESSO JUDICIAL, NO MOMENTO NÃO TENHO COMO PAGÁ LOS, E QUANTO A BENS DO TIPO: CARRO OU CASA, O BANCO PODE TOMAR ? O QUE DEVO FAZER ?

      Agradeço muito se puder responder.

      José.

    214. luciana disse,

      30/07/2012 @ 16:31

      sou cliente do banco ha 8 anos ,entrei no cheque especial e desde então venho fazendo emprestimo com o proprio para quitar e não consigo juntei tadas as dividas e fiz um emprestimo de 60,000 mil 48x 4,000 mil consegui pagar a 1 mais nao consigo pagar mais , fui ao banco para negociar 48x de1.300 e eles nao aceitarão , o que eu faço agora estou desesperada a ponto de fazer loucura pago aluguel tenho um terreno e comecei a construir minha casa mais não posso continuar o banco pode pegar meu terreno me ajude por favor aguardo sua resposta

    215. Fabiana disse,

      31/07/2012 @ 13:48

      Trabalhava na prefeitura por contrato e tinha um emprétimo no bancodo brasil com desconto em folha. Falta ainda 8 meses para terminar o emprestimo, porém por acaso o PREFEITO se Exonerou do cargo e assim todos os contratos foram encerrados e eu fui dispensada. Agora arranjei outra ocupação mas não dá para pagar a parcela que é alta no momento o que posso fazer?
      Agradeço pela ajuda…………………

    216. Charles Palma Branco disse,

      03/08/2012 @ 12:04

      Gostaria de saber tenho um construcarde e por força maior não deu pra pagar mais e tenho a casa financiada pela caixa ! Tem como a caixa pegar a casa na divida.

    217. CEMIRA DE MELLO disse,

      10/08/2012 @ 15:24

      por favor envie como fazer a carta para enviar ao banco

    218. Julia disse,

      11/08/2012 @ 17:55

      Estou com uma dívida junto ao Santander sobre financiamento de veículo, estou com duas parcelas em atraso e eles já me mandaram telegrama de cobrança com exigência de pagamento até 48hs após recebimento do documento. No momento não possuo condições finaceiras para quitar essa dívida. Como devo proceder para negociar junto ao Banco?

    219. Voltaire disse,

      14/08/2012 @ 18:37

      Boa noite,
      Recentemente recebi uma ligação de uma financeira cobrando uma dívida de cartão de crédito de 2003. Estamos em 2012. O valor é de R$ 6.000,00. Só não quiseram me informar daonde surgiu esse débito. Propuseram uma negociação e através de expressões nada agradáveis sobre o meu nome, eu neguei a negociação. Fui ameaçado. Liguei para o banco e me informaram que a instituição não negocia e nem informa os valores, pois alegam que é sigilo bancário, mas que há um débito já passado pára a empresa terceirizada e eu só poderia falar com eles. Lembro que na época eu estava em “crise financeira”, desempregado. Tive uma dívida de empréstimo. Paguei algumas e não consegui pagar mais. Fiquei 5 anos no SPC e depois ficou tudo bem. Agora é essa perturbação e ameaças pelo telefone. Como podes me orientar?

      Abraço e parabéns pela iniciativa.

    220. Marcos Antonyo disse,

      17/08/2012 @ 14:08

      O Devedor tem direito a todas as informações pertinentes a uma dívida cobrada, principalmente a “evolução da sua composição”. Se o cobrador se nega a apresentar, a sua veracidade pode ser contestada.

      Marcos Antonyo Lima
      Escravosdosbancos.com

    221. wilton disse,

      18/08/2012 @ 22:40

      tinha um cartão itau visa gold com limite de 3,400 reais . so que ele deu pau eu usava o limite dele total de 3400 reais e no outro dia ele voltava ao normal mais constava que meu limite era de 3400 reais por més ai eu me afundei em dividas 45 mil reais tenho algum motivo de me preocupar tipo ser preso etc

    222. ANDRÉA COSTA disse,

      19/08/2012 @ 18:12

      Boa noite, eu fiz um emprestimo do construcard mas eles me disseram que eu estava devendo sendo que estou com saldo possitivo nesta conta, agora meu pis caiu nesta conta e esta bloqueado, não posso retira-lo fui até a agencia e eles nada fizeram, agora vou ser demitida de uma empresa e pergunto, será que o meu fgts vai cair nesta conta e será bloqueado como foi o meu pis? Desde já agradeço pela resposta.

    223. marcio disse,

      29/08/2012 @ 20:34

      ola o banco pode tomar algum bem entroca da divida

    224. Márcio disse,

      30/08/2012 @ 6:54

      Oi bom dia eu tenho uma divida no itau e eles não aceitam abaixar o juros para que eu possa pagar um valor que eu possa quitar em até 60 vezes já que minha divida é alta o que eu devo fazer e eles podem pegar meus bens como imóvel. Grado pela duvida respondida.

    225. Paulo Renato disse,

      30/08/2012 @ 18:26

      Quero aproveitar essa oportunidade para relatar o que ocorreu comigo. Venho de uma família pobre. Passei em um concurso público e me perdi em dívidas. Construi uma casa enorme. Linda demais , porém ainda há coisas para terminar nela, pois como me atolei em dívidas não pude terminá-la. Comprei um carro ford fiesta importado- MAIOR ERRO DO MUNDO – gastei com o carro horrores , frequentei os melhores restaurantes de minha cidade com minha namorada. Pagava a conta sozinho, às vezes eu recebia uns R$ 3.000 reais mensais e o dinheiro ia todo embora com gastos surpéfulos como: livros, roupas, comida, supermercado, cinema , restaurantes. Havia meses que a fatura do cartão de crédito chegava a uns R$2.000 no mês. Me afundei em consignados para pagar pedreiros, cartão de crédito e outras dívidas. Estava tendo que trabalhar dobrado para suprir as dívidas. Entrei em crise de ansiedade , fiquei desesperado quando vi que eu não tinha mais como pagar a prestação do carro e ipva. Tive que me desfazer do carro. Nesse momento, acabei doando meu carro. Foi triste demais, porém sabia que tinha que me desfazer das dívidas, se eu quisesse ter qualidade de vida. A partir de então, hoje estou mudado. Disposto a juntar meu dinheiro e nunca mais gastar mais do que ganho e hoje só dou Graças a Deus pois como muito esforço estou conseguindo quitar todas minhas dívidas e ainda consigo juntar um pouco para eventuais imprevistos. Poderia juntar até mais só que para isso preciso pagar todas as dívidas e isso irá levar uns dois anos. Até lá junto o que der. Minha vida mudou muito, estou ainda escravo do banco pois pago a ele, porém estou vacinado. Sinceramente falando, acho que eu deveria ter passado por isso , para aprender a dar valor ao meu suado dinheiro. Gastei, me diverti mas entrei em quase uma depressão por não poder pagar mais. Minha sorte também é que consegui um empréstimo com minha irmã e meu pai de R$ 3.600,00 para abater parte de uma dívida pendente e isso acabou me ajudando pois não entrei no SPC. Hoje pago todos que devo mas confesso que praticamente vivo com o básico mesmo. Nada de roupas novas, uso as que tenho e são tantas que eu fico até espantado. Hoje vejo que não existe crédito fácil. E para os que estão com medo das ameaças do banco, posso dizer o seguinte: O banco não pode lhe tirar sua casa, a menos que ela esteja financiada. Para se livrar das dívidas deve-se primeiro cair na real e dizer para sí mesmo que está endividado e que deseja a mudança. Ela deve partir de você. Se tiver uma família para ajudar, vale muito a pena. Mas pague aos seus familiares. Assim você conquista a confiança de seus entes. Nunca deixe de pagar aos seus amigos ou familiares o dinnheiro que você pegou com eles. A sensação de comprar é muito prazerora. Mas confesso que pagar lava a alma. E para a gente nunca mais entrar em sérios endividamentos, nada melhor que mudar o estilo de vida. Se eu não posso ter um carro nessa fase de minha vida. Não terei. E isso não vai me fazer pior que ninguém. Uma moto é muito mais econômica. Hoje tenho uma moto 125 cc. Gasto quase nada com ela. Hoje tudo ficou mais fácil de ter. Pode-se ter um carro lindo pagando em 60x mas não podemos ter a certeza de poder pagá-lo. A falsa classe que pensamos estar não existe. Grandes pessoas fazem o dinheiro trabalhar para ela e não elas trabalharem pelo dinheiro. Diminui meus gastos e minha qualidade de vida aumentou. Estou feliz nesse momento pagando minhas contas e ainda juntando um dinheirinho. Tudo está sendo difícil mas como disse lá em cima não existe nada fácil muito menos o crédito.
      Abraços
      Paulo Renato 30 anos.

    226. José Luiz Sampaio disse,

      31/08/2012 @ 9:30

      EStou com uma dívida com o Itaú, por causa de 1 empréstimo (15.000,00) 1 divida de cartão (8.000,00) e 1 cheque especial que estourou (7,000,00) , muito dessa dívida se deve a má orientação dos gerentes do próprio banco me vendendo os empréstimos como o melhor negócio a fazer (nunca tinha feito um empréstimo na vida até o ano passado). estou pagando quase 2.500,00 por mês de prestações e fazendo as contas percebi que já paguei 30.000 ao Itau (12.000,00 usei do meu PIS PASESP para quitar uma das dívidas). não quero mais pagar um real pro Itau porque na verdade o que emprestei , já paguei, fui ao banco e a gerente me disse que minha dívida é de 32.000,00 ainda. como pode isso? qual a melhor maneira de negociair essa dívida? penso em nnao pagar mais as prestacoes e deixar essa conta estourar com eles, (tenho conta empresa em outro banco), seria essa uma boa soluação? obrigado abs

    227. Paulo Renato disse,

      31/08/2012 @ 13:07

      José, acho que você deve buscar seus direitos. Você pode estar sendo vítima de juros abusivos. Aconcelho a procurar um advogado para entrar com uma ação Revisional de Contrato Bancário que tem por objetivo equilibrar a relação contratual entre o consumidor e a Instituição Financeira, afastando as onerosidades impostas por estas instituições através dos Contratos de Adesão, que ofendem o Código de Defesa do Consumidor. Quanto a deixar de pagar eu não aconselharia isso a você pelo simples fato da dívida ficar maior ainda, a menos que você não tenha como pagar mesmo, ou seja, se isso comprometer as suas necessidades básicas como moradia , saúde e alimentação não pague! Mas caso consiga pagar mesmo apertado faça uma força e pague até o banco reduzir os juros cobrados por meio de pedido ou judicialmente. Essa coisa de jogar o banco na justiça só deve ser utilizada quando não temos mais nenhuma alternativa. Os bancos são parasitas e nós os hospedeiros. Entendo o seu caso, fico aqui torcendo para que tudo se resolva. Enquanto isso, procure economizar e não faça mais dívidas. Sorte e que Deus o ilumine.

    228. Ubiratan santos nery disse,

      12/09/2012 @ 20:08

      Eu tinha um comercio. Nele funcionava o BRADESCO EXPRESSO. Tive problemas com pagamentos de duplicatas, e acabei usando o dinheiro do BRADESCO EXPRESSO. Tive que fechar o comercio, e fiquei devendo ao banco e outros fornecedores. O banco ta mim precionando e eu nao tenho condiçoes de pagar. Prestei serviços ao Bradesco Expresso durante 8 anos. Sempre cumprir com minhas obrigaçoes.
      O QUE DEVO FAZER?

    229. rafael disse,

      13/09/2012 @ 0:21

      eae tudo bem?

      bom o meu caso é simples

      tinha um limite de R$ 200 no banco brasil

      sempre sacava o meu salario e o limite

      o limite éra pago automaticamente todo mês

      acontece q eu sai do emprego

      e começei a fazer bicos..

      MORAL DA HISTORIA, A CONTA FICOU ABERTA E SEM USO DURANTE 4 MESES

      QUERO FECHAR MINHA CONTA NO BANCO BRASIL

      E ABRIR OUTRA NO BANCO ITAU “POR CAUSA” DA EMPRESA Q ESTOU TRABALHANDO ATUALMENTE..

      OBS RESUMINDO =MINHA DIVIDA ÉRA R$200

      PAGUEI R$270

      QUANDO FUI AO BANCO PARA FECHAR A CONTA , ESTAVA R$350,

      SIM KKKKKKKKKK É ISSO MESMO R$350.

      TOTAL=R$ 600

      Q Q EU FAÇO??

      DEIXO A DIVIDA CORRER,Q UM DIA ELES ENTRAM NUMA NEGOÇIAÇÃO..

      AT MAS EXELENTE BLOG CARA…

    230. FABIO ARAUJO disse,

      13/09/2012 @ 12:25

      Srs contratei um emprestimo pessoal no itau de 100 mil , paguei 3 ou 4 pretações , porem não posso mais pagar e já tem 3 vencidas. Estou ciente de que vou ficar com esta divida eternamente pois realmente estou quebrado. Tenho apenas um carro que esta em meu nome e uma micro empresa , que já estou tirando do meu nome pois é tudo que me resta. O que acontece comigo? grato pela a atenção.

    231. MIRIAM DE OLIVEIRA SILVA disse,

      16/09/2012 @ 20:19

      sr eu venho lutando após o divórcio para poder abrir uma conta nobanco Itaú conforme a lei manda e com o pedido da juíza mas o banco vinha alegando não ser possível devido a uma restrição que eu tinha então desde de 2008 eu entrei na defensoria e a juíza sem entender o por que deles não abrirem tal conta até mesmo por se tratar de uma conta de pensão alimentícia e após eu constatar que o meu nome se encontravno spc e no cerasa totalmente sem restrisões eu voltei ao bancopara abrir a conta e lá o rapaz me enrolou me enrolou até que eu aceitasse que a conta só poderia ser aberta após eu fazer um contrato e logo também me obrigou a pagar os dois carões de crédito e aí eu até cheguei a pagar duas parcelas completas mas na terceira eu só consegui pagar a conta corrente e foi aí que eu recebi a notícia p afuncionáriaque a minha conta estava encerrada e foi aí que eu me desesperei e mostrei o papel da juíza o mesmo papel que eu mostrei ao funcionário qe elamuito sem graça me pediu que eu fosse na defensoria e pedisse p q a juíza mudasse a data para o ano de 2011 que ela abriria a conta e eu aí fiquei muito indignada por que agora o meu nome se encontra no spc e no cerasa e a dívida está num valor absurdo fora as ligações de cobrancas e cartas com valores queneu jamais poderei pagar e o pior depois de eu estar aqui fora limpa eles me sujarem assim depois de me obrigar a pagar uma dívida de mais de 6anos e ag o valosó esta aumentando e inclusive o bradesco já abriu a conta da minha filha e lá na defensoria eles me garantiram qque eles usaram de má fé p c a minha pessoa pois eu não precisava pagar nada p abrir tal conta por se tratar de uma conta de pensão alimentícia e me garantiram que a minha causa é ganha o que fazer me ajudeGrata pela atenção

    232. jhenyffer sousa disse,

      20/09/2012 @ 8:05

      dr. estou com um grande problema meu sogro me deu uma area atras da casa dele para eu construir e sair do aluguel , sou pencionista do banco do brasil, ganho 2000,00 por mes mas eu perdi a cabeça para construir , estou devendo cartao de credito emprestimo pessoal e um construcard, tudo na caixa economica , nao consigo mais pagar as parcelos devidos a outras devesas fixas , e devo tudo na caixa economica federal esles podem bloquear meu pagamento, ou fazer algo , to pensando em parar de pagar deixar meu nome sujar juntar algum dinheiro, e quando eles tetarem renegociar eu pago com o dinheiro que juntar sem juros mas tenho medo por causa da minha pensao , o que devo fazer, ….

    233. Alessandra P B disse,

      25/09/2012 @ 11:29

      Prezado,
      Tenho um empréstimo pessoal que fiz quando funcionária de um banco no qual fui desligada. Logo em seguida arrumei outro emprego e permaneci pagando as parcelas corretamente até a 28ª. Porém saí so emprego que estava e estou desempregada. Tenho 2 filhas para criar e muitras dívidas para pagar. As parcelas são no valor mensal de R$615,00 e ainda faltam 20 para quitar o saldo devedor. Tenho um carro quitado em meu nome e minha casa, onde só o terreno está averbado. Caso eu pare de pagar o financiamento o que pode acontecer? No aguardo. Grta.

    234. jonas disse,

      25/09/2012 @ 11:56

      olá. fiz um emprestimo no banco bradesco no valor de 10,000 paguei quatro parcela e não consguie mas pagar. fui mandado embora do serviço. minha conta ja estar negativa em quase 4,000 reais. tenho um carro finançiado em outro banco, minha duvida. o banco pode tirar meu carro de mim?

    235. andre oliveira disse,

      29/09/2012 @ 6:58

      Minha noiva tem uma conta a uns 5 anos num banco , tudo sempre foi tranquilo e nunca saiu da linha , numa época dificil fez um emprestimo de 5mil e pagou tudo certinho , ou seja , uma boa cliente .No começo do ano qdo as coisas começaram a ficar ruins , nosso ganho diminuiu bastante e acabamos com uma dívida de 6.000 mil no cartão de crédito . Depois de meses fomos até o banco e fizemos um excelente acordo , parcelamos a dívida com parcelas de 106,00 ao mes … perfeito . A uns 40 dias percebi que minha noiva estava muito afoita comprando deus e o mundo , comprou tudo o que precisava pelo Ebay , pagou uns aluguéis atrasados , adiantou 3 pagamentos do aluguel, pagou um tratamento dentário caríssimo para a irma e por aí foi … qdo perguntava ela me explicava que depois do acordo feito com o banco seu cartão de crédito havia aumentado seu limite ?!?!? Achava meio estranho mas enfim , não havia motivo para achar nada errado .Pois bem , ontem chegou uma fatura no valor de 44.000,00 e já reservada uma para o próximo mes (outubro) de 10.000 !?!?! peraí !!! o que que aconteceu ??? O limite do cartão era de 4.900,00 !!! Depois do “acordo” que o gerente do banco fez como ela conseguiu gastar 54.000,00!!!!!! Meu deus ! E agora ? Minha noiva esta a beira de uma crise de depressão , anda achando que a vida acabou … íamos nos casar agora em dezembro … não temos carro , ía me mudar para casa dela e temos praticamente o básico dentro da casa . O que que eu posso fazer ? O erro é tão estranho que mesmo a fatura ter vindo com o valor de 44.000,00 qdo ligo para a operadora e peço o saldo da fatura dizem : valor desta fatura – 0 reais e 0 centavos , parece que só no Banco foi computada a dívida e a cada dia qdo entro para ver o limite dela TODO DIA ! tem mil , 2 mil , 4 mil de limite para gastar !?!?!?!? Jesus Cristo ! O que posso fazer ??? Ou melhor , o que vai acontecer conosco ?

    236. wanderson junio disse,

      04/11/2012 @ 19:13

      Boa noite para todos, gostaria de um concelho.
      Meu cunhado pegou um valor no banco da caixa para terminar o acabamento de sua casa, construcard, só tem que ele atrasou algumas prestações e acumulou uma divida um pouco alta, a casa dele só tem contrato de compra e venda não tem escritura o bairro foi todo invadido e ninguém providenciou escritura ainda, a caixa pode pegar a casa dele para pagar 3essa divida? O que a caixa pode fazer? E oque o meu cunhado pode fazer?
      Gostaria muito de pode-lo ajudar,por favor gostaria muito que me respondesse. Desde já agradeço.

    237. Thiago disse,

      04/11/2012 @ 19:43

      Boa noite…
      Tenho uma divida de 25 mil com o itaú que não consigo pagar pois eles até negociam comigo porém fazem
      no máximo esses valor em 48 de 920, o que fazer …pois a divida é recente. Obrigado

    238. Oliveira disse,

      06/11/2012 @ 11:48

      Boa tarde….
      Minha esposa esta vendendo uma casa ….o comprador esta financiando a mesma….mas somos casados…e tenho restrição no meu CPF…..isso pode impedi-la de vender?????sendo que a escritura esta no seu nome.

      Grato

    239. Marly disse,

      09/11/2012 @ 12:51

      Boa tarde,
      Tenho um financiamento de uma renegociação com um bando que foi de 11.000,00 . Estava pagando as prestações corretamente até setembro, quando tive problemas financeiros e não consigo pagar mais Estou com atraso de 2 prestações, sendo que já paguei 14 de 569,00 ainda faltam 22 e até o gerente do banco já me ligou dizendo que meu nome vai pro cerara e que o banco vai protestar a dívida. Eu estou tentando vender meu apartamento para saudar a dívida, mas não estou tendo sucesso nesta venda. O que vai acontecer que não conseguir pagar minha dívida no banco? Posso perder algum bem? O banco pode me processar?

    240. Edileuza disse,

      21/11/2012 @ 21:07

      Boa Noite. Eu fiz uma Concessão de Empréstimo Pessoal e solicitei R$ 4.000,00. no dia 06/04/2012 Para liberarem este valor, seria necessário que eu quitasse o anterior que foi realizado em 06/12/2010 no valor de R$ 3.500,00 e com parcelas de 212,27 e a ultima seria em 12/12/2013. Então consta na minha concessão os dados do anterior e mencionam que está devidamente quitada e que gerou o novo empréstimo de R$ 6.899,03 com parcelas de 475,80 (30 parcelas) e um valor a ser creditado em 6.720,88. Só que o estranho é que no anterior mencionam que o valor total do contrato é de R$ 210,88 e que foi creditado R$ 3.500,00. Liguei para eles na ocasião e me disseram que estava correto, que a diferença era devido a quitação do contrato. Então entendi que eles reduziram por ser juros e por está gerando um novo emprestimos seria embutido e acredito que foi isto que aconteceu. Este valor de R$ 6.720,88 de fato foi creditado referente ao novo empestimo. Achei estranho pois eu tinha solicitado R$4.000,00. Liguei no cartão e me informaram que a diferença seria entre a liquidação anterior com o atual e que este valor que depositaram está correto. Bem eu disse que não queria problemas futuros. E hoje 21/11/12 estão me cobrando esta diferença alegando que foi depositado a maior. Porém na Concessão de Emprestimos foi redigido este valor a ser creditado de R$ 6.720,88, ou seja o valor que está registrado em papel é o mesmo que entrou na minha conta corrente. Agora estou super nervosa pois não esperava por isso. Estou esperando eles analisarem o caso pois já liguei lá. Não sei exatamente como proceder. Poderia me auxiliar neste caso. Deus abençoe.

    241. claudinei disse,

      22/11/2012 @ 13:40

      Boa tarde.

      fiz um empréstimo consignado junto a caixa e junto com ele tinha uma taixa de um seguro, hoje estou desempregado e não estou conseguindo pagar o empréstimo, esse seguro cobre o emprestimo?

    242. Paulo Cesar Rodrigues disse,

      23/11/2012 @ 15:33

      Boa tarde,
      Há una quatro anos meu padsatro recebeu do banco santander uma cartão de credito com limite de R$ 12.000,00 sem ter solicitado. O cartão veio porque ele comprou um carro pelo banco. Ele, descontrolado, gastou os R$ 12.000,00.de limite. Ontem ele recebeu em sua residencia uma carta dizendo que se não fizer contato em 72 horas a dívida será enviada para ação judicial a qual acarretará na visita de um promotor e penhora de bens. Minha mãe está apavorada e meu padsatro, diabético, hipertenso e desempregado. O que pode acontecer?

    243. vanderlei miranda da silva disse,

      03/12/2012 @ 14:42

      O QUE DEVO FAZER PARA NÃO PERDE MEU SALARIO SE DEPOSITADO EM UMA CONTA QUE TENHO UMA PENDENCIA JUDICIAL,A QUATRO ANOS.NÃO TENHO COMO PAGAR MEU SALARIO CHEGA A 1000. REAIS HOJE ESA DIVIDA PASSA DOS 35,000,00 COM TODOS OS JUROS, ACUMULADO NESSES 4 ANOS.A NOVA EMPRESA QUE VOU YTRABALHAR ,POR MINHAS INFELICIDADE PEDE CONTA NO MESMO BANCO,NÃO SEI O QUE FAZER,NAO POSSO FICAR SEM EMPREGO, TENHO FILHO 1 ANO,E DEI POR CONTA DO GERENTE DE CONTA A MESMA PARA A FIRMA DEPOSITAR MEU PAGAMENTO.TENHO MEDO DE FICAR SEM SALARIO.O QUE DEVO FAZER.ME AJUDE :URGENTE.

    244. Paula disse,

      13/12/2012 @ 17:03

      Boa tarde Dr. Marcos, estou devendo o terreno que financiei, onde hoje esta contruida a casa onde eu moro com minha filha.de 60 parcelas só consegui pagar 25 e agora recebi uma notificação -extra judicial dizendo que eu tenho o prazo de 48 horas para regularizar a situação. Mim separei de meu marido e fiquei com toda a despesa da casa inclusive condominio. Gostaria de saber se estes valores em atrazo eu posso negociar com a empresa parcelando-os novamente para que as parcelas fiquem mais baratas?
      Ou tenho que dar o valor todo. Pois como estou com um situação financeira apertada, não estou com condiçoes de contratar um advogado. tenho que levar um advogado de todo jeito?

      Grata!
      aguardo sua resposta.
      Paula Almeida

    245. Marcos Antonyo disse,

      21/12/2012 @ 15:30

      Para quem está devendo para um banco e quer negociar:

      Faça uma carta em 2 vias e entregue ao banco(cobre recibo), manifestando o seu interesse em pagar o que deve, porém, apenas o que deve, de fato, – “a dívida principal com acréscimo de 1% de juro de mora mais 2% de multa apenas”, – eliminando juros abusivos, taxas, multas e encargos diversos que incham de forma desleal sua dívida, e ainda, solicite o parcelamento no máximo de partes possíveis, para que melhor se encaixe no seu orçamento e não venha ficar inadimplente novamente. Guarde a cópia dessa carta, ela pode ser útil na abertura de futuro processo revisional, pois, no caso de recusa por parte do banco, você estará isento das responsabilidades abusivas impostas pelo mesmo após a data de entrega da mesma.

      Marcos Antonyo Lima
      Escravosdosbancos.com.br

    246. Michelle disse,

      25/12/2012 @ 15:16

      Boa Tarde Marcos!

      Estava com uma divida no banco e fiz a parcela em 25 parcelas e agora restam apenas 6 parcelas. Gostaria de saber se é possivel fazer uma negociação com o banco e rever essas 6 parcelas de 345,00 para um pagamento a vista mas sem os encargos que cobram (um possivel desconto)?

    247. Marcos Antonyo disse,

      25/12/2012 @ 19:32

      Michelle,

      Sempre e a qualquer momento que queira, o consumidor pode validar a autonomia da sua vontade em uma relação de consumo, basta colocá-la no papel e apresentar ao banco, e guardar uma cópia desse documento com recibo da sua agência. No seu caso específico, mesmo sem saber do valor principal devido, não tenho medo em arriscar dizer que você está pagando o dobro do valor que de fato devia ao banco. – Vá amanhã mesmo e apresente sua proposta para pagamento à vista. Boa sorte.

      Marcos Antonyo Lima
      Escravosdosbancos.com.br

    248. juarez antonio firmino disse,

      09/01/2013 @ 12:43

      EU TENHO UM GRANDE PROBLEMA, Estou vegetando desde 2003 , devido um acidente com minha genitora , eu entrei neste emprestimo para tentar resolver o problema com o acidente dela , sabe o que estou vegetando ate hoje , pagando emprestimo consiguinado , devo np cit bank mas agora travei nao consigo pagar mais o banco porque uma divida de 10;000, hoje ela esta em 48 parcelas 1290,00 reais , tenho que pagar financiamento de carro para conseguir locomover minha mae senao nao tenho como levar ela no medico , a empresa de uma indenizaçao de 7.000 que nao deu para pagar nem os remedios que ela toma , nao sei o que fazer sera que tem alguem para dar uma luz em uma sitiaçao desta ,

    249. Marcos Antonyo disse,

      09/01/2013 @ 19:54

      Juarez,

      Entre em contato com seu banco e solicite por escrito a revisão da sua dívida eliminando o inchaço abusivo da mesma. – Renegocie de forma que possa pagá-la, de maneira contrária, não aceite nem assine nada. – Seja perseverante, insista até que o banco ceda e aceite sua proposta. Boa sorte!

      Marcos Antonyo Lima

    250. André Róz disse,

      16/01/2013 @ 22:38

      Boa noite Marcos. Em primeiro lugar, parabéns pela iniciativa do blog. Meus sogros estão em uma situação delicada devido a uma dívida de cheque especial com o banco Itaú, no valor aproximado de R$ 35.000,00. A conta corrente está no nome da minha sogra, que não tem renda, e meu sogro, com uma renda de R$ 5.000,00 mensais, deposita cerca de R$ 2.500,00 mensais no banco para amortizar a dívida, que já foi renegociada duas vezes. Eles estão ficando sem dinheiro para sequer comer, pois ainda pagam R$ 350,00 de condomínio e R$ 2.000,00 de prestação do apartamento que está em nome do meu sogro, onde moram (financiado e já renegociado direto com a construtora, sem relaçao com o banco). Está impraticável para eles viver com R$ 150,00 por mês. Eles não tem outros bens além do apartamento. Quais seriam as consequências caso eles optem por deixar de pagar a dívida do cheque especial, além do nome da minha sogra ficar “sujo”?

    251. Dete disse,

      17/01/2013 @ 13:45

      Ano passado estava com uma dívida no LIS do Itaú e renegociei a juros de 4.9% e já quitei, mas agora tudo foi se acumulando de novo e dívida está em torno de 9.000,00 que é o meu limite.Liguei para o banco para negociar e querem fazer com taxa de 6.95% questionei a diferença mas eles não querem saber.
      Estou com idéias de não pagar , mesmo porque o meu marido está com uma dívida alta em outro banco e está virando uma bola de neve, coitado trabalha só para pagar juros de banco e não sobra mais nada .Ah, estou vendendo a casa mais nem isso acontece. Pergunta : Se deixar de pagar o Banco o meu nome fica sujo e isso pode comprometer a venda? o que faço ? estou desesperado me ajudo por favor para os animos voltarem em mina casa.

    252. ofelia aparecida disse,

      21/01/2013 @ 22:26

      gente li todos e tanbem fui ao banco e depois procurei a advogada ela ta me disendo que o banco pode tirar carro etc o que tiver no nome ja sei que esa advogada nao ta dentro da lei pois tem um codigo por favor quem for advogado seriu nos enforme so sei que a um codigo que entramos com o advogado primeiro o banco nao pode faser nada e tem mais gente o banco nao perde ta eles tem seguro entao ese dinhero que devemos quando alguem paga e lucro porque eles ja resebeu da seguradora nao se emtimidi por favor gostaria que um adivogado esplicase iso dai conforta mais nos estamos aqui e presizamos de resposta um amigo trabalha no banco e me dise um poco diso se um adivogado nos instruir nos durmimos e nao emtramos en deprecao por favor e obrigado se do otro lado um advogado nos dar ate os codico desa lei ela existe e que nos nao conhesemos

    253. ariane disse,

      25/01/2013 @ 16:06

      fiz um emprestimo pela financeira, so que o valor das parcelas eram muito, dai fiz uma renegociaçao o valor foi pra 288,00 so que por motivos pessoais ficou dificil de pagar,parcelei de 18 vezes consegui pagar so uma agora estou desempregada e eles querem fazer uma nova renegociaçao ,so que o valor é muito alto,o que devo fazer nao tenho como pagar me dê uma dica … obrigada….

    254. ofelia aparecida disse,

      28/01/2013 @ 19:10

      ariane fica calma ta nao negosei dinovo com o banco e quando der 5 anos tua conta e zerada E O VC PODE ATE CONSUTAR UM ADVOGADO DE Pequenas causas OU VA NO PROCOM PRA TIRAR SUAS DUVIDA TA ESTE DIA fui la e dise quero deis de que abri a conta quero o estrato e falei e pro meu advogado e a gerente do bamco falo asim que nao poderia me dar dise a ela e direito meu os estrato pra saber quamto de juro ten sido cobrado desa divida ai ela me respomdeu asim que daria meus estrato de 5 anos mas eu tinha que quitar divida pode isso … dai dise a ela se eu podese par 18.ooomil eu nao taria entrando com advogado e nao presizaria de extrato entao nao renegosia vai tirar melhores duvida e ela me deu o extrato de 5 anos e nao falo mas nda meu advogado ta olhando o quanto o banco tem tirado de juro pois va no procon mas nao fas renegociasao por favor se nao vc vai ficar na mao dos banco sempre e entrando contra banco o valor cai e e dividido como podemos pagar fica calma nos sofremos muito porque nao estamos por dentro dos nossos direito fica calma.

    255. marcelo magnavita rodrigues disse,

      31/01/2013 @ 13:33

      QUERO ANTES DE TUDO PARABENIZAR PELO PROFISSIONALISMO E A CLARESA QUE O SENHOR EXPLICA É MUIUTO BOM SABER QUR EXISTE PESSOAS QUALIFICADAS PARA ESCLARECER AS DUVIDAS DO CIDADÃO . AMIGO GOSTARIA DE SUA ORIENTAÇÃO POIS TENHO FIAT SIENA 2003 COMPRADO EM 11-12-10 A 1 PREST FOI EM11-01 11 DE 609,28 PAGO RIGOROSAMENTE EM DIA PORÉM RSTOU PASSANDO PROBLEMAS FINANCEIROS TENHO 4 FILHOS MENORES DE 10 ANOS R PRECISO DO VEICULO PARA LEVA-LOS A ESCOLA E PARA FAZER NEBULIZAÇÃO ETC TENTO DESESPERADAMENTE PASSAR O CARRO PRA UMA OUTRA PESSOA OPROBLEMA É QUE NIMGUEM QUER O CARRO POR CAUSA DO VALOR DA PRESTYAÇAÕ O CARRO SAIRA NO TOTAL DE 36.555,98 É TOTALMENTE FORA DA REALIDADE A PESSOA COMPRA UM ZERO POR ESTE VALOR ESTOU DESORIENTADO POR FAVOR ME AJUDE DE ALGUMA MANEIRA ESTOU DEIXANDO DE POR COMIDA DENTRO DE CASA POR CAUSA DO CARRO,OQUE EU FAÇO AGUARDO DESESPERADAMENTE POR UMA RESPOSTA DESDE JA AGRADEÇO SUA COLABORAÇÃO QUE DEUS TE DE EM DOBRO TUDO QUE QUIZER. MARCELO MAGNAVITA.AS PREST SÃO 60 MEZES JA PAGUEI 26 FALTAM 34.

    256. cristina serejo ferreira disse,

      08/02/2013 @ 14:39

      oi! marcos,preciso muito tirar uma duvida,sou pensionista e fiz um emprestimo no qual deixei de pagar…gostaria de saber se serei cobrada pelo o banco,tenho uma casa em meu nome,é possivel eles me tomarem caso não pague a divida?
      e se eu não tiver como pagar,como fica minha situação?

    257. Marcos Antonyo disse,

      09/02/2013 @ 15:43

      Valeria,

      Não tenha dúvidas…Além de cobrar o banco vai infernizar a sua vida, porém, não se preocupe, pois, é quase impossível ele tomar sua casa, uma vez que depende do tipo de contrato que assinou e do valor devido. – Durma em paz, pague quando puder, e de acordo com as suas possibilidades. Boa sorte!

      Marcos Antonyo Lima
      Escravosdosbancos.com.br

    258. Marcos Antonyo disse,

      09/02/2013 @ 16:03

      Marcelo,

      Tente renegociar seu saldo devedor com prazo maior e parcelas menores, faça por escrito. Se não conseguir, sei que será difícil, porém, minha sugestão seria devolver o carro, assumindo o prejuízo, mas, sem levar seu nome ao Serasa, e financiar outro veículo com preço e parcelas menores que caibam no seu bolso, uma vez que precisa do carro para atender sua família. – Dificilmente banco sensibiliza-se com problemas pessoais de seus clientes, e você não passa de um número a mais, e, quando inadimplente um “número a menos”.- Financiamento de veículo 0km é complicado, e, a maioria dos juízes considera superfluo essa prática. Boa sorte!

      Marcos Antonyo Lima
      Escravosdosbancos.com.br

    259. Rosane Marçal disse,

      17/02/2013 @ 22:01

      Parabéns pelo sua ajuda as pessoas que estão se sentindo lesadas pelos bancos.

    260. andrea disse,

      21/02/2013 @ 1:20

      tenho uma casa e um terreno em meu nome e do meu marido ,mas estou devendo um empréstimo e o cartão de créditos. Ja paguei umas 3 parcelas e os mínimos do cartão de credito.mas não estou conseguindo mas pagar.A casa foi vendida a uns 6 meses mais ainda não passei a escritura para o comprador,pois falta um pedacinho do dinheiro. Nao sei o que fazer sera que vou perder tudo? Tudo não ,a casa dos outros e meu único terreno? Obrigada

    261. Carolina disse,

      26/02/2013 @ 17:00

      Boa tarde, tenho um empréstimo no Santander e solicitei ao Banco do Brasil,(que o banco que recebo meu salário) que comprasse esta dívida, nem cheguei a assinar o contrato e eles dizem que já compraram e que o troco está em minha conta, como faço para cancelar esta ação?

    262. Marcos disse,

      27/02/2013 @ 16:01

      Carolina,

      Apresente uma solicitação por escrito(cobre recibo), mencione que a operação foi realizada sem atender os seus interesses. Boa sorte.

      Marcos Antonyo Lima
      Escravosdosbancos.com.br

    263. ANA LUCIA REGO disse,

      01/03/2013 @ 19:41

      boa noite, eu tenho uma divida no banco de 7.000,00 onde fiz um acordo de pagar 356,00 em 55 vezes.bom eu não entendo das leis bancarias e do consumidor,dai fui instruida por um amigo a ir na codecon refazer os cauculos onde foi baixado de 356,00 pra 175,00 em 55 vezes,isso foi a processo,onde teve uma audiência de reconciliação,onde o banco nao se pronunciou,e eu ja paguei 3 parcelas de 356,00 e hj no momento ja nao sei mais o que fazer pois o consiliador mandou que eu aguardase um comunicado do banco.até a presente data o banco nao se pronunciou e eu não tenho mais como pagar esse valor..estou aflita pois sempre fui uma cliente vip,e estou com medo deles colocarem meu nome no SPC CERAZA. E TB TENHO CARTOES DE CREDITOS COMO HIPER O ESTRA SUPERMERCADO E OUTROS..VCS PODERIAM ME EXCLARECER SE CASO ACONTEÇA DELES ME COLOCAREM NO SPC CERASA EU PERCO TB MEUS CARTOES DE CREDITOS,POIS SOU UMA PESSOA ACOMETIDA DE UMA DOENÇA,E PRECISO DE MEUS CARTOES PRA COMPRA DE REMEDIOS E FAZER MEU MERCADO..POR FAVOR ME AJUDEM,NAO SEI O QUE FAZER.. VENCE DIA 08/03 E NAO TENHO O VALOR DE 356,00..DESDE JÁ AGRADEÇO..

    264. pedro andrade disse,

      08/03/2013 @ 16:01

      o que eu faço fis um emprestimo no banco HSBC no valor de 40 mil fui demitido e não tenho como pagar
      estou com medo,oque vai acontece comigo estou preocupado alguem tem uma sugestão..

    265. HUGO MAX SILVA DE MOURA disse,

      26/03/2013 @ 12:11

      Tenho uma divida com o banco santander no cheque especial e cartão de credito, acontece que pedi a portabilidade de salario para o banco do Brasil e eles estavam fazendo normalmente; Neste mes de março eles não fizeram a portabilidade e ainda ficaram com todo o meu salario, quando fui reclamar me disseram que devolveriam somente 70% dele, isto é legal? Posso pedir a tutela antecipada do meu salario no tribunal de pequenas causas para que os mesmos não descontem mais, posso entrar com ação de danos morais?

    266. Ana Maria Pilat disse,

      10/04/2013 @ 20:45

      tinha um empréstimo com o Banco BMD 24 parcelas de 350,00 quando paguei a quarta o banco faliu , meu gerente disse para eu esperar que me procurassem pois ninguem receberia o carnê, mas depois de 05 anos oficial me procurou para pagar 60.000,00, porém contratei uma advogada que me orientou para as 20 parcelas restantes em deposito no forum, fiz o que ela me propos , esse dinheiro ficou quase quatro anos lá até retirarem, agora querem 70.000,00 de juros , porém não deixei de pagar a divida o que faço quero um acordo que eu possa pagar mesmo parcelado, pois minha fiadora fica me cobrando pois não pode ter nada em seu nome

    267. Alexandre Silva disse,

      02/05/2013 @ 20:38

      Marcos, boa noite! Tenho um débito com um banco referente a cheque especial e empréstimos, que totaliza o valor de cerca de R$ 13.500,00. Não tive como adimplir o contrato, mesmo depois de algumas negociações. Agora, me enviaram carta através de empresa de cobrança terceirizada, informando que devo o montante de R$ 30.000,00, porém, não especificaram de onde surgiu todo esse valor, já que os débitos foram contraídos entre 2011 e 2012. O que posso fazer? Posso me antecipar e entrar com ação de danos morais contra o banco, por estar sendo cobrado de um valor abusivo sem qualquer explicação? Obrigado e parabéns pelo site!

    268. edna de amorim oliveira alves disse,

      08/05/2013 @ 10:56

      Bom dia, estou precisando de orientações pois não sei como agi se soubesse não tinha feito o que fiz. Tenho uma conta conjunta sou segunda titular e para pagar dividas com cartão fiz varios emprestimo no banco do brasil. Só que hoje não estou conseguindo pagar os cartões e as prestações dos emprestimo leva quase todo o salario do meu esposo. Ele tentou passa a conta dele para salario só que o banco não aceitou ele é funcionario publico,porém não se engane ele não ganha bem. Hoje se precisa não tenho dinheiro nem para comprar remédios para meus filhos e não assinamos nenhum desses emprestimo e também demorei para dizer para o meu esposo da nossa situação fui pegando emprestimo para tentar não suja o nome dele mas não adiantou em nada. Por favor preciso muito de saber se posso fazer algo estou cada dia que passa ficando muito doente tenho três filhos. Obrigada ……

    269. Patricia Ayres Borges disse,

      10/05/2013 @ 13:35

      Boa tarde,tenho uma pequena empresa e estou em débito com o Sanatander,fiz uma negociação do cheque especial
      cartão crédito e não estou conseguindo pagar,oque recebo nos cartões fica no banco oque esta complicando muito
      a minha situação pois tenho fornecedores,funcionarios e o sustento da minha familia.Por favor oque posso fazer e oque
      pode acontecer com minha empresa.Sei que devo e vou pagar só q no momento não estou em condições,visto que
      o serviço caiu muito.

    270. samir disse,

      11/05/2013 @ 2:27

      eu tenho uma micro empresa mas por motivos de doenças de familia tive que me mudar sendo que fiquei devendo 3 meses para a cotadora e um cheque que era no valor de 400 mas paguei 350,00 e faltou 50.00 ela vem me ameaçando por email dizendo qe fugi sem avisar e que nem cheque eu pago e que ira no icm dizer que sou estupido e sonegador sendo que pedi um tmpo para ela para poder quitar somente isso e que eu soneguei imposto…sendo que ate hj ela nunca me mandou nada para pagar…estou me sentindo prejudicado por tal pessoa sendo que nunca disse a mesma que nao pagaria….que devo fazer

    271. leandro disse,

      18/05/2013 @ 10:57

      Mesmo devendo pra banco posso prestar concurso público?

    272. Claudinha disse,

      22/05/2013 @ 19:06

      Olá tenho incautas de giro de minha empresa e não consegui pagar mais não tenho mais cheque e nem limites .estao me precisando para pagar pois me informaram que daqui a alguns anos os juros caem quase 90% isso e verdade.

    273. MANA disse,

      10/06/2013 @ 13:13

      MEU IRMÃO DEVE A UM BANCO E ELE NÃO ESTA PAGANDO A 2 MESES, ELE Ñ POSSUI NENHUM BEM, A UNICA COISA QUE ELE TEM É UMA CASA QUE ESTA NO NOME DELE E MAIS 4 IRMÃOS, EU SOU UM DELES, MORA NESTA CASA EU E MAIS 2 IRMÃO, POIS NÃO POSSUIMOS OUTRA MORADIA, POIS ESTA CASA FOI O UNICO BEM QUE MEU PAI DEIXOU, É UMA CASA BEM SIMPLES, MAIS FICO COM MEDO DE SERMOS RESPONSABILIZADOS PELA FALTA DE JUIZO DESTE NOSSO IRMÃO QUE Ñ PAGOU A DIVIDA AO BANCO “ELE ALIAS NÃO MORA COM A GENTE” E TERMOS ALGUM PREZUIZO DO BANCO QUERER QUE VENDEMOS ESTA CASA PARA PAGAR A DIVIDA DESTE NOSSO IRMÃO, OBRIGADA

    274. luiz souza disse,

      19/06/2013 @ 17:30

      Melhor mesmo é não fazer dívidas em bancos, é complicado.

    275. Eduardo disse,

      02/07/2013 @ 2:43

      nossa…tem gente aqui muito medrosa, muitos covardes, os bancos praticam usura, logo estão cagando e andando pra vcs, lucram bilhões, ameaçam e vcs ficam com medo???? eu desligo o tel na cara, não paguei uma divida de 3.000, fizeram acordo e só paguei 370,00, quando eles percebem que não vão receber eles abrem as pernas, se te ameaçarem dizendo que vão pegar seus “bens” diga: VEM PEGAR……..afffffffff não pegam nem gripe.

    276. Barreiro disse,

      02/07/2013 @ 2:50

      Divida de 3.000 não da em nada…….é só não pagar e uma empresa de cobrança faz um acordo mesmo, vc vai pagar coisa de 350,00 mais ou menos……agora se vc deve 15.000 e tem dois carros e ou deve 30.000 e tem duas casas pode complicar, agora se vc só tem UMA casa e ou UM carro eles não podem fazer NADA!!!!!!!!!!!!! a não ser ficar enchendo o saco por tel e botar seu nome nos SPC e Serasa e em 5 anos caduca e seu nome fica limpo…….FATO!!! (menos onde vc ficou devendo, claro).

    277. valeria Rocha disse,

      07/07/2013 @ 20:18

      Tenho uma dívida com o Itaú à um ano que segundo o banco esta em torno de 60.000,00, o banco já me fez várias propostas inclusive com desconto de até 72%, mas estou desempregada e com grande dificuldade de conseguir emprego não pude assumir tais acordos pois não tenho como pagar, agora recebi uma carta dizendo que eu tenho 48 horas para fazer acordo ou pagar a dívida ou do contrário entrarão com uma ação judicial e eu terei que pagar a dívida em 03 dias ou tomarão os meus bens, mas o que eu tenho é apenas um carro financiado e com prestações atrasadas e ipva atrasado à 2 anos, porém o carro é financiado pelo banco fiat que parece que pertence tb ao Itaú. Não sei o que fazer, por favor me ajude.

    278. Adriana disse,

      11/07/2013 @ 20:13

      Procurei meu banco para fazer uma renegociação de dívida. Renegociei, e peguei mais uma quantia em dinheiro. Só que meu órgão de trabalho não fornece mais contra-cheque. E depois disso, nunca mais tive dinheiro para nada. Só vivia de especial até que um dia(8 meses depois) fui à minha administração e pedí um contra-cheque e para minha surpresa eles estavam descontando o emprestimo finalizado e o novo. Posso colocar na justiça?

    279. vaner alves araujo disse,

      18/07/2013 @ 15:56

      fis um financiamento de um veiculo ,e no contrato do financiamento eles colocaram um seguro , e ja paguei 26 parcelas do seguro junto com o financiamento , gostaria de saber se eu tenho direito de receber este dinheiro de volta?

    280. adriana disse,

      29/07/2013 @ 22:52

      eu tenho um consignado no bb,pago 986 reais por mês q são descontados na minha folha de pagamento,agora meu marido ta desempregado e não consigo mais pagar ,tenho q tirar essa parcela da minha folha de pagamento,desautorizar ,com devo prosseguir

    281. Maria disse,

      07/08/2013 @ 17:58

      Ola!! tenho um serio problema tenho um empréstimo consignado, com o Itau pago parcelas no valor de 36x 535 mais um desconto que varia de 315, a 300 reais por mês, que é o juros do cheque especial valor do cheque especial é(3700) acontece que meu salario é de 1600 registrado na carteira e o que eu realmente ganho já que a impresa em que eu trabalho ñ tem horas extras. Pago por mês o valor de 835 por mês ao banco o que da mais de 50% do meu salario. Estou passando por serias dificuldades já que é minha única fonte de renda. Gostaria muito que pudessem me orientar, estou pensando em ir negociar com o banco mais sem fazer novo empréstimo, e sim pagando o que devo em uma parcela que cabe em meu orçamento. Como Faço ? Obrigada !

    282. jorge sposito disse,

      12/08/2013 @ 21:13

      Boa noite, fiz um emprestimo no banco e estou pagando 3,200 reia por mes,em 90 meses mas não vou conseguir pagar por muiton tempo, pois ganho 3,700,reis, o que devo fazer.

    283. jose gilson dos santos disse,

      16/08/2013 @ 8:36

      venho por meio desta pedir orientaço,tenho uma divida com o bnds inicial q o valor foi de 47.000.00 financeiro.cheq conterranio limite,1.000.00,deconto cheg 12.000.00.tive um prazo de 8 anos para pagar mais nao consegui,procurei o banco para rever meu debito corregido,e hj se encontra no valor de 155.000.00 reais,estou tentando uma negociaçao no valro de 70.000.00 e a resposta q me derao é q nao ha desconto,gostaria de saber o q posso fazer?desde ja agradeço

    284. Karen disse,

      20/08/2013 @ 20:55

      Tenho uma empresa a 21 anos, e a mais ou menos 2 anos devido a baixa do mercado comecei pegando emprestimos bancario para pagar fornecedores e funcionarios e como as vendas foram diminuindo cada vez, eu fui Pagando e pegando outros financiamentos, hoje a divida da empresa entre especial e emprestimo esta em torno de 600 mil, mas eu nao estou com o nome sujo e nenhum financiamento esta atrasado, enem os fornecedores, eu gostaría de saber o que pode acontecer se eu deixar de pagar o banco por um tempo, e ficar so com um banco que eu nao tenho financiamento e continuar pagando os fornecedores, a empresa nao tem predio proprio, os carros estao financiados e eu so tenho um imóvel que eu moro e ainda estou pagando o terreno. Desde ja agradeço,!

    285. elisangela disse,

      20/09/2013 @ 8:33

      eu fiz um acordo com o banco para ñ deixar de pagar as parcelas nem ficar pagando somente o minimo mas hj estou desempregada e tento refazer o acordo mas eles dizem q ñ podem refazer a negociação oq é melhor para eu fazer? banco é o citybank o acordo foi feito em 12xde 545,00 e estou an 4 parcela

    286. Fabiano disse,

      03/12/2013 @ 2:04

      estava consultando um processo revisional quando achei um processo no meu nome tendo como autor o HSBC me cobrando um empréstimo que fiz em 2011 e não paguei pq estava com dividas ate o pescoço e a situação foi se agravando mais e mais, o processo esta rolando desde de 09/2012 e não fui informado ate hj o que devo fazer? a informação que tem lá é essa Defiro a expedição de mandado de pagamento no valor pretendido na exordial, no prazo de quinze dias. Caso a parte ré ofereça embargos, em igual prazo, determino de logo a suspensão da eficácia do mandado, até decisão sobre os embargos.  o que faço?

    287. Ricardo disse,

      03/12/2013 @ 9:42

      Tenho uma dívida com o cartão de crédito Bradesco, cerca de R$ 16.500, 00, com 950 dias de atraso, fiz uma proposta ontem de quitação da dívida, pagando R$ 5.000, 00 a vista, foi aceita, me informaram que quanto mais tempo de dívida maior é o desconto, tive que conviver com cerca de 3 anos com o nome sujo no Serasa

    288. josé correia da luz disse,

      17/12/2013 @ 21:25

      eo josé correia da luz venho pedir cremencia para os senhores. estou devendo no banco hsbc e não pude pagar, e quero faser uma negociação da minha conta, já fiz uma e não pude teminar tenho uma micro empresa no ramo de eletronicos, e as vendas cairam e eu não pude honrar com os meus compromiso. não estou negando de pagar pois quero pagar em parcela adecuada com oque eu ganho estou pedindo socoro para os senhores. esto com o meo nomem tudo atrapalhado o banco me compricou. como fazer para comprar mercadoria. está muito difise quero uma ajuda. os juro são abosivo. me ajude pelo o amor de deus.

    289. Kelly Cristina disse,

      09/02/2014 @ 22:34

      Olá por favor, estou devendo R$16.000 no cartão, e uns 5 mil de limite, só que perdi meu segundo emprego e não vou conseguir arcar com essa dívida mesmo parcelando, é no banco itaú no qual tbm tenho um carro financiado, oque pode acontecer? Obrigada

    290. antonia francina disse,

      14/03/2014 @ 11:35

      Estou com meu nome sujo por ter sido fiadora de outra pessoa e preciso com urgência limpar meu nome ja faz sete anos q foi z esta bobagem ja liguei conversar mas so querem juroe muito auto mas a informação q tive e q Deus poi d cinco anos se twm um desconto de 80% mas eles neham me digam a quem devo procurar. ?grata
      ——————————————————————————————————————————-
      Antonia,

      O seu nome não pode permanecer no Serasa ou SCPC por mais de 5 anos por uma mesma dívida. Faça uma nova pesquisa pois acredito que seu Cpf não está mais negativado, porém, o credor a qualquer momento pode validar o direito de receber a dívida. Boa sorte.

      Marcos Antonyo Lima

    291. TIAGO disse,

      27/03/2014 @ 15:19

      Marcos, eu me chamo Tiago e estou com alguns empréstimos pessoais no Banco Itaú aqui na minha agência em Brasília-DF. Eu peguei alguns empréstimos pessoais e estou devendo meu cheque especial(LIS) no Itaú. O montante de tudo dá R$ 30.000,00 e meu salário líquido é R$ 5120,00. Eu recebo da minha empresa pelo Banco Itaú, e como estou com empréstimos atrasados, o meu salário come tudo.Por isso estou solicitando a minha empresa que faça o TED do meu salário para uma conta minha no Bradesco para eu não ficar sem dinheiro. O total de prestações mensais ficou de R$ 2.400,00, só que eu tive gastos extras e o máximo que posso pagar mensalmente é R$ 1.000,00. Fui ao Banco fazer uma renegociação, só que desses 30.000,00, virariam 123.000,00, pois os juros é acima de 6,80% ao mês.O que fazer? Me ajude, pois tenho uma filha de 2 anos para criar. Eu quro quitar minhas dívidas, pois nunca fiquei tão endividado antes.
      ——————————————————————————————————————————
      Tiago,

      Negocie e pague somente o que deve de fato e de acordo com as suas possibilidades sem aceitar abusos. – Faça tudo por escrito. Boa sorte.

      Marcos Antonyo Lima

    292. Alex disse,

      01/04/2014 @ 6:11

      ola tive um problema com o banco tenho um emprestimo de R$ 8300 e entreguei R$4000 que debitaram da minha conta, mas nao abateram do emprestimo e me cobraram juros dos R$8300 já faz 50 dias que entreguei o dinheiro e nada. Nao tenho retorno por parte deles o que devo fazer? fiz eles me entregarem um extrato da conta onde mostra o debito e um extrato do emprestimo que nao consta a amortizaçao

    293. Adilson disse,

      04/04/2014 @ 20:08

      tenho uma divida com o banco do brasil e não consigo pagar pelas propostas que eles oferecem,pois já fui na agencia para renegociar e não consegui,pois o Banco passa para uma outra empresa de terceirização que fica responsável pela cobrança ,toda semana recebo telefonemas me cobrando a divida,quero negociar dentro das minhas possibilidades mais as propostas são absurdas,o valor do que devo triplicou.

    294. alan rebelato disse,

      11/04/2014 @ 13:58

      ola fiz um acordo com o banco referente o cartao de credito, porem nao paguei por conta de um inprevisto, pedi outra fatura o valor saltou de 1.341,94 para 1.598,69 ta certo isso? na ouvidoria a moça falou q o juros sao de 16% ao dia

    295. tiagobao disse,

      13/04/2014 @ 17:35

      Tenho uma divida de R$45,000,00 reais com o BB e outra com a caixa no valor de R$23,000,00 e um cartão da credicard no valor de R$12,000,00 não estou conseguindo mais pagar, pois meu negocio faliu e fiquei doente, agora estou desempregado, o que pode acontecer comigo? Não tenho nada em meu nome e estou sem dinheiro algum e voltei a morar com meus pais, sera que o banco vai me levar na justiça? O que faço? Não possuo nenhum bem em meu nome, e se não for pedir demais como funciona a ação monitoria e ordinaria? Pois temo nunca conseguir pagar essas dividas .

    296. RICHARD disse,

      19/05/2014 @ 16:37

      BOA TARDE, SOU DO INTERIOR DE SP, TENHO UMA LOJA DE VIDEO LOCADORA, PARA CONSEGUIR MAIS CLIENTES PARA MINHA LOJA COMO O NEGOCIO DE VIDEO LOCADORA ESTA DIFICIL, O BANDO BRADESCO ME OFERECEU UMA CONTA PESSOA JURIDICA E JA ME OFERECERAM UM CORRESPONDENTE BANCARIO DO BANCO, PARA RECEBER CONTAS E BOLETOS. FIQUEI COM O CORRESPONDENTE BANCARIO JA FAZ UNS 2 ANOS, PAGANDO TAXA DE MANUTENÇAO DA CONTA PESSOA JURIDICA E RECEBENDO 0,30 CENTAVOS POR CONTA QUE EU RECEBO. TODO FINAL DE TARDE EU FAÇO O FECHAMENTO DO CAIXA, E NO DIA SEGUINTE ENTREGO NO BANCO OS VALORES QUE RECEBI, NO SABADO NA HORA QUE FECHEI A LOJA FUI EMBORA PRA CASA, NESSE CAMINHO EU PERDI OS VALORES QUE RECEBI DO CORRRESPONDENTE BANCARIO BRADESCO. ENTREI EM CONTATO COM O BANCO NA SEGUNDA INFORMANDO O OCORRIDO, AGORA ELES QUEREM QUE EU FAÇA UM EMPRESTIMO NO VALOR PERDIDO PARA EU PAGAR AO BANCO, SÓ QUE A TAXA DE JUROS QUE ELES ME PASSARAM É MUITO ALTA, E EU NAO TENHO COMO PAGAR. O QUE EU FAÇO. OBRIGADO.

    297. leticia disse,

      09/06/2014 @ 11:22

      Onde vejo as respostas referente aos assuntos citado acima?? Pois tenho um histórico parecido?? Preciso de ajuda.

    298. maria do carmo disse,

      25/06/2014 @ 11:34

      EMPRESTIMOS BANCARIOS Sou servidor publico estadual. Recebo pelo Banco do Brasil (conta corrente funcional/salário). Há uns 5 anos fiz um empréstimo consignado no HSBC e paguei uma parcela muito alat por mês pelo prazo de uns 2 anos. Ao final de cerca de 2 anos pagando ao HSBC, fiz um acordo e transferi a divida para CEF, que me ofereceu um prazo mais longo para quitação, e uma parcela mensal um pouco menor. Atualmente ainda faltam 109 prestações, totalizando quase 800 mil reais. Em 2011 eu financiei o meu imóvel pela CEF, sistema SAC, em 310 meses: todo dia 13 de cada mês eu tenho que depositar o valor da prestação na CEF para quitar a parcela do habitacional. Fui obrigado a fazer um novo empréstimo consignado no Banco do Brasil, com o restinho de margem consignável que eu ainda tinha na minha folha de pagamento, o que me leva mais R$ 672,00 todo mês. Sem ter mais margem para novos empréstimos consignados e como o salario não consegue pagar todas as despesas do mês, sou levado a utilizar o cheque especial e o cartão de credito de forma sistemática todos os meses. E, para cobrir o rombo do cheque especial e pagar a fatura do cartão de crédito no final do mês, eu vou aceitando as novas ofertas de CDC que o gerente do Banco do Brasil me apresenta a cada mês – virou uma “bola de neve”: eu uso o especial e o cartão de credito para completar o salario desfalcado pelos consignados e cdc; faço novo cdc para quitar o especial e o cartão. Os descontos dos empréstimos consignados são efetuados pela fonte pagadora – o Estado: eu já recebo com cerca de 1/3 do meu salario a menos. Os outros descontos mensais do financiamento habitacional e os CDCs são todos efetuados na minha conta salário no banco onde é creditado o meu pagamento todos os meses. No dia 13 de cada mês o meu salario praticamente já acabou depois de efetuados todos esses descontos (consignado, habitacional + cdcs). Dizem que o máximo de comprometimento da renda não pode ultrapassar 30% do salário, mas da forma como os bancos agem cdc por fora da folha de pagamento, debitados na conta salario), o correntista devedor se torna refém desse canibalismo financeiro. E não tem como escapar. Ou contrai novos empréstimos (CDC) para cobrir seus débitos, ou vai parar na lista suja do SERASA. Pelo que andei lendo na jurisprudência, “não existe” nada de ilegal nessas cobranças de juros praticadas pelos bancos (!!!). Alguem pode me orientar o que fazer? Muito grato! Ricardo
      ————————————————————————————————————————-
      Ricardo/Maria do Carmo

      A prática de adquirir seguidos empréstimos em diferentes bancos para pagar empréstimos anteriores é uma armadilha que vai direcionando você de forma descontrolada para um abismo sem saída que resultará definitivamente na sua desgraça financeira.

      Não sei qual escola aprenderam isso, todavia, considero um grande erro por parte do consumidor bancário comum.

      Os bancos têm liberdade para atuar no mercado, porém, não é permitido abuso por parte dos mesmos – e o consumidor mesmo sendo a parte mais fraca de uma relação de consumo detém da autoridade suficiente para detectar um abuso, para isso, basta “se sentir lesado”.

      -> E para compor um valor inadimplente existem regras e jurisprudências que balizam o assunto.

      A solução para esta questão seria parar tudo e estancar este vício de imediato negociando os valores devidos com todos os bancos em separado, eliminando os inchaços das dívidas e pleiteando condições adequadas à realidade financeira de fato para efetuar os pagamentos. – Vocês têm o perfil das vítimas preferidas pelos bancos e fortes candidatos a ganhar de presente processos de penhora de bens.

      Devem fazer uma autoavaliação no comportamento financeiro e rever práticas de consumo pessoal de acordo com as rendas geradas. Boa sorte.

      Marcos Antonyo Lima

    299. ana bela disse,

      07/07/2014 @ 11:36

      por favor pode me ajuda recebi uma carta do banco esta escrito que tenho 48 hora pra negosia mas dis que procederade imediato a penhora de bens isso e possivel

    300. ana bela disse,

      11/07/2014 @ 9:48

      bom dia gostaria de saber os banco pode penhora bens pois o valor que o banco quer nos cobrar impósivel nao esto trabalhando e nao tem como pagar e fui no procom pediru que eu espero os 5 anos pasar mas como ja recebi uma carta disendo que se nao ir la negosiar pra pagar enpenhora os bens por favor quem ta ai do otro lado pode me da uma ajuda por favor obrigado
      ——————————————————————————————————————————
      Ana Bela,

      O banco é abusivo em todas as suas práticas, porém, não possui diploma para penhorar bens de ninguém. – Não posso ficar repetindo aqui a todo instante a mesma resposta. – Seja paciente leia com atenção as respostas anteriores que encontrará uma que atenderá sua expectativa. – Ler os textos aqui publicados faz bem a saúde financeira. Boa sorte.

      Marcos Antonyo Lima

    301. marcia santy disse,

      13/07/2014 @ 16:33

      como faso tenho uma divida no banco eles pode penhora os bens asim como a da ana bela meu problemae igual o dela tanbem fui no procom e mandaro espera 5 anos sevcs pode ser quem ler e enteder de banco me ajuda escreva aqui que eu entro todo dia pra ve a resposta da ana bela mas ninguen responde obrigado
      —————————————————————————————————————————–
      Marcia,

      O banco é abusivo nesta prática, porém, não possui diploma para penhorar bens de ninguém. – Não serei repetitivo na resposta. – Seja paciente leia com atenção as respostas anteriores que encontrará uma que atenderá sua expectativa a exemplo da Ana Bela. Boa sorte.

      Marcos Antonyo Lima

    302. wendel da costa pinto disse,

      20/07/2014 @ 8:32

      Tinha um protesto em banco, paguei a divida dei baixa no protesto e mesmo assim nenhun banco quer financiar um veiculo para mim, porque?
      ——————————————————————————————————————————
      Meu caro,

      Alguns bancos possuem, em “off”, um cadastro analítico interno do perfil dos seus clientes, – compartilhando as informações nele contida com outros parceiros comerciais e, com base no mesmo, decidem a favor ou contra da concessão de novos benefícios para consumidores e ainda, associando o perfil destes à pratica de venda casada de produtos do banco. – É uma extensão dos tentáculos abusivos dos bancos brasileiros. – Pode estar aí a explicação para o seu caso. – Sugiro tentar sua operação em outras instituições financeiras disponíveis, pois, – talvez consiga naquela que dispõe de cadastro não compartilhado. Boa sorte.

      Marcos Antonyo Lima

    303. Rodrigo dos Anjos disse,

      21/07/2014 @ 16:26

      Boa tarde preciso de sua orientaçao…devo ao itaú 1172,00 desde fevereiro de 2010 que já seria Uma renegociação acontece que na época fiquei desempregado E não pude dar continuidade aos pagamentos qd me restabeleci O valor que eles cobraram estava praticamente fora Da realidade a última proposta que me fizeram Foi a seguinte…3174,00 a vista ou 48x de 113,00 Será que este valor está dentro dos padrões ?

    304. gomes disse,

      21/07/2014 @ 17:10

      Tenho uma divida de + ou – R$50,000,00 reais com a CEF e outra com a caixa no valor de R$14,000,00 no cartão de credito Santander. Não pago essas contas desde 2012 o que pode acontecer comigo? Não tenho nada em meu nome e estou sem dinheiro algum. O que faço? Não possuo nenhum bem em meu nome. A não ser uma conta PJ.

    305. VALDELICE PINHEIROS disse,

      22/07/2014 @ 14:16

      BOA TARDE UMA AMIGA BUSCO RESPOSTA AQUI ENTAO VENHO PEDIR SUA AJUDA TENHO UMA DIVIDA NO BRADESCO COM JURO ELA GIRA ENTORNO DE 28 MIL A TRIMTA MIL NAO PARA DE CRECER ELES ME LIGAVAM DAS 8 A 6 ERA TANTA LIGACAO QUE DEXEI DE ATENDER LA NAO DA NEGOCIO NAO DA ELES QUEREM DO JEITO DELES SE EU DEXA ESPERAR DAR OS 5 ANOS ESTA CONTA VAI ZERA A GERENTE ME LIGO E DISE QUE IA ADISIONAR O ADVOGADO DISE QUE NAO TENHO COMO PAGAR EU JA DISE AELES E IMPOSIVEL PAGAR SERA QUE ESTA CONTA ELA PODE ZERA QUANDO CHEGAR 5 ANOS OBRIGADO

    306. Mara disse,

      23/07/2014 @ 14:05

      Boa tarde. Fiz um empréstimo bancário em 2008 só que fiquei desempregada e não pode pagar. Assim que voltei a trabalhar foi negociar a divida e eles não achavam e ficaram de me ligar. Nada deles ligarem, o ano passado fui la de novo e nada de achar a divida e nem de ligar. Ai descobri que a divida de 2008 foi jogada pra 2010. Eles podem fazer isso? Pq era pra limpar meu nome o ano passado, fui la de novo esse ano e a mesma conversa que me ligariam depois e ate agora nada. Obrigada.

    307. Tiago Flores. disse,

      28/07/2014 @ 10:36

      Olá bom dia, estou adquirindo um financiamento pelo banco do brasil através de uma corretora. Nesse período fui demitido da minha empresa sendo que o contrato não tem carência, fui até o banco tentar negociar e conversar diretamente com eles pois me afirmaram que a papelada está no banco central ( brasilia ), sendo assim ainda não tinha sido aprovado mas os engenheiros já fizeram a vistoria, quando falei sobre o ocorrido e mostrei o termino de contrato da minha empresa me falaram o seguinte dentro do banco:” Os papeis já estão todos encaminhados, vamos fazer assim. Nós não constamos no sistema que você foi pra rua, FICA SÓ ENTRE EU E VOCÊ, e assim o financiamento é aprovado ” Obviamente que não era isso que eu gostaria pois não tenho condições de arcar com uma dívida de R$ 106mil se não estou empregado e pedi para que ela botasse no sistema que eu fui demitido para o banco negar esse financiamento. Ao contrário disso fui tratado como um zé ninguém com toda arrogância, e falaram que podem por no sistema isso, mas terei que pagar R$ 1,400,00 para o engenheiro que fez a vistoria, sendo que em nenhum momento me constaram isso e outra, todo financiamento que é negado eu tenho AINDA que arcar com uma dívida ? Pois me falaram que se meu nome tivesse sujo ou fizesse um outro empréstimo o banco não aprovaria nada. Sem contar que conversando diretamente com a corretora a parcela ficaria R$ 600,00 primeira vez, já teve 2 reajuste sendo um de R$ 620,00 outro de R$ 650,00 agora estão querendo me empurrar a parcela acima de R$ 700,00 que quando conversei com a corretora deixei bem claro que o máximo que poderia pagar era R$ 600,00. Quando fui falar com a corretora e disse que esse não tinha sido o combinado ainda me ameaçou dizendo que o que eu estava alegando era crime calunia e iria me botar um processo. É muito triste saber que você mora num país escroto e medíocre como esse onde as pessoas pensam somente em sí.

    308. Ricardo disse,

      01/08/2014 @ 2:54

      Tenho empréstimo consignado no bb o qual toma quase 50% do meu salário e não agüento mais pagar estou com muitas dificuldades oq eu faço

    RSS feed for comments on this post · TrackBack URI

    Deixe um comentário